Ir para o Conteúdo da página Ir para o Menu da página
Carregando Dados...
* as opiniões expressas neste espaço não representam, necessariamente, a opinião do 4oito

As melhores empresas para trabalhar em 2019

Henrique Packter
Por Henrique Packter 21/01/2020 - 08:33Atualizado em 31/01/2020 - 09:20

DEU NA VOCÊS/A

Criciumenses, natos ou adotivos, lembram que nossa cidade era conhecida como capital brasileira do Carvão e do Azulejo. Isso faz pensar que, pelo menos nessas duas áreas, a cidade se garantia no que diz respeito a empregos, a trabalho. Hoje, marchamos em acelerado, marcha a ré, principalmente no que diz respeito ao carvão.

A edição 258 da revista VOCÊS/A de novembro de 2019 escreve sobre as 150 MELHORES EMPRESAS PARA TRABALHAR EM 2019.

A curiosidade sobre o desempenho das empresas brasileiras e sobretudo das empresas catarinenses logo é despertado e nas primeiras páginas ficamos sabendo que a análise metodológica é da FUNDAÇÃO INSTITUTO DE ADMINISTRAÇÃO (FIA), Coordenação geral de André Luiz Fischer e Joel Dutra. A revista é publicação mensal da Editora Abril, fundada em 1950 e a revista VOCÊS/A é de 1998.

EMPRESAS PEQUENAS, MÉDIAS E GRANDES

A empresa é pequena se possui até 500 funcionários, média de 501 a 1.500 e grande acima de 1.500 funcionários.

1.   AGRONEGÓCIO (selecionadas 7 empresas)

A empresa nacional SÃO MARTINHO com nota final 86,3% foi a melhor. Sede em Pradópolis, SP, tem 12.080 funcionários, 92% homens. Atua no processamento de cana.

2.   BANCOS (selecionados 3)

Em matéria de BANCOS, ITAÚ UNIBANCOS com sede em SP, está em 1º lugar com nota 82,3 emprega 92.815 pessoas. 59% mulheres. O BB com sede em Brasília vem em 3º lugar com 98.975 funcionários, 58% homens.

3.   BENS DE CONSUMO (10 empresas)

A BRASAL REFRIGERANTES foi a melhor com nota final 87,1 1879 funcionários, 87% homens, sede em Taguatinga DF. A segunda é a SANTA HELENA, 83,9% nota final, 1161 funcionários, 58% homens, sede em Ribeirão Preto, SP, maior fabricante de produtor da base de amendoim no país.

4.   CONSTRUÇÃO CIVIL (9)

WEBER SAINT-GOBAN, 1º lugar, multinacional francesa com sede no Brasil em Jandira, SP, 540 funcionários, 25% homens. Emprega 1648 funcionários, obteve nota final 81,9 fabrica argamassas e impermeabilizantes, O primeiro grupo catarinense a comparecer é o GRUPO TIGRE de Joinville, SC. Nota 79,9 são 3444 funcionários, 79% homens, em 3º lugar. O grupo VOTORANTIM CIMENTOS é o 6º lugar, sede em SP, 7.386 funcionários, 83% homens. Presente em 11 países além do Brasil.  O grupo PORTINARI de Criciúma, SC, vem em 8º lugar, 1800 funcionários 79% homens. Nota final 75,3. Tem programa PIC, para sugestão de inovações e melhorias em produtos e processos. Em 2018, 15 ideias foram comtempladas. CECRISA Revestimentos Cerâmicos e Cerâmica PORTINARI foram adquiridas em maio pela Duratex S.A. por 539 milhões de reais. Receita líquida: 652 milhões (2018), dívida líquida 442 milhões (2019), faturamento 3,9 bilhões (2017) tem 2 unidades em Criciúma e uma em Santa Luzia (MG), capacidade de produção 20 milhões de m²/ano. Valor de mercado: 6,8 bilhões de reais.

A Duratex pertence ao Grupo Itaúsa e Ligna e tem mix que inclui Deca, Hydra, Durafloor e Ceusa (Urussanga).

As empresas foram fundadas e instaladas por Manoel Dilor de Freitas, em 1966. Após a venda para o Grupo Vinci Partners de Gilberto Sayão em 2012 e posteriormente para Duratex, a família Freitas ainda detém 23% do capital.

5.   COOPERATIVAS DE SAÚDE (17 empresas)

HOSPITAL UNIMED SUL CAPIXABA, Cachoeiro do Itapemerim, ES.  1º lugar, 540 funcionários, 25% homens, nota 86,5. A UNIMED SUL CAPIXABA, nota 81,4 vem em 6º lugar também com sede 40 cursos em Cachoeiro, 247 funcionários, 37% homens. O Hospital UNIMED VITÓRIA, nota 77,4 vem em 16º lugar com 1205 funcionários, sede em Vitória, ES, 75% mulheres. A UNIMED VITÓRIA com 714 funcionários, 71% mulheres,  nota 77,2 - 17º lugar. 
 

4oito

Deixe seu comentário