Ir para o Conteúdo da página Ir para o Menu da página
Carregando Dados...
FIQUE POR DENTRO DE TODAS AS INFORMAÇÕES DAS ELEIÇÕES 2024!
* as opiniões expressas neste espaço não representam, necessariamente, a opinião do 4oito

Hospital superlotado e a falta de médicos nas unidades

Pela situação de colapso, Hospital Santa Catarina agora só atende urgência

Por Adelor Lessa 11/07/2022 - 17:14 Atualizado em 11/07/2022 - 18:03

O governador Carlos Moisés chamou a atenção no domingo, quando foi conferir a superlotação do hospital infantil Santa Catarina. "Atendimentos que estão sendo procurados no hospital, deveriam estar sendo feitos nas unidades. Hospital é para urgência e emergência, não para o básico", disse.

Hoje à tarde, a direção do hospital colocou placa na porta com o comunicado: "O Hospital Materno-Infantil Santa Catarina está atendendo somente casos de urgência e emergência. Demais classificações deverão procurar atendimento nas Upas". 

A rigor, já deveria funcionar assim. Mas, a falta de médicos na unidades, principalmente pediatras, faz com que as pessoas procurem direto o hospital, que em alguns momentos acabou cumprindo o papel de uma grande unidades basica.

Hoje cedo, um ouvinte registrou por mensagem de texto: "Quando tinha pediatra nas unidades de saúde, não tinha isso. Aqui no bairro Sangão nós tínhamos o Doutor Diogo. Era muito bom. Hoje não tem mais. Faz muita falta pediatras nas unidades".

A falta de médicos não gerou a onda de casos de problemas respiratórios, mas pode ter contribuído para consignar o colapso no atendimento no hospital infantil São Catarina.

Hoje o hospital confirmou por nota oficial: "No fim de semana foram transferidas 12 crianças que estavam no Santa Catarina". 

Copyright © 2022.
Todos os direitos reservados ao Portal 4oito