Ir para o Conteúdo da página Ir para o Menu da página
Carregando Dados...
4
* as opiniões expressas neste espaço não representam, necessariamente, a opinião do 4oito

Depois da reação de Dário, MDB recua do anuncio de chapa pura

Nota oficial acaba de ser divulgada pelo partido
Adelor Lessa
Por Adelor Lessa 28/09/2021 - 14:11Atualizado em 28/09/2021 - 14:16

A direção estadual do MDB acaba de divulgar nota oficial onde informa que a decisão do partido sobre chapa majoritaria para eleição de 2022 só será tomada depois da reunião na próxima semana entre executiva estadual e bancada de deputados estaduais.

Minutos antes, o senador Dário Berger havia informado em grupos fechados do MDB que o anúncio do acordo em torno de chapa pura era "fake news".

"Estamos converdando e analisando os cenários. Não tem um pingo de verdade a hipotese de definição de candidatura a governador, muito menos de vice e senador", escreveu o senado.

Abaixo, trecho da nota que acaba de ser distribuida pela direção do MDB:

"Em reunião da executiva estadual e bancada estadual previstas para a próxima semana, os líderes emedebistas discutem os avanços das conversas sobre a composição da chapa a majoritária. A definição oficial só será divulgada após o encontro entre os líderes."

Pela manhã, em outra nota oficial, a direção do MDB havia informado o seguinte:

"Com foco na unidade partidária, os três pré-candidatos do MDB ao governo catarinense, prefeito Antídio Lunelli, senador Dário Berger e o presidente da sigla, deputado federal Celso Maldaner, em conversas e agenda conjunta avançaram na definição da chapa majoritária que representará o partido na eleição do próximo ano. Por consenso, Lunelli deve encabeçar o grupo como candidato a governador, tendo Maldaner como vice e Berger para o senado".

 

4oito

Deixe seu comentário