Ir para o Conteúdo da página Ir para o Menu da página
Carregando Dados...

Próspera ganha três pontos de derrota por 6 a 0

Almirante Barroso foi multado e condenado a perda de pontos da goleada sobre o Time da Raça na estreia
Denis Luciano
Por Denis Luciano 02/07/2019 - 23:57Atualizado em 03/07/2019 - 00:14

O Próspera faz coisas. O Time da Raça conseguiu, via Tribunal de Justiça Desportiva (TJD), converter uma derrota por 6 a 0 em uma vitória por 3 a 0. Foi o seguinte. Na primeira rodada da Série B do Campeonato Catarinense, a equipe criciumense foi a Itajaí enfrentar o Almirante Barroso no estádio Camilo Mussi. Foi há exatamente um mês, no dia 2 de junho. Com uma atuação desastrosa e repleto de desfalques - o clube não conseguiu inscrever todos os seus jogadores a tempo da estreia - o Próspera tomou 6 a 0. Uma derrota incontestável. Uma atuação amplamente superior do adversário, justificada pelo placar.

Mas o resultado acabou contestável. O Barroso foi denunciado ao TJD por atrasar o jogo diante do Próspera em 38 minutos por falta de médico no estádio Camilo Mussi. Disse a denúncia da Procuradoria:

Clube Náutico Almirante Barroso, entidade filiada à FCF, uma vez que, conforme se depreende da súmula, partida iniciou-se com 38 (trinta e oito minutos) de atraso, face a ausência de médico da partida. Responde então a denunciada pelo previsto no art. 191, III, c/c 206, do CBJD/2009.

A comissão disciplinar decidiu aplicar R$ 200 de multa por minuto de atraso, totalizando o débito em R$ 7,6 mil e, pior que isso, a perda dos pontos da partida em favor do Próspera, sendo proclamado o time de Criciúma, antes perdedor por 6 a 0, vencedor por 3 a 0. Está escrito na decisão:

Juntada defesa escrita pelo dr. Eduardo Luiz. Por unanimidade de votos conhecer da denúncia e, por maioria aplicar a pena de R$ 200 (duzentos reais) por minuto de atraso, considerando o atraso de 38 minutos, totaliza-se a pena em R$ 7.600,00 (sete mil e seiscentos reais), e perda de pontos em favor do adversário, considerando o adversário vencedor pelo placar de 3x0, comm fulcro no art. 206, inciso 1o do CBJD c/c art. 84 inciso 1o do RGC, vencidos o auditor relator e o auditor Cláudio Roberto Koglin, somente quanto a dosimetria, que aplicavam pena de R$ 100,00 (cem reais) por minuto de atraso. Fica determinado o prazo de 15 (quinze) dias para o cumprimento da obrigação, sob pena das sanções previstas no art. 223 do CBJD. Foi requerido lavratura de acórdão.

Como fica

Com isso tudo, o Próspera soma 3 pontos, salta dos 9 que possui em sexto para 12 pontos na quarta posição, a 1 ponto do Juventus (tem 13 pontos), o terceiro, e 2 pontos do Concórdia (que soma 14 pontos), o vice-líder. O Barroso cai de 19 para 16 pontos. O saldo do Próspera melhorou bastante, passando a 4 gols positivos, com 9 marcados e 5 sofridos. O Barroso caiu para saldo de 3 gols positivos, com 9 marcados e 6 sofridos.

Série B - Classificação

1 - Almirante Barroso, 16 pontos*

2 - Concórdia, 14

3 - Juventus, 13

4 - Próspera, 12**

5 - Fluminense, 11

6 - Inter de Lages, 10

7 - Camboriú, 7

8 - Blumenau, 6

9 - Guarani, 4

10 - Barra, 4

* Perdeu 3 pontos no TJD

** Ganhou 3 pontos no TJD

Como o Próspera enfrenta o Juventus em casa nesta quarta-feira, pela oitava rodada da Série B, pode, em caso de vitória, ser o vice-líder até a noite. É que o Time da Raça joga às 15h no Mário Balsini e o Concórdia encara o Guarani de Palhoça às 19h em casa.

Série B - Oitava rodada, nesta quarta

Às 15h, em Criciúma - Próspera x Juventus

Às 15h, em Lages - Internacional x Fluminense

Às 15h, em Indaial - Blumenau x Barra

Às 19h, em Concórdia - Concórdia x Guarani

Às 20h30min, em Itajaí - Almirante Barroso x Camboriú

Uma excelente notícia para esquentar a partida da tarde desta quarta em Criciúma.

Confira também - Um adversário direto no caminho do Próspera

4oito

Deixe seu comentário