Ir para o Conteúdo da página Ir para o Menu da página
Carregando Dados...
4
* as opiniões expressas neste espaço não representam, necessariamente, a opinião do 4oito

PP de Siderópolis afasta Tusa e avalia expulsão

Vice-prefeito de Tubarão pode trocar PSD por Republicanos
Adelor Lessa
Por Adelor Lessa 24/02/2021 - 19:13Atualizado em 24/02/2021 - 20:44

O presidente da executiva municipal do PP de Sideropólis, Fábio Alessio, decidiu afastar das funções partidárias a ex-presidente e ex-candidata a prefeita Aretusa Larroyd, a Tusa.

Decisão foi tomada depois que a executiva recebeu oficialmente pedido de expulsão de Tusa e outros quatro membros do diretório por alegada infidelidade partidária.

Além de decidir pelo afastamento, o presidente da executiva convocou o conselho de ética para avaliar o pedido e se posicionar em até oito dias.

Depois disso, o diretório será convocado para decidir sobre o pedido de expulsão.

De acordo com a denúncia, Aretusa venceu a convenção do PP que definiu o candidato a prefeito em 2020,  ficou como candidata até o dia 25 setembro, e renunciou às 23h. O partido tinha prazo fatal para inscrever candidato no dia seguinte.
No dia seguinte, ainda de acordo com a denúncia,  mesmo depois de o partido  ter registrado outro candidato a prefeito, Aretusa e seu grupo declararam apoio e participaram da campanha do atual prefeito Franqui Salvaro, PSDB.

 

Vice de Tubarão saindo

O vice-prefeito de Tubarão, Caio Tokarski, está decidido a sair do PSD.

Ele diz que está desconfortável no partido e avalia convites de outros partidos.

É provável que ele assine filiação no Republicanos.

Ele foi convidado pelo deputado Sergio Motta e pediu "alguns dias" para avaliar.

Deve se definir durante o mês de março.

Caio garante que não tem projeto eleitoral para 2022. "O meu projeto é o do prefeito Joares", acrescentou.

Se Joares não for candidato em 2022, ele admite a possibilidade de sair candidato a deputado federal.

 

 

4oito

Deixe seu comentário