Ir para o Conteúdo da página Ir para o Menu da página
Carregando Dados...
CORONAVÍRUS - Saiba mais aqui
* as opiniões expressas neste espaço não representam, necessariamente, a opinião do 4oito

Tragédia coloca ciclovia como prioridade no debate para a eleição

Chegou a hora de discutir se prioridade é manter os coqueiros ou garantir segurança das pessoas
Adelor Lessa
Por Adelor Lessa 24/06/2020 - 06:54Atualizado em 24/06/2020 - 07:41

O acidente com a morte do garoto Matheus na Avenida Centenário abalou a cidade.

Ele estava de bicicleta, bateu no ônibus, ou ônibus bateu nele, ele caiu, foi atropelado, fatal.

Uma tragédia. Comoção geral.
E como nao ficar mexido, emocionado.

E na emoção, muito foi dito, questionado, e criticado.

Mas, o que é fato, e fica, mesmo depois da comoção, é que tragédia traz de volta ao debate na cidade é a importância/ncessidade inadiável de ter ciclovias. Para dar mais segurança ao pessoal do pedal.

E quantas vezes isso já foi tratado? Muitas, muitas.
Faz muitos anos que está sendo tratado disso.

Fizemos na Som Maior  uma mesa redonda com pedaleiros, e ciclistas, não faz muito tempo, tratando da importância de importância de ciclovias.
Ideias foram apresentadas, projetos, argumentos.

A reitora da Unesc, Luciane Cereta, estava ouvindo, ligou na hora, falou no ar, e colocou a universidade a disposiçao para fazer o projeto.
E o projeto foi feito, o pessoal foi para a prefeitura, esteve com o prefeito Salvaro, tratou do projeto com ele. E ficaram tratando disso.
Mas, tratando, sem data.

Isso porque embora importante, o assunto não estava ponteando a lista de prioridades da cidade. Ou pelo menos não era a pauta prioritária da maioria da cidade.

Se batesse uma pesquisa ontem pela manha, a ciclovia não estaria na ponta da lista de prioridades.

Porque se a cidade estivesse unida em torno disso, e fazendo pressão forte por isso, já teria saído

Mas, os movimentos de pressão eram por outras obras, e ações.
E outras coisas foram sendo feitas
E a ciclovia foi ficando para o amanhã.

Só que agora, o amanhã virou hoje!
Ciclovia tem que passar a ter tratamento de prioridade.
A proposta da ciclovia é pauta certa no debate das eleições.
Todos os candidatos terão que trazer propostas/e projetos com ciclovias.

Na Avenida Centenário, onde aconteceu a tragédia de ontem, chegou a hora de discutir se prioridade é manter os coqueiros ou garantir segurança para as pessoas.

E discutir se não tem cercar o corredor do ônibus. Ou pelo menos separar os onibus dos pedestres, e dos ciclistas.

O que não cabe é politizar o debate.
Mas virou inadiável encaminhar projeto de ciclovias

Candidato que não vier com proposta clara, bem detalhada, sobre isso, vai ficar devendo.

Aquele menino de 13 anos que morreu na Avenida ontem deve ser o responsável pela implantação das ciclovias na cidade.

Mas, é claro que não teria que ser necessária uma tragédia assim para que isso saísse do papel.

A cidade precisa ter um olhar permanente para segurança das pessoas, para mobilidade.
E tem que ir se modernizando, sempre, adequando suas teses/ideias aos novos tempos, novas práticas, novos costumes.

 

4oito

Deixe seu comentário