Ir para o Conteúdo da página Ir para o Menu da página
Carregando Dados...
4
* as opiniões expressas neste espaço não representam, necessariamente, a opinião do 4oito
Mário Lima
Por Mário Lima 29/03/2021 - 08:15Atualizado em 29/03/2021 - 08:15

Foi o que se viu ontem na Arena Joinville.
Dois times com grifes de grandes do estado, vencedores, com enormes torcidas e de um passado recente de contagiantes conquistas. (principalmente o Criciúma).
Uma pobreza "franciscana" de técnica individual e de mecânica de jogo. O Joinville  achou um gol fruto de um erro imperdoável de marcação na entrada da área proporcionado por um erro crasso da defesa criciumense. 
Nem um nem outro mereceu a vitória ontem. O empate em zero a zero seria de bom tamanho para ambos. Mas o pior foi para o Criciúma, pois ao Joinville a vitória foi uma dádiva. Diga-se que o time da Manchester mesmo tendo jogado pouco ontem, conquistou, três pontos e tem excelente classificação na tabela. Portanto o mau desempenho do jogo em questão (mas com resultado positivo), não lhe tira os méritos da classificação geral. Já a derrota do Tigre com um futebol pífio compromete o seu campeonato.
Infelizmente é preciso salientar que a situação é crítica e o andamento do campeonato no momento é assustador. É PRECISO reagir imediatamente, ou estaremos caminhando para um desastre total na competição. 
A melhora sentida nos últimos jogos desapareceu ontem e precisa voltar já na quarta feira.

FOI OU NÃO FOI?

O Próspera ganha o jogo do bom time do Avaí com naturalidade até que o árbitro viu uma falta penal dentro da área prosperana. Bueno...Se ele viu, tinha que marcar… E marcou com convicção. Edilson exímio batedor de faltas de meia e longa distância foi para a cobrança e converteu. Por detalhe, pois o Roberto chegou muito perto de fazer a defesa. Mas foi gol. Segunda a nossa equipe que estava cobrindo o jogo, ilegal. E os demais que estávamos aguardando para a cobertura do jogo das dezenove também fomos unânimes em cravar o erro da arbitragem. De qualquer forma o Próspera marcou um ponto que vai ajudar, com certeza, lá à frente.
Criciúma e Próspera fazem jogo doméstico na quarta. Isso vai ser bem interessante. O grande tem três pontos e o pequeno contabiliza sete...Tem favorito?

Mário Lima
Por Mário Lima 22/03/2021 - 07:23Atualizado em 22/03/2021 - 07:23

O domingo mostrou um alento à torcida tricolor que acompanhou a transmissão do "Timaço" na Som Maior para o clássico com o Figueira. Para que a vitória se confirmasse faltou apenas uma bola na rede do "visitado", que tivesse se configurado em gol. Foram três oportunidades claras criadas, mas o zero a zero ficou até o final.

O melhor rendimento do Tigre em relação aos jogos passados foi acentuado. Dominou o primeiro tempo todo e parte do segundo com mais posse de bola e as principais chances ofensivas.

Agora é preciso começar  a vencer a partir do próximo compromisso. Dois míseros pontinhos em oito disputados não é apenas uma luz no fim do túnel  e sim “um trem vindo no sentido contrário”. Mas que houve uma melhora técnica isso é fato.

PROSPERA CIRÚRGICO

No sábado a alegria criciumense ficou por conta do Próspera ao bater o Metropolitano por dois a zero com absoluta naturalidade. Sobe para seis pontos e está entre os primeiros. Bons jogadores, bem treinados, organizados fora e dentro do campo, é uma grata surpresa como estreante.

Mário Lima
Por Mário Lima 17/03/2021 - 07:25Atualizado em 17/03/2021 - 07:26

Pois é...O Criciúma saiu da terrinha, digamos em direção a Varginha pensando em jogar em Minas e foi parar no Espirito Santo. Em se tratando de futebol brasileiro no atual momento, algo absolutamente "normal".
Os dirigentes do nosso futebol ainda não aprenderam nada com os 7 a 1 da Copa no Mineirão.
Jogar a qualquer preço em um calendário sufocante (na normalidade), já e algo inaceitável. Imaginem no atual momento.
Não é possível entender a insistência de um clube ser obrigado a sair de sua cidade sem saber onde irá chegar. E foi isso o que realmente aconteceu com o Criciúma. E o jogo que seria hoje em Varginha será amanhã em Cariacica. Será?

 

VILMAR CASAGRANDE

Este senhor é referência na história do Criciúma. Atualmente vice eleito, incansável homem do patrimônio, que sempre teve o respeito da torcida tricolor e grande responsável pela trajetória do Centro de Treinamentos e do estádio do clube. Portanto uma cobrança sua com relação ao futebol, sim, tem que ser aceita e assimilada por qualquer membro da equipe, claro que de forma respeitosa. Diante disso o gerente de futebol Juliano Bittencourt (funcionário do clube), que faça o seu trabalho no departamento de futebol. Apenas isso. Proibir o acesso de dirigentes do clube, como o sr Casagrande convenhamos é uma "pisada na bola"....E que pisada. O fato parece que já foi contornado. Será????

Mário Lima
Por Mário Lima 15/03/2021 - 07:31Atualizado em 15/03/2021 - 07:32

Está sendo dura a vida do torcedor do Criciúma. Um mísero pontinho marcado em nove disputados e a última posição ao cabo de três rodadas.

E que é pior...Não se vê evolução de jogo para jogo.

Os mesmos erros a cada partida.Falta articulação mais eficiente,erros de posicionamento defensivo e a falta de conclusão efetiva na jogada final.

O elenco montado carece de peças, mas a tesouraria não pode fazer loucuras, pois o clube passa ainda por fase de transição digamos,"regimental". Por hora Hemerson Maria vai ter que se virar nos trintas. Mas que o sinal vermelho está ligado,isso está mesmo...

QUEM SABE A MÍSTICA…

Que a camisa lembrando os bons momentos da Copa do Brasil de 91 possa na quarta em Varginha, diante do Marília, injetar um ânimo de superação e trazer um novo alento a gente tricolor. Boa semana.

Mário Lima
Por Mário Lima 12/03/2021 - 07:07Atualizado em 12/03/2021 - 07:07

Falaram em Concórdia. O prefeito de lá  foi rápido e determinou..Aqui joga o Concórdia. Jaraguá foi anunciada e o "alcaide" também disse não. Bueno...Então Itajaí,quem sabe?...Finalmente a volta ao começo da história...Heriberto Hulse, o "Majestoso", diante da benévola atuação do prefeito da cidade diante do pedido do "mandatário" tricolor.

O decreto foi foi suavizado e teremos Criciúma e Chapecoense no domingo, 4 da tarde. 
Enfim um jogo entre dois grandes do estado com o time verde chegando com o status de cem por cento de aproveitamento e o Tigre por hora tendo a provar ainda no campeonato.

Então com todos os cuidados exigidos pela grave situação vivida por todos vamos pro jogo ouvindo o Timaço da Som Maior, onde você "vê o jogo".

Em tempo...

O Campeonato está sendo disputado como se fosse uma gincana....Ninguém sabe o próximo passo.

Mário Lima
Por Mário Lima 10/03/2021 - 10:27Atualizado em 10/03/2021 - 10:28

Pois é…

O campeonato nem bem começou e já navega por águas turbulentas e incertas. São jogos adiados por força de decretos municipais, partidas anunciadas e sob risco de não acontecerem, ou canceladas (uma), como foi o caso de Joinville e Marcílio Dias, no dia do jogo, outra para acontecer no próximo fim de semana em Jaraguá do Sul com Criciúma e Chapecoense, muito embora até ontem à prefeitura daquela cidade não soubesse oficialmente de tal jogo. 

Aliás, sobre a informação que vem de lá é que o decreto do município proíbe eventos esportivos. Como fica? 

Bueno. De maneiras que como não é permitido público nos estádios e infraestrutura para tal em tendo tempo para as equipes e arbitragem estiverem a postos assim como staff da federação para os protocolos etc, vamos pro jogo (s).

Mário Lima
Por Mário Lima 08/03/2021 - 08:17Atualizado em 08/03/2021 - 08:19

Pois é! Está confirmada a volta do Campeonato Catarinense para cidades cujo poder municipal não aplicou nenhum decreto relativo ao futebol.
Dessa forma o Criciúma vai enfrentar a Chapecoense em Jaraguá do Sul e assim por diante. Alguns entendem que os decretos de Chapecó, Criciúma, Tubarão e Florianópolis não passaram de uma jogada de marketing. Não penso dessa forma e entendo que eram necessários. Outros defendem que a Associação de Clubes, que decide sobre o campeonato junto com a Federação, aproveita a "brecha" proporcionada por cidades que não acompanharam quem decretou e vai tocar o campeonato dentro da lei. E assim é. 

Para que o certame fosse parado o Governador teria que ter tomado a decisão...
Mas o medo de perder votos impede a coragem. De forma que a bola vai rolar e manter os protocolos de "minutos de silêncio "no estádios vazios.

Três a zero 

COM um gol a zero no primeiro jogo e dois a zero ao natural na partida de volta ontem, o Palmeiras bateu o Grêmio e ficou com a Copa do Brasil com autoridade e sem correr riscos.

Grenal de goleiros

Se fossemos insuflar a rivalidade dos gaúchos em termos de camisa 1, ninguém poderia "cornetar" o outro.
No Inter Marcelo Lomba errou feio contra o Sport na derrota colorada e ali o Inter perdeu o título. E na conta do Renato a troca de goleiro para os dois jogos da decisão Paulo Vitor falhou feio. Principalmente ontem.

Mário Lima
Por Mário Lima 04/03/2021 - 07:43Atualizado em 04/03/2021 - 07:45

João Rodrigues, prefeito de Chapecó, homem calejado por muitas transmissões esportivas e traumatizado pela tragédia do clube da sua cidade, tomou a iniciativa de interferir na viagem da Chapecoense a Criciúma apresentando argumentos convincentes a ponto de ser seguido pelo Prefeito Clésio Salvaro proibindo a realização do encontro entre os dois clubes. Outros como Ponticelli seguiram na mesma trilha assim como Loureiro da capital. A Federação Catarinense ao início da noite foi mais além. Em nota informou que o campeonato está paralisado nos próximos quinze dias a partir de hoje.
Atitude tardia, mas menos mal que tenha sido tomada. Não há clima para se disputar um campeonato, seja ele de futebol ou qualquer outro esporte conforme escrevi nessa quarta-feira, 03. O que fica é a falta de atitude mais firme, mais corajosa e responsável de instâncias superiores como os governadores dos Estados e o presidente da república. Em especial da CBF.
Vai resolver? Claro que isoladamente não. Mas certamente protegerá os diretamente envolvidos no processo e poderá servir de exemplo de respeito em memória dos que perdemos durante a pandemia E também vai servir de exemplo para reforçar que o distanciamento é necessário, e que formadores de opinião e conceitos tem que ser os primeiros a dar exemplos.

Mário Lima
Por Mário Lima 03/03/2021 - 07:57Atualizado em 03/03/2021 - 07:59

O futebol todos sabemos é o esporte mais popular do mundo. Movimenta um grande negócio. Gera paixões incontroláveis, rivalidades regionais às vezes absurdas e perigosas. O esporte chamado futebol emprega milhões de pessoas. Algumas, saídas da mais profunda miséria e transformadas em estrelas mundiais num piscar de olhos. E lógico, uma grande maioria, correndo atrás de uma bola e de um sonho a vida inteira sem alcançar o sucesso e o estrelato.

O Futebol de hoje, lógico não movimenta somente "os caras da bola". Na verdade os que fazem o espetáculo formam uma minoria. Ao lado, atrás e a frente vem uma multidão de outros profissionais que gravitam em torno do produto e muitos, mais muitos mesmo, consumidores que são os "torcedores".

Razão de ser e existir os chamados clubes de futebol pelo mundo afora. Me arrisco a dizer que todo mundo tem algo a ver com o futebol. Eu por exemplo estou nesta corrida desde sempre. Um pouquinho dentro do campo e quase cinquenta anos empunhando um microfone e uma caneta, impulsionado por uma vocação. 

E quando ouço dirigentes de clubes, federações etc…. tratarem o futebol como "uma bolha" em plena pandemia que tirou a vida de milhões de pessoas no mundo me atrevo a dizer: O futebol não tem sentido de ser sem o público, a razão maior da sua, repito, existência e como consequência impedido de participar, perde o seu melhor ingrediente. O futebol não é uma bolha. Atletas não estão imunes as agruras da vida e imunes as doenças.

Competições sendo disputadas dentro do campo com pessoas morrendo do lado de fora das "arenas"com outras desesperadamente buscando socorro nos hospitais e clubes não podendo jogar por contaminação de quase todo o elenco (Joinville), certamente FUTEBOL NÃO É UMA BOLHA.

Mário Lima
Por Mário Lima 01/03/2021 - 07:01Atualizado em 01/03/2021 - 07:02

O futebol de Criciúma foi marcado no final de semana por uma vitória e uma derrota. De quem esperava a vitória (pela diferença de status), veio a derrota. De outra parte a vitória surgiu do lado mais fraco.

O Criciúma caiu em Jaraguá por dois a zero sem esboçar reação  e executando um futebol muito fraco. Estácio a ao cabo de segunda rodada em um "mísero" pontinho e pra complicar mais ainda pega no meio da semana o bom futebol da Chapecoense. Emerson Maria tem trabalho duro pela frente.

E o Próspera?
O "mineirinho" usando a estrutura do Heriberto Hulse fez bonito e com autoridade e bateu no Hercílio Luz por três a dois. Dá ares que fará boa campanha.

COVID

Por conta da pandemia, dois jogos não puderam ser realizados. O da Chapecoense já se sabia por falta de ambulâncias na cidade.E o outro foi cancelado às pressas entre Joinville e Marcílio. O time da Manchester perdeu quase todo o elenco para o vírus. E entre eles vários que enfrentaram o Próspera na semana passada. Pode ter reflexo no elenco colorado.

PALMEIRAS NA FRENTE

O Verde fez um jogo estratégico e bateu o Grêmio em plena Arena Tricolor. Com o gol de Gustavo Gomes ainda no primeiro tempo o time paulista conquista a Copa do Brasil com um simples empate no jogo da volta. O Grêmio tentou apressar o jogo e com isso facilitou as ações do adversário.

Muitas bolas cruzadas e jogadas longas saindo das suas características. Enfim tem mais noventa minutos em "sampa", mas lógico, ficou mais perto para o Palmeiras.

Mário Lima
Por Mário Lima 26/02/2021 - 05:49Atualizado em 26/02/2021 - 08:59

São Paulo, Flamengo, Corinthians e Internacional proporcionaram uma noite de quinta espetacular. Drama puro para um país inteiro. O Corinthians que nada tinha a perder ou ganhar segurou o INTER durante quase cem minutos em um zero a zero, enquanto o São Paulo fez uma grande vitória sobre o Flamengo. O Inter foi castigado pela derrota dias atrás para Sport em pleno Beira-Rio. A bem da verdade; foi também duramente penalizado por erros de arbitragem nas duas últimas partidas. Flamengo é bicampeão e comprova sua superioridade técnica.

Com a rodada final de ontem fica comprovada que o nosso campeonato é o mais competitivo do mundo.

CAMPO E VAR

A arbitragem brasileira precisa ser reavaliada urgentemente. Não é possível que se perca tanto para o entendimento entre cabina/campo e ainda se tome decisões equívocas como aconteceu em vários jogos, inclusive ontem.

DERROTA NO FINAL

O Próspera fez um jogo parelho com o Joinville, mas foi castigado no final. O gol nos acréscimos em um erro de marcação na retaguarda foi um duro castigo para quem tinha um jogo sob controle.

Agora o "mineirinho" pega o Hercílio, no Estádio do Criciúma, no domingo e o Tigre vai a Jaraguá no sábado. Em tempo: reação para os dois já se imporem logo na segunda rodada.

Mário Lima
Por Mário Lima 25/02/2021 - 09:53Atualizado em 25/02/2021 - 09:55

Um gol no começo do jogo deu esperanças aos torcedores do Criciúma frente ao Hercílio Luz na primeira rodada do Catarinense 2021. E mais: a expulsão do atacante Garraty do adversário e o amplo domínio eram prenúncio de goleada. Mas parou por aí. O Hercílio foi valente e conquistou e empate na segunda etapa. 
O Criciúma vai ter que recuperar os pontos perdidos já na próxima rodada, no sábado, em Jaraguá. É cedo para uma análise mais profunda, mas o torcedor, tão sofrido nos últimos tempos, terá que ter paciência. Terá?

Hoje é a vez do Próspera e a tarefa certamente é mais difícil. Pega o Joinville em Tubarão. Fez boa preparação, manteve uma boa estrutura no elenco, reforçou, está organizando e animado. O adversário também. Vem se reinventando e procurando resgatar sua grandeza. Vamos conferir com o "Timaço"da Som Maior como será a volta do Time da Raça à primeira divisão. 

MORUMBI E BEIRA-RIO

É para onde toda a atenção estará voltada na noite de hoje. O São Paulo precisa vencer para uma vaga direta na Libertadores. O Flamengo pelo título e o bicampeonato. Em Porto Alegre o Internacional por vitória frente ao Corinthians.
Quer dizer: Uma rodada como nunca aconteceu na história dos "pontos corridos no futebol brasileiro".
Que o onze contra onze faça a decisão sem qualquer outro tipo de interferência. 

Mário Lima
Por Mário Lima 24/02/2021 - 05:39Atualizado em 24/02/2021 - 05:41

O Campeonato Catarinense começa hoje carregando as esperanças de 12 torcidas. Criciúma, Tubarão, Florianópolis, Itajaí, Joinville, Jaraguá, Brusque, Blumenau, Concórdia e Chapecó formam o mapa de cidades da competição. Blumenau é um caso a parte. Tem o Metropolitano que é da cidade, mas não joga lá  e sobrevive com muito sacrifício. Os outros dois "calouros" são o Próspera e o tradicional Hercílio Luz. O Joinville busca se reinventar. O Criciúma da mesma forma. Na capital o Figueirense atolado em dívidas. O Concórdia é franco atirador assim como o Próspera. E o Juventus vem se organizando nos últimos anos. Dos doze, três são os que começam o campeonato em situação mais animadora: Chapecoense, Avaí e Brusque. Mas, como o jogo é jogado e a noite todos os gatos são pardos, quando a bola rolar a partir de hoje, é que vamos ver "quem tem garrafas pra vender".

E AMANHÃ
Na última rodada do brasileirão as atenções voltadas para o Morumbi e para o Beira Rio. Em São Paulo uma simples vitória do Flamengo significa a conquista do título. O São Paulo precisa vencer pela vaga direta a Libertadores. Em Porto Alegre o lado vermelho joga por vitória sobre o Corinthians com um olho no gato e outro no peixe. Uma derrota ou empate do Flamengo e o Inter será campeão brasileiro depois de 41 anos.
É pra quem tem, como diria o gremista e autor do hino tricolor Lupicínio Rodrigues, "Nervos de Aço.”
 

Mário Lima
Por Mário Lima 23/02/2021 - 06:05Atualizado em 23/02/2021 - 10:46

O Botafogo surpreende e bate o São Paulo na penúltima rodada do brasileirão e para ingressar na Libertadores sem passar pela classificatória, precisa vencer o Flamengo na quinta-feira. Com isso acontecendo e o Inter vencendo o Corinthians na mesma data e horário, será campeão brasileiro. Portanto a rodada final será de muitas emoções para Rubro-Negros, Colorados e Tricolores. O Flamengo para ser campeão precisa da vitória, caso o Inter vença o Corinthians. E todos de olho no apito....Para o São Paulo resta um único objetivo: Vaga direta a Libertadores. 
Para o Flamengo uma vitória simples confirma mais um título. 

24 HORAS APENAS
Na contagem regressiva para as emoções do nosso Campeonato Catarinense.  Ao Heriberto Hülse está reservada a estreia do Tigre. Novo Criciúma, com um "novo velho" modelo de gestão e novo time. Quase cem por cento de caras recém-chegados ao Tricolor. De boas referências. Portanto trazendo esperanças ao torcedor. 
Já o animadíssimo Próspera começa sua trajetória em Tubarão, na Vila Oficinas, frente ao "ex-poderoso "Joinville carregado de otimismo depois da conquista na segundona e referendado por uma excelente pré-temporada.
Do Joinville sempre se espera a volta à sua grandiosida e boa atuação estadual que parece em início de recuperação. 

TIMAÇO NA PONTA DA AGULHA
Vamos mais uma vez fazer do futebol uma festa de alegria no mundo da bola. A ausência da galera nos estádios (plenamente justificada) fará que tenhamos profissionalismo e criatividade redobrados. Estamos preparados e animados para levar a emoção de dentro dos estádios, no calor das disputas, através da Rádio Som Maior e do Portal 4oito.com.br até você.

Mário Lima
Por Mário Lima 22/02/2021 - 05:31Atualizado em 22/02/2021 - 14:09

O futebol tem suas ironias e seus castigos. Assim é desde quando Charles Miller apresentou uma bola e um tipo de jogo aos brasileiros. O Inter para o jogo de ontem pagou um milhão de reais como multa ao Flamengo ao escalar Rodiney no jogo em que, com uma vitória seria campeão. Justamente o atleta em questão falhou na disputa pessoal com Bruno Henrique no primeiro gol e no começo do segundo tempo foi expulso de campo. O Flamengo virou a tabela e agora a decisão fica pra próxima quinta-feira. Menos mal que a grana não saiu dos cofres colorados.
Mas o milionário torcedor do Inter que fez a "doação ", já deve estar arrependido. Quem sabe o reserva do Rodiney talvez fosse mais eficiente.

AGORA É PRA VALER
A rodada final do brasileirão será na quinta-feira. Para o INTER só uma vitória frente ao Corinthians. E torcer para o Flamengo não vencer o São Paulo no Morumbi. 

AGORA É POR AQUI

Campeonato Catarinense volta a ser atração a partir desta quarta-feira. O Criciúma que montou um time na base da "correria "começa em casa e pelo que se sente junto aos torcedores com uma boa dose de otimismo.
Aliás, a torcida do Tigre ao iniciar as competições sempre tem dado o crédito necessário.
Do outro lado, Próspera também vem credenciado por uma excelente temporada e uma boa preparação recentemente. E com o nosso "Timaço "da Som Maior vamos contar tudo em todas as rodadas.

NO REPLAY NÃO VALE
A Rádio Bandeirantes transmitia nas manhãs de domingo sempre o principal jogo do Campeonato italiano em Off Tube com o sinal da TV.
O Narrador desses jogos era o Renato Kegles acompanhado do repórter Norberto Perez. Na primeira transmissão o Renato narrou um gol do Milan logo no começo e chamou o repórter e quando o mesmo começou a descrever, o narrador interrompeu e soltou a voz narrado...
OLHA LÁ..OUTRO GRANDE ATAQUE DO MILAN E É GOOÓOL..UMA GRANDE JOGADA.IGUALZINHA A ANTERIOR, no que o plantão Jorge Estrada entrou e disse...É Replay....E era.
 

Mário Lima
Por Mário Lima 19/02/2021 - 06:01

“Que seja próspera a temporada do Criciúma e um futuro majestoso ao Time da Raça!
Estamos juntos e misturados, numa rara alquimia. Nossos times são diferentes, mas a pipoca pode ser a mesma. Seremos o exemplo que tanta falta faz ao futebol: CIVILIDADE...
Tola a torcida que troca a ‘Ola por brigas’. Jogamos em outro campo, cobramos em outra sintonia.
Somos torcedores do futebol, faça chuva ou faça sol. Se Próspera versus Criciúma é o clássico do carvão, o Próspera é Carvoeiro por ofício; o Tigre por herança. 
Quando adolescente, nas tardes de domingo, passava na venda do seu Didi, trocava todo meu dinheiro por um copo de ‘capilé’ e, faceiro, me dirigia ao Mário Balsini. Recordar é viver.” O texto é do brilhante Laércio Silva um torcedor "raiz" a quem transcrevo. A rivalidade entre dois clubes da mesma cidade é bem-vinda… claro, nos limites da civilidade.
 

UM MILHÃO 

É o que INTER vai ter que desembolsar para ter o lateral Rodney para enfrentar o Flamengo no domingo. E o Colorado vai pagar, com certeza. O atleta está emprestado pelo Mengão e o valor é estipulado em cláusula. A pergunta é: vale a pena? Acho que sim. O atleta é um dos principais na atual campanha colorada. E ademais, o clube gaúcho tem muitos desfalques para o jogo, que em caso de vitória será a conquista do título....Depois de 41 anos.

Mário Lima
Por Mário Lima 18/02/2021 - 06:45Atualizado em 18/02/2021 - 12:06

A primeira amostragem do "novo" Criciúma foi melhor que a expectativa. Não só pelo placar, mas pela movimentação em campo. Para um primeiro onze contra onze, segundo a reportagem que assistiu o jogo-treino contra o Grêmio B, o novíssimo time do Criciúma mostrou um futuro promissor.

Sim... É cedo para as avaliações otimistas... Mas convenhamos... Foi um começo  acima das expectativas.

O Próspera vai completar a preparação frente ao Juventude, em Caxias. O que foi mostrado até  agora o credencia a bons resultados no campeonato. Talvez, com uma boa campanha entre os dois de Criciúma, tenhamos a rivalidade de volta. Se for sadia, será bem vinda.

Via Crúcis

Nos jogos de Criciúma, alguns anos atrás, era de praxe a escolha para atacar no primeiro tempo na goleira do "Colegião". Mística que do outro lado se postava grande parte da torcida mais participativa e como o time tinha a mania de abafar os adversários nas bolas paradas. Ao término de um jogo de casa cheia, e de zero a zero na primeira etapa, o repórter da torcida Jorginho Davi, hoje acessor do Deputado Daniel Freitas, largou na transmissão: "E atenção... Terminado o primeiro tempo agora o bicho vai pegar... A galera começa a Via Crúcis pra goleira chama gols".

Mário Lima
Por Mário Lima 17/02/2021 - 07:32Atualizado em 17/02/2021 - 07:32

Penúltima rodada do Campeonato Brasileiro reserva um final de semana com muitas emoções para o Maracanã, com dois gigantes em clima de decisão. Flamengo e Inter separados por um ponto apenas. Para os colorados uma vitória significa a conquista do título por antecipação. Para o rubro negro só resta vencer para adiar a decisão para a última rodada. Até domingo muita polêmica vai rolar. Favorito?Não tem. São dois gigantes disputando o título do campeonato mais competitivo do mundo. Sempre é disputado com vários pretendentes, ao contrário de outros países.

SPARRING TRICOLOR

Próspera e Criciúma escolheram o mesmo adversário para a preparação para o campeonato que vem aí. O Grêmio B, equipe de transição. O time da raça perdeu em Porto Alegre e ganhou aqui. Agora é a vez do Criciúma. O placar neste tipo de enfrentamento nem sempre importa.O que mais vale é a movimentação dentro do campo.Tirar as conclusões no onze contra onze é  o mais relevante. O Próspera foi bem nos dois quesitos.Vejamos agora o Criciúma.

TARDE ENLUARADA 

Fomos certa vez no começo dos anos 90 convidados (na verdade "intimados" a participar de uma decisão de um campeonato amador no interior do município de Sertão Santana,eu e o comentarista João Garcia pelo nosso grande amigo Enon Cardoso, dono da Rádio Tapense, para transmitir o jogo evidentemente. Ficamos em cima da carroceria de um caminhão com o equipamento da rádio e fartamente atendidos com todo tipo de "guloseimas coloniais ",cervejas,etc pelo organizadores. O repórter  era o Vilarzi Martins muito conhecido na região. Eu abri a transmissão, fiz todos os elogios possíveis e imagináveis  e chamei o Vilarzi com as primeiras informações e ele com todo o seu estilo de comunicador lascou: Alô Amigo da Galera...Estamos aqui em Sertão Santana curtindo esta tarde "enluarada" e eu fui obrigado a completar a frase...E daqui a pouco vamos curtir também, "uma noite ensolarada"..

Mário Lima
Por Mário Lima 15/02/2021 - 07:28Atualizado em 15/02/2021 - 07:29

Os clubes da “bela e Santa Catarina” tem apenas nove dias para se ajustarem para o campeonato estadual. Na verdade apenas oito, pois ao nono dia será a hora da verdade. O Criciúma está ainda se montando e o Próspera já tem elenco e treina a mais tempo e manteve grande parte da estrutura do acesso. O Criciúma ainda busca reforços e, entre os que chegaram, tem bons nomes, mas começou muito tarde a preparação.

Inclusive faltam peças importantes, tipo para a articulação e possíveis atletas para "plano B". Enfim, o tricolor, face às dificuldades, com a mudança da gestão, não teria outra solução a não ser a que se apresenta.

RIVALIDADE 

Com dois clubes da cidade na mesma divisão a teremos? É inevitável. Muito embora já tenhamos visto em outras épocas torcedores do Próspera vibrando com vitórias tricolores. Mas isso em competições nacionais. Já vimos também o Mario Baldini soltando a voz em vitórias do "mineirinho". Rivalidade sadia é bem vinda.

DESLIGA O RÁDIO

Edmundo de Carvalho foi um narrador da Rádio Sociedade que usava um bordão na hora do giro do placar. Foi escalado em uma sexta de abertura do carnaval na Bahia para Galícia e Leônico com a Fonte Nova com meia dúzia de torcedores no estádio. E ele evidentemente louco para estar atrás do "trio eletrico", lá pelos quarenta do primeiro tempo solta no poderoso microfone da Sociedade...Na Bahia de todos os Santos 21 hrs e 40 minutos. Tempo e placar. Quarentinha primeira etapa.Galicia 0 Leônico 0. Jogo tão ruim. Fonte Nova vazia. Carnaval bombando na Praça Castro eu de "mal com a vida'',se fosse você desligava o Rádio. Foi demitido na quarta feira de cinza...
 

Mário Lima
Por Mário Lima 12/02/2021 - 07:17Atualizado em 12/02/2021 - 07:18

O tempo passa rápido para os clubes de Santa Catarina. Até o dia 24 de fevereiro são poucos dias, e alguns lutam contra o tempo para ajustar seus times. Criciúma é um deles. Começou por último e do "zero". Ao assumir as chaves do clube, Anselmo Freitas e seus colaboradores encontraram somente a estrutura física, algo que já era sabido desde o início do tipo de gestão implantada anteriormente. Portanto, repito, eram sabedores do que teriam que enfrentar. 

No primeiro momento montar um novo staff para o futebol e um novo time do "goleiro ao ponta esquerda", como se dizia há uns tempos atrás. Tá montado e até com nomes interessantes. Agora o tempo é inimigo do Hemerson Maria e sua equipe que certamente terá que suar muito para deixar o "novo"Criciúma pelo menos em condições de resgatar seus melhores momentos.

BASE

Nas categorias de base a situação é a mesma. Não sobrou quase nada. Tem competições regimentais logo ali e o clube precisará ser representado nas categorias mais próximas aos profissionais. As captações para as divisões menores precisam ser reativadas rapidamente  para formar elenco ali a frente com atletas produzidos dentro do clube.

REPÓRTER TORCEDOR

Nos anos oitenta eu narrava um Grenal pela Bandeirantes RS e o lateral Luis Carlos Winck arrancou para o gol tricolor e caiu junto a linha de fundo, e eu anunciei "tiro de meta" para o Grêmio. O repórter Norberto Perez bradou com toda a convicção...
Não Mário..Pênalti claríssimo para o INTER. O Luís Carlos foi derrubado  .
Ele está se levando agora ..O Luís Carlos. Você foi derrubado. E o Wick responde: Nada cara..eu caí sozinho...

« 1 2