Ir para o Conteúdo da página Ir para o Menu da página
Carregando Dados...
* as opiniões expressas neste espaço não representam, necessariamente, a opinião do 4oito

Dr. Anibal: "Fincamos algumas bandeiras"

Pouco depois de deixar o hospital, candidato do MDB conversou com o 4oito
Denis Luciano
Por Denis Luciano 20/11/2020 - 16:30Atualizado em 20/11/2020 - 16:31

Fazia cerca de uma hora que ele havia deixado o Hospital da Unimed. Já acomodado em casa, para onde não ia havia mais de dez dias. Anibal Dario, candidato a prefeito de Criciúma segundo colocado na última eleição de domingo pelo MDB, conversou com a reportagem. Não falou, é bem verdade, mas digitou. Ocorre que Anibal ainda está com dificuldades de fala, por conta do tempo de internação para livrar-se do coronavírus. Ele apresentou os primeiros sintomas da doença no dia 7, o quadro avançou de um resfriado entre os dias 10 e 11, culminando com a internação que se estendeu até estta sexta-feira, 20, quando houve a alta.

Confira também:

Covid-19: Uma eleição entre o diagnóstico e a cura

Mesmo não votando em si no último domingo, Anibal conquistou 10.707 votos, ficando em segundo lugar na disputa à prefeitura com 10,82%.

Dr. Anibal com a filha deixando o hospital nesta sexta

A conversa com o Dr. Anibal, via Whatsapp, foi breve, trocando perguntas e respostas por texto mesmo, até que Anibal esteja em melhores condições para falar. Confira como foi o diálogo:

4oito - Já em casa, Dr. Anibal?

Anibal - Sim, faz uma hora que estou em casa.

4oito - E como se sente. Falando normalmente já?

Anibal - Falando pouco ainda. Estou muito rouco e com fôlego curto. Infelizmente, acho que foi pela lesão pulmonar.

4oito - O vereador Ademir falou terça, na Câmara, que o senhor teve 50% dos pulmões comprometidos...

Anibal - Verdade. Não cheguei a ser intubado, mas acho que o oxigênio ressecou muito. Foi cerca de 50% de comprometimento, sim. 

4oito - E o senhor gostou da campanha?

Anibal - Com certeza.

4oito - E a votação?

Anibal - Foi boa. Um pouco mais próximo de 15 mil seria o ideal. Mas acho que fizemos um trabalho de boa qualidade. Deixamos uma marca boa, acredito. Fincamos algumas bandeiras.

4oito - Vai tentar de novo em 2024?

Anibal - Criciúma precisa modernizar seu leque de empreendimentos. É cedo para falar (de uma nova tentativa). Muitos defendem a nossa continuidade. Mas não quero me precipitar. Muitas ações ainda ocorrerão.

4oito - Mas gostou do ambiente da campanha? Do ambiente partidário?

Anibal - Com certeza, a absoluta maioria são pessoas de bem. Conheci inúmeras pessoas que querem uma política boa.

4oito - E o que achou da votação do prefeito Salvaro?

Anibal - Digamos que até me surpreendi. É uma liderança de muita expressão e de ótima articulação. Mas o sentimento das ruas era um pouco diferente. Mas tudo é possível em termos de votos. Acho que a população optou pelo que pareceu mais lógico.

4oito - Melhoras para o senhor, Dr. Anibal.

Anibal - Muito obrigado a você e a todos os criciumenses.

4oito

Deixe seu comentário