Ir para o Conteúdo da página Ir para o Menu da página
Carregando Dados...
4
* as opiniões expressas neste espaço não representam, necessariamente, a opinião do 4oito
Thiago
Por Thiago 24/06/2021 - 09:34Atualizado há 9 horas

A Porsche Cup estará de volta neste sábado, na etapa de Curitiba. Nossos representantes da casa estarão mais uma vez na disputa, o piloto André Gaidzisnki correndo pela categoria GT3 3.8 e a equipe Farben, de Içara, representada por Enzo Elias na Carrera Cup 4.0.

Depois de conquistar um pódio na segunda corrida de Velocittá, Gaidzinski espera repetir a dose no circuito paranaense. "Estamos brigando por dois pódios, tanto na primeira quanto na segunda corrida. Não só na nossa categoria GT3 Sport, mas na geral também. A gente tem condições para isso", comenta o criciumense. Ele também vem mostrando grande evolução na classificação, já que esteve entre os dez primeiros na etapa de Mogi Guaçú.

André Gaidzinski / Foto: Luca Bassani

Já a equipe de Içara chega com um objetivo mais ambicioso, já que eles são os líderes do campeonato e vem de dois pódios na primeira etapa. E Enzo tem boas lembranças da pista, visto que em 2019 foi fundamental para que conquistasse o título da GT3. "Naquele ano, a gente foi muito rápido lá, brigamos pela pole position e ganhei a primeira corrida no sábado. E vou brigar de novo lá, sei que a gente tem boas chances", comentou o piloto brasiliense.

Enzo Elias Farben / Foto: Luca Bassani

Confira os horários da Porsche Cup para não perder nada! Lembrando que as transmissões acontecem na Band, SporTV e no Youtube da Porsche Cup Brasil.

Sábado, 26 de junho

09:15 – 09:30 – Classificação –  CARRERA 4.0

09:45 – 09:55 – Classificação (Top 10) –  CARRERA 4.0

10:05 – 10:20 – Classificação –  GT3 3.8

10:35 – 10:45 – Classificação (Top 10) –  GT3 3.8

13:22 – 13:50 – Corrida 1 – (25 min + 1 volta) –  CARRERA 4.0

14:10 – 14:38 – Corrida 1 – (25 min + 1 volta) – GT3 3.8

Domingo, 27 de junho

14:22 – 14:50 – Corrida 2 / Race 2 – (25 min + 1 volta) –  CARRERA 4.0

15:10 – 15:38 – Corrida 2 / Race 2 – (25 min + 1 volta) –  GT3 3.8

Thiago
Por Thiago 21/06/2021 - 09:45Atualizado em 21/06/2021 - 10:58

Schumacher x Hakkinen, Alonso x Schumacher, Hamilton x Massa, Alonso x Vettel, Hamilton x Rosberg, Vettel x Hamilton... Foram tantos duelos na Formula 1 desde o início dos anos 2000 que fica complicado de avaliar onde está, na história, o grande duelo de momento entre um heptacampeão e um jovem talento em em seu nível mais alto.

O único que mais se aproxima é o embate de 2006. Schumacher, sete vezes campeão do mundo e em reta final de carreira, contra Alonso, um jovem espanhol que havia conquistado o título em 2005. A diferença, neste caso, é que o espanhol dominou a primeira metade de campeonato, e a Ferrari só foi começar a reagir a partir do GP dos Estados Unidos, inclusive com Felipe Massa tendo forte colaboração auxiliando o alemão. Tanto que desde aquele momento, Alonso só venceu uma prova, e Schumacher chegou a ser líder por uma corrida, mas perdeu na última etapa, no Brasil.

Foto: AFP

Agora, o momento é outro. Hamilton continua o mesmo dos sete títulos, e Verstappen, com um carro também muito competitivo, conseguindo brigar por poles e vitórias, travam um duelo histórico desde a primeira etapa. Diferente do duelo de 2006, não existe um domínio claro de uma equipe em momentos distintos, mas uma guerra declarada entre Red Bull e Mercedes, que vai ser decidida não apenas nas pistas, mas no emocional, psicológico e mental, quase como Hunt x Lauda no filme Rush (sem que ninguém se acidente, claro).

O campeonato deste ano anda tão disputado que até o GP da França, que tem um dos piores circuitos do calendário, sempre corridas mornas por lá, foi bem movimentada. Verstappen venceu, e ainda contou com uma revanche do que aconteceu em Barcelona, uma vitória na estratégia, que deixou Toto Wolff, chefe de equipe da Mercedes, desconcertado. Hamilton liderou a maioria das voltas em Paul Ricard, mas em nenhum momento esteve claro que iria vencer, o oposto do que vinha acontecendo nas corridas anteriores.

Thiago
Por Thiago 17/06/2021 - 10:49Atualizado em 17/06/2021 - 11:06

Tem Brasil de volta às pistas neste sábado! A Formula 3 retorna a ativa em Paul Ricard, na França, como corrida suporte da Formula 1, após um mês de intervalo desde a primeira etapa em Barcelona. Os brasileiros Caio Collet e Enzo Fittipaldi estarão na disputa, depois de bons desempenhos na Espanha: Caio vem de um pódio e Enzo de uma quase vitória na corrida 2.

O @HoradeAcelerar conversou com Collet, que está com boa perspectivas para a França. "Acho que ainda tem muito a melhorar, eu ainda preciso me adaptar melhor ao carro. Principalmente em classificação, que em Barcelona não fui muito bem (oitavo colocado), já que meu carro estava muito bom. Se a gente conseguir acertar e conseguir classificar entre os cinco primeiros vou ficar bem feliz e brigar por um pódio na corrida principal, a de domingo, é meu próximo objetivo", comentou o piloto.

Dutch Photo Agency
Créditos: Dutch Photo Agency

O brasileiro é sexto colocado no campeonato, com 20 pontos, quatro a menos que seu companheiro de equipe Victor Martins.

Confira a entrevista completa ao Hora de Acelerar:

 

Thiago
Por Thiago 14/06/2021 - 10:32Atualizado em 14/06/2021 - 20:14

Nunca vi tanta bandeira vermelha balançada quanto teve nessas últimas duas semanas. Em qualquer lugar, uma bandeira vermelha simboliza perigo, que algo grave aconteceu ou que há um grande risco de um problema aparecer. No automobilismo de hoje, esse tipo de sinalização é raro, principalmente com o tanto de segurança que os carros tem, que mesmo com uma batida forte, apenas um sinal de atenção para os pilotos é necessária. 

Mas nesses dois últimos finais de semana, em pelo menos em três corridas importantes, essa situação incomum passou a ser 'regra'. Na Formula 1, por exemplo, tivemos a sinalização de perigo máximo acionada praticamente a cada dez minutos no sábado, e mais uma vez no domingo. E não é porque as corridas de repente ficaram extremamente perigosas, mas existe uma nova forma de aplicar a bandeira vermelha: a de aproveitar o tempo de evento.

Vejamos o caso do basquete ou futsal, toda vez que a bola vai para fora, ou é falta, ou paralizado por qualquer situação, o cronômetro para. E isso continua até que a partida termine rigorosamente no minuto determinado, sem acréscimos. No automobilismo não existe tempo extra, se a corrida tem duração de 50 voltas, ela não terá 51, mesmo que tenha dez paralizações.

E é justamente por isso que a Formula 1 parou a prova faltando duas voltas para acabar no Azerbaijão; ou a Indy que também mandou uma bandeira vermelha em Detroit neste sábado, mesmo que a batida que originou isso tenha sido um acidente normal; ou na prova de ontem na Nascar, onde simplesmente não existiu bandeiras amarelas, apenas verdes e vermelhas, para aproveitar rigorosamente todas as 100 voltas no Texas.

Marcus Ericsson venceu a Indy no sábado, se aproveitando da bandeira vermelha no final

 

Thiago
Por Thiago 10/06/2021 - 11:10Atualizado em 10/06/2021 - 14:33

Neste domingo, a Nascar, principal categoria norte-americana, realiza o All-Star Race, tradicional evento anual que acontece desde 1985, de caráter amistoso, que reúne os principais nomes da categoria, sempre mais curtas que as corridas oficiais e que servem para testar novos formatos de competição, fora o prêmio de 1 milhão de dólares.

Pela primeira vez, a corrida acontece no oval do Texas, depois de mais de 30 anos sendo sediado em Charlotte. Esses eventos de All-Star são muito tradicionais nos esportes americanos, como na NBA, no futebol americano, beisebol, etc., e que geralmente reúnem times dos melhores jogadores de cada conferência.

Divulgação: Nascar

O @HoradeAcelerar preparou uma agenda para você ficar ligado no que acontece no mundo da velocidade para este final de semana.

NASCAR - TEXAS

Sábado (12/06) - Corrida Truck Series às 14:00

Sábado (12/06) - Corrida Xfinity Series às 17:00

Domingo (13/06) - All-Star Race a partir das 19:00

Onde assistir: Fox Sports e ESPN App

FORMULA INDY - DETROIT

Sábado (12/06) - Classificação a partir das 12:00

Sábado (12/06) - Corrida 1 às 15:00

Domingo (13/06) - Classificação a partir das 10:15

Domingo (13/06) - Corrida 2 às 13:40

Onde assitir: TV Cultura e App Arena Indy

WEC - 8 HORAS DE PORTUGAL

Sábado (12/06) - Classificação a partir das 14:00

Domingo (13/06) - 8 Horas de Portugal às 7:00

Onde assistir: Fox Sports e ESPN App

IMSA - DETROIT

Sábado (12/06) - Corrida às 18:00

Onde assistir: Fox Sports ou ESPN App

Thiago
Por Thiago 07/06/2021 - 11:43Atualizado em 07/06/2021 - 18:11

A Formula 1 esteve em Baku neste final de semana para a sexta etapa da temporada, numa pista que já prometia ter uma das melhores corridas do ano, pelo fato de ser o circuito mais completo do calendário.

Além da pista ser cheio de características diferentes, os carros estavam bem mais equilibrados do que o normal. A Ferrari tinha um carro mais rápido nas curvas, o motor Mercedes era um monstro de retas e a Red Bull mostrava ter um conjunto mais completo. A briga pela pole já estava bem mais aberta que o tradicional Hamilton x Verstappen, tanto que foi Charles Leclerc que conquistou a melhor volta (de novo!).

Na corrida, a Ferrari perdeu terreno, e a Red Bull cresceu. Verstappen e Sergio Pérez ultrapassaram Hamilton nos boxes,  e a dobradinha da equipe dos energéticos estava feita. O britânico continuava a pressionar e o restante do pelotão continuava muito próximo. De repente, há quatro voltas do fim, no meio da reta principal, o pneu traseiro do líder da prova estourou e Verstappen estampou o muro em cheio, a bandeira vermelha foi acionada.

Pérez era líder, com Hamilton em segundo e Sebastian Vettel, com uma mera Aston Martin, o terceiro. A corrida retornou com uma nova largada parada, fatando apenas duas voltas para o fim, parecendo as 'prorrogações' da Nascar. Na relargada, Hamilton passa reto na primeira curva e joga a liderança do campeonato fora, Pérez, Vettel e Gasly se aproveitam e conquistam o pódio mais improvável da temporada.

Desde que a norteamericana Liberty Media assumiu o comando da Formula 1, a categoria vem ganhando uma cara muito mais interessante e de entretenimento, que de fato vem repopularizando o esporte.

Fiquem aqui com os melhores momentos da corrida, porque esse merece:

 

Thiago
Por Thiago 03/06/2021 - 09:09Atualizado em 04/06/2021 - 10:25

A Formula 1 chega neste final de semana à Baku, uma das pistas mais estreitas do calendário, mas que sempre proporciona ótimas corridas.

Uma pista de rua como Mônaco, com enormes retas, como em Montreal, mais de 20 curvas como em Singapura, e um comprimento de seis quilômetros, muito próximo da distância de Spa-Francorschamps, na Bélgica. Essas características fazem o circuito do Azerbaijão ser o mais diversificado da F1, e sempre é uma forte candidata a melhor corrida do campeonato.

Em 2017, por exemplo, vimos uma fenomenal batalha entre Vettel e Hamilton, que acabou com a paciência do alemão, jogando o carro pra cima do britânico em serviço de Safety Car. Em 2018, Bottas liderava a corrida e teve um furo de pneu completamente inesperado, caindo no colo de Lewis. E em 2019, Bottas venceu a corrida depois de ter de brigar ferrenhamente com Hamilton até a linha de chegada. Algo em comum em todas as corridas são os acidentes e entrada do carro de segurança, isso sempre traz uma emoção a mais na prova.

Vamos aos horários para você não perder nada.

FORMULA 1 - GP AZERBAIJÃO

Sexta-feira (04/06) - Treino Livre 1 às 5:30

Sexta-feira (04/06) - Treino Livre 2 às 9:00

Sábado (05/06) - Treino Livre 3 às 6:00

Sábado (05/06) - Classificação à partir das 9:00

Domingo (06/06) - GP do Azerbaijão às 9:00

Onde assistir: Band e Band Sports

FORMULA 2 - ETAPA DE BAKU

Sexta-feira (04/06) - Treino Livre 1 às 3:25

Sexta-feira (04/06) - Classificação às 7:30

Sábado (05/06) - Corrida 1 às 4:25

Sábado (05/06) - Corrida 2 às 10:40

Domingo (06/06) - Corrida principal - 5:45

Onde assistir: BandSports

MOTOGP - GP DA CATALUNHA

Sexta-feira (04/06) - Treino Livre 2 às 9:10

Sábado (05/06) - Treino Livre 4 às 8:30

Sábado (05/06) - Classificação a partir das 9:10

Domingo (06/06) - GP do Azerbaijão às 8:00

Onde assistir: Fox Sports

Motorsport Images

NASCAR

Sábado (05/06) - Corrida Xfinity Series às 14:00 - Circuito de Mid-Ohio

Domingo (06/06) - Corrida Cup Series às 17:00 - Circuito de Sonoma

Onde assisitr: Fox Sports e ESPN App

IMPERIO ENDURANCE BRASIL - ETAPA DE CURITIBA

Sábado (05/06) - Corrida a partir das 11:30

Onde assistir: BandSports

Fotos: Rodrigo Ruiz

 

Thiago
Por Thiago 01/06/2021 - 11:27Atualizado em 01/06/2021 - 11:28

A Farben Tintas reestreou na Porsche Cup neste final de semana no Autódromo de Velocittá, em Mogi Guaçu, e já levou dois pódios para casa. A marca de Içara é representada pelo brasiliense Enzo Elias, jovem piloto de 19 anos, que conquistou o título de 2019 da classe 3.8 e foi vice-campeão da 4.0 no ano passado, perdendo apenas para o hexacampeão Miguel Paludo.

Enzo começou o sábado largando na terceira colocação. Com pista molhada, o piloto da Farben se destacou ao ultrapassar Matheus Iorio e estar num ritmo muito próximo do líder Paludo. "Perdemos um pouco de tempo na largada com Safety Car, perdemos uns sete minutos numa corrida de 25, e não tivemos tempo para alcançar o primeiro colocado, mas sabíamos que o segundo lugar já era um bom resultado para o campeonato", falou Enzo para o @HoradeAcelerar.

Na prova de domingo, ele largou em sétimo, com a inversão dos oito primeiros, e fez ultrapassagens fenomenais, pulando para terceiro. "Acho que foi uma das minhas melhores largadas, se não foi a minha melhor da Porsche". Em seguida, o farol direito do carro ficou danificado, por conta de uma enrosco na largada, mas não foi um empecílho para que o brasiliense conquistasse novamente a segunda colocação e colocasse uma margem de 16 segundos sobre Pedro Boesel.

Créditos: Luca Bassani
Farol destruído logo na primeira volta // Créditos: Luca Bassani

Adversário direto na briga pelo título, Miguel Paludo ficou preso atrás de Werner Neugbauer durante toda a corrida, e terminou apenas na sétima colocação. Isso pôs o piloto da Farben na liderança do campeonato com 38 pontos. "Foi um final de semana perfeito, realizamos tudo o que tínhamos que realizar. Agora é focar na próxima etapa, brigar para defender a liderança e brigar por vitórias e pole positions"., completou Enzo.

Créditos: Luca Bassani
Enzo Elias // Créditos: Luca Bassani

A Porsche Cup retorna agora dia 26 de junho, em Curitiba.

Thiago
Por Thiago 31/05/2021 - 16:27Atualizado em 31/05/2021 - 20:10

A Porsche Cup iniciou neste final de semana no Autódromo de Velocittá, em Mogi Guaçu. O piloto criciumense André Gaidzinski voltou às pistas para sua quarta temporada pela categoria GT3 3.8 Sport, e conseguiu garantir um pódio logo na primeira etapa.

Gaidzinski começou o sábado já fazendo o sétimo melhor tempo geral na classificação. Na segunda parte do treino sofreu uma batida na saída dos boxes, e acabou tendo mais dificuldades para marcar uma volta boa, terminando o treino com o décimo lugar no grid.

À tarde, o piloto do carro #14 retornou para a primeira corrida do final de semana, na qual não teve o resultado esperado, foi apenas o 11º na sua categoria. "Quando estava em quarto, me enrosquei com três pilotos, perdi as posições e levei um contato do Leonardo Sanchez e acabei só em 15º na geral", comentou o piloto.

Foto: Luca Bassani/Divulgação
Foto: Luca Bassani/Divulgação

No domingo, depois de uma bela cerimônia de abertura, com todos os 46 carros alinhados no grid e hino nacional cantado por Luiza Possi, André fez uma excelente corrida de recuperação. Partiu de 15º e acabou na oitava colocação. A segunda prova foi um show de acidentes, e o criciumense teve muito cuidado para não se enroscar com algum deles. "Parecia um labirinto, vinha carro de tudo quanto é lado. Consegui escapar ileso, e no fim conseguimos terminar em quinto na nossa categoria".

A posição final colocou o piloto no pódio, já levando o primeiro troféu para casa, e como de costume, levou a bandeira de Santa Catarina.

Foto: Luca Bassani/Divulgação
Foto: Luca Bassani/Divulgação

A Porsche Cup retorna dia 26 de Junho em Curitiba.

Thiago
Por Thiago 28/05/2021 - 10:53Atualizado em 28/05/2021 - 10:54

O criciumense André Gaidzinski chega a sua quarta temporada na Porsche Cup neste sábado e domingo (29 e 30 de maio) no autódromo de Velocitta, em Mogi Guaçu. O piloto chega muito confiante para a disputa, depois de seis pódios conquistados no ano passado. "Vamos brigar pelo campeonato, porque estamos andando muito bem. Estava treinando no simulador, fiz um tempo muito próximo do ideal, 1:29,7, que é uma marca excelente".

André disputará seis etapas de Sprint (corridas curtas) neste ano e não deverá participar do Endurance (longa duração). Os circuitos confirmados são, além de Velocittá, Curitiba, Interlagos e Goiânia.

Esta primeira etapa da competição terá um novo formato com uma corrida no sábado e outra no domingo. Serão dois treinos classificatórios, C1 e C2, sendo o C1 com 15 minutos de duração, e com participação de todos os pilotos participam do treino. E o C2 terá 10 minutos de duração, no formato de top-10, onde somente os 10 melhores pilotos do C1 participam. O resultado do treino classificatório forma o grid da Corrida 1, de sábado. Já a Corrida 2, de domingo, larga de acordo com o resultado da Corrida 1, com a inversão dos 6, 7 ou 8 primeiros do grid da Corrida 1, definido em sorteio ao término da Corrida 1.

O grid também contará com o ator Caio Castro pilotando um dos carros GT3 Cup, pontanto será um dos rivais de Gaidzinski neste ano. "Ele está treinando há um ano, ele corre direitinho", comentou também o criciumense.

Além de Caio, a Porsche também confirmou uma presença feminina depois de sete anos. Se trata de Carol Aranha, piloto que vem do programa de treinamento da marca alemã, e que venceu uma prova de Sprint no circuito de Hungaroring.

Confira a entrevista completa com André Gaidzinski:

 

Thiago
Por Thiago 27/05/2021 - 11:18Atualizado em 27/05/2021 - 15:52

Teremos mais um final de semana recheado de corridas neste final de semana. Poderemos não ter Formula 1, mas uma atração tão importante quanto estará ao vivo para todo o Brasil: as 500 milhas de Indianápolis, que terá a presença dos brasileiros Tony Kanaan, Hélio Castroneves e Pietro Fittipaldi.

O @HoradeAcelerar montou uma programação completa de todos os eventos automobilisticos que você poderá assistir na tela de sua televisão neste final de semana.

FORMULA INDY - 5OO MILHAS DE INDIANÁPOLIS

Domingo (30/05) - Indy 500 às 12:00

Onde assistir: TV Cultura

Foto: IndyCar
Foto: IndyCar

MOTOGP - GP DA ITÁLIA

Sexta-feira (28/05) - Treino Livre 2 às 9:10

Sábado (29/05) - Treino Livre 4 às 8:30

Sábado (29/05) - Classifiação a partir das 9:10

Domingo (30/05) - GP da Itália às 9:00

Onde assistir: Fox Sports

PORSCHE CUP - ETAPA DE VELOCITTÁ

Sábado (29/05) - Classifiação a partir das 9:15

Sábado (29/05) - Corrida 1 (Carrera 4.0) às 13:00

Sábado (29/05) - Corrida 1 (GT3 Cup) às 13:48

Domingo (30/05) - Corrida 2 (Carrera 4.0) às 12:00

Domingo (30/05) -  Corrida 2 (GT3 Cup) às 12:48

Onde assistir: Band, SporTV 2 e Canal do Youtube da Porsche Cup Brasil

NASCAR - ETAPA DE CHARLOTTE

Sexta-feira (28/05) - Corrida Truck Series às 21:30

Sábado (29/05) - Corrida Xfinity Series às 14:00

Domingo (30/05) - Corrida Cup Series às 19:00

Onde assisitir: Fox Sports

EXTREME E - ETAPA DE SENEGAL

Sábado (29/05) - Classificação 1 às 8:30

Sábado (29/05) - Classifiação 2 às 13:00

Domingo (30/05) - Semi-finais às 7:00

Domingo (30/05) - Corrida final às 11:00

Onde assistir: SporTV, Fox Sports e ESPN App

Divulgação: Extreme E

 

Thiago
Por Thiago 24/05/2021 - 12:03Atualizado em 24/05/2021 - 13:35

O duelo Verstappen x Hamilton teve mais um capítulo, só que dessa vez o holandês não só venceu, como destroçou o heptacampeão.

Com quatro vitórias em Mônaco, o britânico chegava mais uma vez como favorito do confronto, já que era líder do campeonato com uma certa margem para o rival direto. Mas logo na quinta-feira uma terceira força ressurgiu das cinzas, como uma Fênix: a Ferrari estava de volta ao páreo. Charles Leclerc e Carlos Sainz lideraram os treinos livres. A Mercedes não era mais a principal equipe, pelo menos no estreito circuito do principado.

Piloto da casa, Leclerc fez a pole position e acertou em cheio o muro. Verstappen, que poderia melhorar o tempo, acabou não completando a volta e ficou na segunda colocação. Hamilton foi apenas o sétimo (sim, sétimo!).

Domingo, na volta de alinhamento dos carros, Leclerc sentiu aquilo que era esperado que acontecesse: sua caixa de câmbio estava quebrada, ele estava fora da disputa. O holandês então ganhou de graça a liderança, e como em Mônaco você tem a pista livre para andar o quanto quiser sem se preocupar com ultrapassagens, já que o circuito é muito estreito, Max levou de braçada seu primeiro título do GP de Mônaco.

Foto: Sebastian Nogier | AFP
Foto: Sebastian Nogier | AFP

Com o abandono de Leclerc e uma bizarrice tremenda da Mercedes nos boxes de Bottas, na qual os pneus usados ficaram travados no carro, Hamilton pularia para quinto, mas realmente não era seu final de semana. Durante o ciclo de paradas, acabou perdendo ainda mais posições para Sérgio Perez e Sebastian Vettel, e acabou terminando na sua posição original.

Verstappen assumiu a liderança do campeonato pela primeira vez na história, com 105 pontos, Lewis vem atrás com 101. Havendo ainda 18 corridas para o fim do campeonato, a disputa pelo título ainda segue muito aberta.

Arte: Formula 1
Classificação do campeonato / Arte: Formula 1

 

Thiago
Por Thiago 20/05/2021 - 07:50Atualizado em 22/05/2021 - 12:02

A Formula 1 estará de volta neste final de semana, com o tradicional GP de Mônaco. Uma das novidades para a corrida que acontece neste domingo é a nova pintura da McLaren, inspirados nos carros clássicos patrocinados pela Gulf, empresa petrolífera que fez muito sucesso no esporte na década de 60.

Além dessa pintura belíssima, é esperado mais uma disputa entre Hamilton e Verstappen na disputa pela vitória. Numa pista difícil de ultrapassar, quem larga na pole tem a vitória praticamente garantida.

Divulgação - McLaren
Divulgação - McLaren

Também teremos o retorno da Formula 2, onde os brasileiros Felipe Drugovich, Guilherme Samaia e Gianluca Petecof estarão disputando a vitória.

FORMULA 1 – GP DE MÔNACO

Quinta-feira (20/05) – Treino Livre 1 às 6:30

Quinta-feira (20/05) – Treino Livre 2 às 10:00

Sábado (22/05) – Treino Livre 3 às 7:00

Sábado (22/05) – Classificação às 10:00

Domingo (23/05) – GP de Mônaco às 10:00

Onde assistir: Band (corrida), Bandsports (treinos) e F1TV Pro (internet)

FORMULA 2 – ETAPA DE MÔNACO

Quinta-feira (20/05) – Treino Livre às 5:00

Quinta-feira (20/05) – Classificação a partir das 8:30

Sexta-feira (21/05) – Corrida 1 às 6:40

Sábado (22/05) – Corrida 2 às 3:15

Sábado (22/05) – Corrida principal às 12:10

Onde assistir: Bandsports e F1TV Pro

NASCAR – CIRCUITO DAS AMÉRICAS

Sábado (22/05) – Corrida Truck Series às 14:00

Sábado (22/05) – Corrida Xfinity Series às 17:00

Domingo (23/05) – Corrida Cup Series 15:30

Onde assistir: Fox Sports e ESPN App

Foto: Nascar.com
Foto: Nascar.com

FORMULA INDY - QUALY 500 MILHAS DE INDIANÁPOLIS

Sábado (22/05) - Treino Classificatório às 13:00

Domingo (23/05) - Bump Day às 14:00

Domingo (23/05) - Fast Nine às 15:30

Onde assistir: TV Cultura e App Arena Indy

GT SPRINT RACE – ETAPA DE GOIÂNIA

Sábado (22/05) – Treino Classificatório às 14:10

Sábado (22/05) – Corrida 1 às 16:20

Domingo (23/05) – Corrida 2 às 9:10

Domingo (23/05) – Corrida 3 às 12:30

Onde assistir: Bandsports (TV fechada); Canal oficial e Acelerados (Youtube); Motorsport.com

COPA TRUCK – ETAPA DE GOIÂNIA

Sábado (22/05) – Treino Classificatório às 11:30

Domingo (23/05) – Corrida 1 e 2 a partir das 14:08

Onde assistir: Band (TV Aberta), SporTV 2 (TV Fechada), Youtube e Facebook

Divulgação

COPA SHELL HB20 – ETAPA DE GOIÂNIA

Sábado (22/05) – Corrida 1 às 15:30

Domingo (23/05) – Corrida 2 às 11:50

Onde assistir: Bandsports; Canal oficial e Acelerados (Youtube); Facebook

O @HoradeAcelerar acompanha tudo o que de melhor acontecer neste final de semana da Formula 1 e demais categorias.

Thiago
Por Thiago 17/05/2021 - 11:44Atualizado em 17/05/2021 - 13:28

Neste domingo a Stock Car foi a Interlagos para a disputa da segunda etapa da temporada. Logo no início da semana, a categoria recebeu uma notícia surpreendente: o atual campeão Ricardo Maurício havia sido diagnosticado com Covid e a equipe Eurofarma RC perdeu uma peça importante para o final de semana.

O português António Félix da Costa, atual campeão da Formula E, foi chamado de última hora. Ele já havia disputado cinco provas na categoria em anos anteriores, sendo a última vez na Corrida do Milhão em 2018, na qual conquistou o terceiro lugar.

Um pouco desacostumado, conseguiu apenas o 18º melhor tempo na classificação, mas já na primeira prova do domingo, conquistou um ótimo nono lugar, que o fez pular para a vice-liderança da segunda prova, com a inversão dos dez primeiros.

E foi nessa corrida que da Costa se mostrou um piloto experiente, mesmo tendo guiado um carro de Stock apenas seis vezes na vida. Assumiu a liderança depois de uma parada ruim de Galid Osman, segurou muito bem a pressão de Guilherme Salas e venceu ainda com uma boa margem sobre Daniel Serra, seu companheiro de equipe, que terminou em segundo.

Duda Bairros
Foto: Duda Bairros

 A prova foi finalizada sob regime do Safety Car, logo após uma forte batida de Gaetano di Mauro, que decolou após tentar ultrapassar Salas e Serra no meio deles.

Com os resultados finais, o ‘raposão’ Daniel Serra segue firme na liderança, buscando o tetracampeonato, Bruno Baptista, piloto que mais pontuou no final de semana, assumiu a vice-liderança, ambos empatados com 64 pontos, e separados por uma vitória. Átila Abreu, depois de chegar em quinto e sexto, vai a terceiro, dois pontos atrás dos líderes.

No @HoradeAcelerar você acompanha todos os principais campeonatos de automobilismo do brasil e do mundo.

Reprodução
Reprodução

 

Thiago
Por Thiago 13/05/2021 - 11:22Atualizado em 13/05/2021 - 14:53

Primeiramente, bem-vindos ao Hora de Acelerar, blog cem por cento dedicado para falar de automobilismo. Me chamo Thiago Ávila, jornalista formado pela PUCRS, e irei abastecer vocês semanalmente com as mais diversas notícias do mundo da velocidade, seja das principais competições internacionais, nacionais e daqui da região. 

Para começar, vamos à programação das principais competições deste final de semana. 

STOCK CAR - INTERLAGOS 

Sábado (15/05) – Classificação às 15:20 

Domingo (16/05) – Corridas 1 e 2 à partir das 11:15 

Onde assistir: Band e SporTV (na TV); Autovídeos (Facebook); Carburando (Youtube); motorsport.tv 

Crédito: Duda Bairros/Stock Car
Crédito: Duda Bairros/Stock Car

MOTOGP – GP DA FRANÇA 

Sábado (15/05) – Treino Livre 4 às 8:30 

Sábado (15/05) – Classificação às 9:35 

Sábado (15/05) – Classificação MotoE às 11:10 

Domingo (16/05) – Corrida MotoE às 5:05 

Domingo (16/05) – GP da França às 9:00 

Onde assistir: Fox Sports. 

Divulgação / MotoGP

FORMULA INDY – GP DE INDIANÁPOLIS 

Sexta-feira (14/05) – Classificação às 17:30 

Sábado (15/05) – GP de Indianápolis às 15:00 

Onde assistir: TV Cultura (na TV e no site); Arena Indy (app). 

NASCAR – DOVER 

Sábado (15/05) – Corrida Xfinity Series às 14:30 

Domingo (16/05) – Corrida Cup Series às 15:00 

Onde assistir: Fox Sports (na TV); ESPN app 

AP Photo/Will Newton

IMSA – MID-OHIO 

Domingo (16/05) – Corrida às 15:30 

Onde assistir: Fox Sports ou ESPN app (à confirmar) 

Divulgação/IMSA

 

 

« »