Ir para o Conteúdo da página Ir para o Menu da página
Carregando Dados...
* as opiniões expressas neste espaço não representam, necessariamente, a opinião do 4oito

Vice empossado, prefeito afastado e Lauro Muller em ebulicão

Adelor Lessa
Por Adelor Lessa 02/12/2019 - 20:09Atualizado em 02/12/2019 - 20:24

Na sessão de agora à noite da Câmara de Vereadores de Lauro Muller foi onde foram passadas mais informações sobre o afastamento do prefeito de Lauro Muller, Valdir Fontanella, PP.

Durante o dia,  poucas informações foram passadas.  Até agora, a prefeitura não emitiu sequer uma nota a respeito, nem a assessoria jurídca do prefeito afastado.

O prefeito foi afastado hoje por 180 dias por decisão do Tribunal de Justiça.

A sessão desta noite na câmara foi marcada por discursos de vereadores da oposição e da situação. Os da situação, em linhas gerais, lembrando que o Gaecco também investigou governos do MDB e que gestores do MDB foram condenados por corrupção.

Os da oposição, destacando que o Gaecco "bateu" na prefeitura no atual mandato e que nunca na historia de Lauro Muller um prefeito havia sido afastado pela justiça por investigação de irregularidades e corrupção.

O presidente da Câmara, Luciano Leodato, PSB, informou que recebeu ontem cedo na sua casa uma ligação de um funcionário do Tribunal de Justiça, perguntando o seu endereço, pois tinha um oficio para entregá-lo em mãos. Era a notificação sobre o afastamento do prefeito.

Disse que o vice, Pedro Barpi, assumiu imediatamente.

Durante a sessão foi informado que o celular do prefeito Valdir Fontanela foi apreendido e que os seus advogados devem protocolar recurso para tentar reassumir a prefeitura nas proximas horas. 

4oito

Deixe seu comentário