Ir para o Conteúdo da página Ir para o Menu da página
Carregando Dados...

Nos bastidores, a possível cassação de Ademir Honorato

Desejo do vereador, de migrar para o PSL, detona a articulação interna no MDB
Adelor Lessa
Por Adelor Lessa 27/08/2019 - 18:41Atualizado em 27/08/2019 - 18:42

Há uma articulação nos bastidores da Câmara de Criciúma, muito discreta, teve reunião no domingo tratando disso, discutindo no MDB a possibilidade de encaminhar um procedimento para pedir a cassação do mandato do vereador Ademir Honorato, que teria sinalizado o seu desejo de trocar de partido, de ir para o PSL. O assunto vem sendo tratado ainda com discrição, não houve qualquer procedimento formal. O atual presidente do MDB, o advogado Rodrigo Ganso, é suplente do MDB, não se elegeu. Hoje, considerando que Angela Mello saiu, Vanderlei Zilli saiu, ele seria hoje o primeiro na lista no caso de cassação de mandato de Ademir Honorato. O assunto já chegou no ouvido do Ademir que está surpreso com isso mas está ligado. O assunto é tratado nos bastidores, ainda não veio para a rua, ainda não foi formalizado, mas é uma possibilidade.

Na Câmara

Foi derrubado a pouco, na sessão da Câmara de Criciúma, o veto do prefeito Salvaro à obrigatoriedade da instalação de ar condicionado em pelo menos 50% dos ônibus em Criciúma, projeto do vereador Dailto Feuser (PSDB). O veto de Salvaro foi derrubado com 15 votos. Mas vem aí a nova licitação, e essa determinação deve ficar para a empresa que vai vencer ou para a nova licitação que será colocada na rua nos próximos dias.

Em Brasília

O prefeito Miri Dagostim (PP) fará amanhã a sua primeira viagem para fora de Santa Catarina. Ele vai a Brasília, vai acompanhar Vagner Espíndola nas tratativas na chefia da Casa Civil sobre o empréstimo do Fonplata. De lá, acompanhado do senador Esperidião Amin, vai tratar da aceleração do processo no Senado. Esse empréstimo deve ser assinado na semana que vem, na volta do prefeito Clésio Salvaro.

4oito

Deixe seu comentário