Ir para o Conteúdo da página Ir para o Menu da página
Carregando Dados...
4
* as opiniões expressas neste espaço não representam, necessariamente, a opinião do 4oito
Adelor Lessa
Por Adelor Lessa 03/08/2021 - 19:33Atualizado em 03/08/2021 - 19:42

A Secretaria de Infraestrutura do estado está viabilizando importantes obras para a região Sul. O governador Moisés deve estar na região provavelmente nessa semana ou senão durante o mês de agosto, vir duas vezes, para lançamento e encaminhamento das obras da Rodovia da Imigração Italiana, em Pedras Grandes e da Serra do Corvo Branco. Depois licitação e encaminhamento nas obras da Serra do Faxinal. São obras importantes na região, obras estruturantes. 

Essa obra na Serra do Corvo Branco por exemplo eu estava lembrando hoje pela manhã durante a entrevista com o secretário de Infraestrutura do estado, Thiago Vieira, que no final da década de 70 o deputado Laurinho André da Silva, estava na tribuna da Assembleia fazendo um discurso contunde sobre a importância da retomada dos trabalhos. Estamos falando da década de 70 e só agora as obras estão sendo retomadas e encaminhadas para a conclusão. Para ver como as coisas  aqui para o Sul são mais difíceis.

Confira o comentário na íntegra:  

Adelor Lessa
Por Adelor Lessa 03/08/2021 - 07:39Atualizado em 03/08/2021 - 07:39

Na segunda-feira, 02, tivemos duas opiniões distintas no programa sobre o voto impresso. A minha opinião e a do Moacir Pereira. Ele pensa de um jeito e eu de outro e durante o dia, nós dois fomos atacados.

De um lado chamam de comunista e do outro, de facista e golpista. Nós dois somos comentaristas, temos que cumprir o papel de dar opinião sem apresentação de sono da verdade ou pretensão de opinião final. 

Esse episódio nos leva mais uma vez à conclusão de que está faltando tolerância e respeito. Precisamos recuperar a capacidade de ouvir os que pensam diferente, a tolerância tem que ser resgatada. 

Precisamos resgatar a tolerância

A capacidade de ouvir o diferente tem que ser recuperada

Ouça o áudio completo abaixo:

Adelor Lessa
Por Adelor Lessa 02/08/2021 - 20:02Atualizado em 03/08/2021 - 05:42

Faleceu no final da tarde de ontem, em Araranguá, o ex-prefeito Osmar Nunes, 85 anos completados hoje.

O seu filho, desembargador Osmar Nunes Junior, informou que ele foi encontrado no carro, estacionado, já sem vida.

Provavelmente, teve um mal súbito e não resistiu.

Osmar foi prefeito ainda jovem. Tinha apenas 27 anos.

Ele era o radialista mais popular da cidade, quando comandava o programa "A Hora do Recado", o  primeiro programa de classificados no rádio na região.

Na época, se elegeu prefeito e protagonizou um embate que ficou conhecido como "o tostão contra o milhão".

Ele era o tostão, e o seu adversário era o homem mais rico da cidade, Walter Belinzoni. 

Ele comandou o município entre 1966 e 1970.

Osmar voltou ao rádio depois que concluiu o mandato de prefeito e escreveu para vários jornais, em especial O Estado, de Florianópolis, Correio do Povo, de Porto Alegre, e os diários criciumenses Correio do Sudeste, Jornal da Manhã e Tribuna Criciumense, entre outros.

Fui seu amigo, e "afilhado". O meu primeiro emprego na mídia de Criciúma foi franqueado por ele, na sucursal de Criciúma do jornal O Estado.

 

O início

Osmar Nunes nasceu em Criciúma e teve o primeiro contato com a comunicação ainda aos 14 anos.

"Minha mãe costurava para a esposa do dono da rádio Eldorado. Certo dia após entregar o serviço pediu emprego para mim. A partir dali virou amor e nunca mais larguei o rádio", afirmou Osmar Nunes em entrevista que fiz com ele para o programa Nomes e Marcas da Som Maior, que foi levado ao ar em setembro de 2020.

Confira a entrevista com Osmar Nunes: 

Adelor Lessa
Por Adelor Lessa 02/08/2021 - 13:01Atualizado em 02/08/2021 - 13:08

O Tribunal Regional Federal indeferiu o recurso do advogado, Marcos Fey Probst, que defende o prefeito de Urussanga Gustavo Cancelier. 
O recurso pedia a volta dele ao cargo. Ele foi afastado na Operação Benedetta deflagrada pela Polícia Federal e pela Justiça Federal e que  investiga ilicitudes no poder executivo municipal. 

As investigações apuram desde lavagem de dinheiro até peculato. 

Há cerca de 10 dias o Ministério Público já havia se posicionado contra o retorno do prefeito ao cargo e agora o Tribunal Regional Federal confirmou o parecer do MP. 

O inquérito da Polícia Federal, que está apurando as denúncias na prefeitura de Urussanga, deve ser concluído em setembro e provavelmente até lá Cancelier não deva ter autorização para voltar ao cargo.

Adelor Lessa
Por Adelor Lessa 02/08/2021 - 08:00Atualizado em 02/08/2021 - 08:00

Nós temos muitos problemas reais para tratar antes de ficar fazendo barulho em torno de algo que não faz sentido. O sistema de votação eletrônica no Brasil nunca teve nenhum processo de fraude, é auditável antes, durante e depois das eleições. 

São três mídias no voto auditável: interna que armazena, externa que realiza o backup e resultado que registra o final da votação. E, todas elas ficam abertas para verificação.

É o que usamos em cada cobertura na eleição, o que querem na prática é apuração manual, voto a voto, como era no passado e aí sim… marcado por fraude! Também é um processo eleitoral velho e antigo. 

Alimentaria a compra de votos, seria a  volta do “carbonado”, onde paga uma pessoa durante a votação para ganhar seu voto e após o voto ser dado, paga de novo a outra parte. 

Ouça o áudio completo abaixo: 

Adelor Lessa
Por Adelor Lessa 30/07/2021 - 20:01Atualizado em 30/07/2021 - 20:22

Foi uma sexta-feira cheia de fatos novos na política.

Começou com o deputado do sul José Milton Scheffer, PP, afirmando na rádio Som Maior  que o governador Carlos Moisés, sem partido, será candidato à reeleição e que tem convicção que ele estará no segundo turno.

Disse que não conhece conversações para Moisés filiar-se no PP, mas que ele seria "muito bem recebido".

Depois disso, o vereador Miguel Pierini e o vereador licenciado Miri Dagostim, secretário municipal de educação, se reuniram em Criciúma com o ex-deputado Valmir Comin, os três do PP (foto).

Pierini informou que eles pediram que Comin seja candidato a deputado federal, e que Comin aceitou.

"Foi uma conversa olho no olho, pedido feito ao Comin para ser pré-candidato a deputado federal, e o pedido foi aceito", disse.

Em principio, o candidato do PP de Criciúma e região a deputado federal seria o ex-deputado Jorge Boeira. Perguntado a respeito, Pierini respondeu:

"Até o momento ele não se manifestou".

Boeira teve na noite anterior uma reunião com deputado José Milton para encaminhar sua candidatura a federal e na semana passada com o prefeito Joares Ponticelli, de Tubarão.

A inicitiva dos vereadores sugere que há pelo menos problema de sintonia entre Boeira e os vereadores do partido (o licenciado e o que está no exercício do mandato).

De outro lado, se Comin for candidato a federal, Boeira será candidato a estadual? Ou ficará sem espaço no PP?

 

PSD define o rumo

Na Capital, final da manhã, o presidente nacional do PSD, Gilberto Kassab, reuniu o partido para dar o "norte" para eleição de 2022.

Na eleição presidencial, o PSD estará longe de Bolsonaro. Vai filiar o presidente do Senado, Rodrigo Pacheco, e fazê-lo candidato a presidente.

Na eleição estadual, o PSD terá candidato a governador e o nome será, entre os três que estão hoje no processo, o que estiver melhor nas pesquisas março ou abril.

Em outras palavras, mandou Raimundo Colombo, Napoleão Bernardes e João Rodrigues "pegar a estrada" em campanha.

Além disso, desautorizou conversas sobre possibilidade de o PSD apoiar candidatos de outros partidos, como Gean Loureiro, filiado ao DEM, e o governador Carlos Moisés, que está sem partido, mas em vias de filiar no PR. A não ser que eles filiem no PSD.

 

MDB confirma prévia

Para fechar o dia, o MDB catarinense anunciou que o dia 23 vai definir a data para realização da prévia que apontará o candidato a governador.

Primeira leitura: se vai definir a data da prévia, é porque vai ter prévia.

A movimentação principalmente de deputados estaduais contra a prévia não prosperou.

Em princípio, três nomes continuam no páreo: Dario Berger, Antídio Luneli e Celso Maldaner.

Na pratica, só dois: Antídio x Dário.

Antidio é bolsonarista assumido.

Dário firmou posição contra Bolsonaro.

Ao assumir tal postura, Dário faz contraponto ao seu concorrente no MDB, mas também sinaliza para a esquerda, para onde pode ir se não for o candidato do MDB.

Dário já teria conversas encaminhadas com o PSB e pode ser aliado de Lula no estado.

 

 

 

 

Adelor Lessa
Por Adelor Lessa 30/07/2021 - 13:54Atualizado em 30/07/2021 - 18:12

O ex-governador Raimundo Colombo acompanhou a agenda do presidente nacional do PSD, Gilberto Kassab, em Florianópolis nesta sexta-feira, 30. A visita dá início a um novo roteiro nacional de conversas em torno de um projeto nacional do partido para as próximas eleições. “Estamos estudando e dialogando muito para procurar o melhor caminho para o futuro do Brasil”, afirmou Colombo.

“Santa Catarina foi o berço do nascimento do PSD, com um quadro político importante que ajudou a construir o partido aqui e nacionalmente. E agora o cenário se repete e, em 2022, vamos ter candidato ao governo de Santa Catarina e à presidência da República”, destacou Kassab.

O presidente nacional do partido ressaltou, no entanto, que não existe pré-campanha e que as lideranças do partido trabalham para ajudar efetivamente no combate à pandemia e na promoção da retomada econômica.

 

Adelor Lessa
Por Adelor Lessa 30/07/2021 - 10:53Atualizado em 30/07/2021 - 10:54

O presidente estadual do MDB Santa Cataria, Celso Maldaner, convocou a reunião do diretório para o dia 23 de agosto, uma segunda-feira, no hotel Castelmar, em Florianópolis. Durante o encontro os 71 membros do grupo devem definir a data que será realizada a prévia que definirá o candidato emedebista ao governo do estado. 

A votação inédita em Santa Catarina, permitirá que os mais de 180 mil filiado do partido definam quem será o representante do MDB no pleito de 2022. Os três pré-candidatos são o deputado federal Celso Maldaner, o senador Dario Berger, e o prefeito de Jaraguá do Sul, Antídio Lunelli. 

Na oportunidade será criado também uma uma comissão eleitoral para tratar das candidaturas proporcionais para Deputado Estadual e Federal.

Adelor Lessa
Por Adelor Lessa 30/07/2021 - 08:41Atualizado em 30/07/2021 - 08:46


O criciumense Luiz Antônio Cascaes teve uma bela surpresa no aeroporto de Doha, no Catar. Esperando o voo, acabou encontrando dois grandes atletas Brasileiros e mundiais. O medalhista olímpico Ítalo Ferreira e o bicampeão mundial de surf, Gabriel Medina.

Além do registro, ele ainda realizou um sonho de todos os brasileiros: ver de perto a tão desejada medalha olímpica. De acordo com Luiz os dois atletas, além de serem grandes nomes do esporte mundial, são muito gentis e receptivos.

 

Adelor Lessa
Por Adelor Lessa 30/07/2021 - 08:18Atualizado em 30/07/2021 - 08:24

Estamos fechando o mês de julho e na semana que vem o governador de Santa Catarina, Carlos Moisés, já terá sancionado a nova Reforma da Previdência, pois será aprovado dia 4, na próxima quarta-feira.

Mas esse não é um projeto de consenso para todos, porém se for preciso, o governo vai passar o trator por cima e aprovar a reforma como quer e como está previsto. 

Essa reforma não irá resolver o problema da previdência, será mais um ajuste. Ainda não acharam uma reforma que resolva esse problema do caixa. 

A reforma que vem aí não é a solução! Penso que não é justo e nem correto cobrar essa conta parte dos que os aposentados recebem.

Confira o áudio completo abaixo:

Adelor Lessa
Por Adelor Lessa 29/07/2021 - 07:51Atualizado em 29/07/2021 - 07:51

Foi encerrado nesta quarta-feira, 28, o processo para decisão do novo desembargador do Tribunal de Justiça de Santa Catarina. O governador Carlos Moisés anunciou Diogo Pitsica. 

Salvalágio está na lista tríplice mas não foi escolhido, porém saiu vitorioso do processo. Em todas as etapas, ele foi um dos maiores. No que dependeu dele e dos seus conhecimentos técnicos, foi muito bem e uniu todos da cidade e região. 

O governador escolheu o advogado mais votado em todos os processos, mas não tinha a obrigação de escolher o mais votado. A lei diz que ele pode escolher quem quiser e sem precisar explicar  a escolha. 

A escolha de um governador se dá em um ambiente político e a movimentação política influencia. 

Ouça o comentário completo abaixo:

Adelor Lessa
Por Adelor Lessa 29/07/2021 - 06:48Atualizado em 29/07/2021 - 06:56

PSDB de Içara tem um novo presidente. José Dilnei Mendes, ex vereador e fundador do partido, foi eleito por consenso.

"Agora é trabalhar o partido para o desenvolvimento e crescimento", disse a vereadora Silvia Marreca Mendes.

O PSDB tem dois vereadores em Içara. Silvia Marreca e André Jucoski, o Polakinho.

 

Adelor Lessa
Por Adelor Lessa 28/07/2021 - 18:50Atualizado em 28/07/2021 - 19:46

O governador Carlos Moisés, sem partido, escolheu o advogado Diogo Pitsica para ser o novo desembargador do Tribunal de Justiça de Santa Catarina na vaga do quinto constitucional (que cabe aos advogados).

Anúncio foi feito pela assessoria do Governo:
"Entre os excelentes nomes que compunham a lista triplice advinda do TJSC,  o governador acaba de optar pelo primeiro colocado da relação.

O proximo desembargador da vaga do 5° constitucional  é o Dr Diogo Pitsica".

Pitsica é de Florianópolis, tem um dos mais importantes escritórios de advocacia da Capital, com atuação em todo o Estado.

Ele foi o mais votado na votação direta entre os advogados para montagem da lista sextupla e na votação no plenário do Tribunal de Justiça  para montagem da lista tríplice.

Carlos Salvalágio, de Criciúma, foi o segundo mais votado e estava bem cotado. Seria alternativa à Pitsica.

Mas, o Governador decidiu seguir a ordem das votações dos advogados e do Tribunal.

 

 

 

 

Adelor Lessa
Por Adelor Lessa 28/07/2021 - 07:41Atualizado em 28/07/2021 - 07:41

Dormi e acordei indignado pelo o que fizeram ontem, terça-feira, 27, com o Criciúma e ao mesmo tempo com a região e o estado inteiro. 

Foi um desrespeito sem explicação. No mesmo jogo, pênalti a favor do Criciúma: o juiz para, confere e manda esperar para confirmar o gol. 

Minutos depois, lance dentro da área do Criciúma, zero dúvidas se foi fora e o juiz marca pênalti.

O juiz se mostra apressado, manda bater logo o pênalti e assim o Fluminense fez 1 gol e a vitória de 2 a O do Criciúma não aconteceu. 

Com diferença de apenas um gol, ficou mais difícil pro Criciúma segurar. Essa falha grave pode interferir na classificação do Criciúma e para conquistar o Bi.  

Ouça o áudio completo abaixo:

Adelor Lessa
Por Adelor Lessa 27/07/2021 - 15:00Atualizado em 27/07/2021 - 15:06

O vereador Juninho Venturini, MDB, assume a presidência da Câmara de Vereadores do Balneário Rincão.

Ficará na função por 30 dias.

Juninho assume em função da licença do vereador-presidente Ademar Darolt, MDB.

Nenhum suplente assumirá a cadeira deixada por  Darolt porque ele pediu licença para tratamento de saúde.

Consta na Lei Orgânica do Município que para assumir o suplente, o vereador que se licenciar por motivo de saúde terá que ser um prazo maior que 90 dias.

Neste caso, a licença será de apenas 30 dias.

Juninho é uma das novas lideranças do Rincão e do MDB, e está cumprindo o seu primeiro mandato de vereador.

 

Adelor Lessa
Por Adelor Lessa 27/07/2021 - 07:35Atualizado em 27/07/2021 - 07:35

Todos já devem ter ouvido alguma conversa que inclui o “bode na sala". Dizem que vem de uma parábola em que um chines reclamava que sua vida estava um inferno. Na mesa faltava comida e todos reclamavam. 

Um amigo então sugeriu que colocasse o tal bode na sala. O bode, além de sujar o local, exalava um cheiro horrível. Então foi retirado, e os ânimos dentro da casa nunca estiveram tão bons.

Alguns políticos colocam um bode na sala para desviar a atenção. Explicando melhor e pegando um exemplo mais prático: consideramos que um fundo eleitoral fosse anunciado com R$ 4 bilhões. 

Seria um rombo no caixa, porque o governo não tem dinheiro para o básico, como por exemplo, concluir a obra na BR-285 que está parada.

Ouça o áudio completo abaixo:

Adelor Lessa
Por Adelor Lessa 27/07/2021 - 06:46Atualizado em 27/07/2021 - 06:48

Nesta época de frio intenso, volto ao final da década de 70.
Rogério Tarzan era prefeito de São Joaquim.
Ele corria o estado e o país falando das maçãs e do frio da sua cidade.
Queria atrair muitos turistas.
Já garganteava que era a cidade mais fria do Brasil. E dava certo.
Não tanto quanto hoje, mas muitos turistas subiam a serra na época de frio intenso. Principalmente quando tinha previsão de neve.

A Tv Eldorado era a emissora de televisão que gerava de Criciúma para todo o estado.
As nossas reportagens então, todas, eram vistas “por toda Santa Catarina”(como diria LHS), e de vez em quando pelo país, porque fazíamos parte da rede Bandeirantes.

As boas reportagens, o nosso editor oferecia para a Bandeirantes.
Quando tinha uma pauta interessante por aqui a Bandeirantes pautava.
Foi assim num ano muito frio, mais ou menos nessa época, quando todas as previsões projetavam neve intensa para São Joaquim.
Então, subimos a serra.

Amilton Luiz era o cinegrafista (craque, o melhor) e também motorista.
Eu estava na minha primeira experiência de Tv. Tinha 1 ano e meio.
Vinha da sucursal do jornal O Estado (o primeiro jornal estadual, que hoje não existe mais), e da radio Araranguá.
Subimos, só nós dois, as 5 da manhã.
Frio de congelar até o pensamento.

Chegamos na Serra do Rio do Rastro e ainda não tinha amanhecido o dia.
Hoje, a serra está pavimentada, tem iluminação e guard rail (muretas de proteção).
Naquela época, não tinha nada disso.
Nem pavimentação, nada de iluminação, e apenas uns pedaços de mureta.

Como aquela tinha sido a noite mais fria do ano, a água que corria na serra congelou, formando uma camada de gelo na pista.
O carro da reportagem da Tv Eldorado era uma Caravan (uma perua de porte grande, derivada do Chevrolet Opala). Pode ter sido o que nos salvou.

Numa das curvas, o carro patinou numa camada de gelo, e começou a descer. Para o lado. Na direção do “penhasco”.
Eu arregalei os olhos, mas o Amilton, motorista "de mão cheia”, procurou tranquilizar: “deixa comigo, vou tirar o carro daqui no braço”.
Mas, era muito gelo!

A Caravan marron continuou a descer, indo na direção do penhasco, silêncio absoluto dentro do carro, os segundos pareciam horas, e o Amilton não conseguia dar a volta.
Até que o carro parece que descolou e “se foi de vez”. Ficamos esperando a queda!

Mas, o carro bateu em alguma coisa e parou.
Era noite ainda, tudo escuro, não passava ninguém.
Não sabíamos onde ou no que tinha batido.

Primeira reação: “vamos sair correndo daqui”.
Mas, o Amilton, cauteloso, experiente, orientou: “a gente não sabe o que tem lá fora, nem onde o carro trancou, tem que sair bem devagar para não mexer”.
E assim foi feito. Descemos com cuidado, pisando em ovos, para não escorregar na camada de gelo sobre a pista.

Lá fora, sentados no chão, minutos de silêncio, sem um olhar para o outro.
Coração saindo pela boca.

Quando começou a amanhecer, vimos que uma ponta do parachoque do carro tinha batido num pedaço de mureta.
Alguns centímetros para a direita, não tinha mureta. Seria direto para o penhasco.
Ficou mais tenso ainda !

Mas, foram necessários apenas alguns minutos para nos restabelecermos.
Depois de uma água mineral, e contar o acontecido para os motoristas e turistas que começaram a passar, esperamos o sol derreter o gelo na pista e seguimos na direção de São Joaquim.

Lá, falamos com o prefeito Tarzan na praça (foto), com turistas fazendo boneco de neve, e foram muitas imagens maravilhosas. Tudo branquinho.
Fizemos uma bela reportagem e à noite estávamos no Jornal da Band, para todo o Brasil.
Mas, só com neve, frio, gelo, turistas e o clima europeu de São Joaquim.

O susto na serra, ficou só pra nós.

Adelor Lessa
Por Adelor Lessa 26/07/2021 - 13:34Atualizado em 26/07/2021 - 13:48

O promotor Carlos Eduardo Tremel de Faria  ajuizou Ação Direta de Inconstitucionalidade perante o Tribunal de Justiça contra o Governo do prefeito Clesio Salvaro por causa da lei das contratações temporárias, encaminhada pelo prefeito e aprovada na Câmara de Vereadores.

Na ação, o promotor pede liminarmente a suspensão dos efeitos da lei até julgamento de mérito.

O promotor sustenta que a lei aprovada é inconstitucional, por afrontar dispositivos da Constituição do Estado e da Constituição da República.

Antes de o projeto de lei de iniciatica do prefeito Salvaro ser votado na Câmara, o promotor apelou aos vereadores para que discutissem mais a proposta.

Fez apelo pessoal e depois por escrito.

Mesmo assim, os vereadores preferiram levar o projeto à votação com dispensa de pareceres das comissões técnicas, numa tramitação de menos de uma semana.

O ingresso da ação era previsto.

Agora, aguarda-se manifestação do Tribunal de Justiça sobre suspensão dos efetios da lei, antes da análise de mérito.

 

Adelor Lessa
Por Adelor Lessa 26/07/2021 - 07:33Atualizado em 26/07/2021 - 07:33

O alerta sobre a pandemia vem dos Estados Unidos (EUA), do principal especialista em doenças infecciosas do país. 

Ele afirmou que o país está indo na posição errada e que isso tem aumentado os casos nos EUA, e antes esses número tinham despencado. 

Fizeram uma campanha forte de vacinação bem sucedida, onde 49% da população recebeu as duas doses da vacina. E então, as pessoas começaram a se soltar. 

Este alerta de lá pode servir para cá. Os números por aqui também estão caindo, infectados e internados, por exemplo, mas estamos muito longe do índice de lá. 

Ouça o comentário completo abaixo:
 

Adelor Lessa
Por Adelor Lessa 25/07/2021 - 12:58Atualizado em 25/07/2021 - 14:02

Criciúma perde mais do que um dos históricos.  Mauro Meller foi um homem bom, de bem, envolvido com os principais movimentos da cidade no seu tempo.

Foi participante dos clubes de serviço, dirigente do Comerciário, liderou ou esteve envolvido com muitas campanhas comunitárias.

A sua marca era aquela risada longa, ouvida na outra quadra. 

Homem alegre, era um "animador de ambientes". Com ele, não tinha conversa ruim.

De fácil relacionamento, um gentleman. 

Trabalhou nas empresas de Wilson Barata, como representante comercial, e depois na Transportadora Manique.

Faleceu no início da manhã de hoje, aos 90 anos, em Florianópolis, onde estava morando.

O velório acontece a partir de 15h no salão de atos do Crematório Vaticano, no bairro Itacorubi, Florianópolis.

   

4 5 6 7 8 9 10 11 12 13 14 15 16