Ir para o Conteúdo da página Ir para o Menu da página
Carregando Dados...

Daniel Freitas e o protagonismo no PSL, OAB x delegado e outras da coluna

Adelor Lessa
Por Adelor Lessa 12/11/2018 - 06:03Atualizado em 12/11/2018 - 09:57

O PSL tem uma disputa velada pela posição de protagonista neste processo de transição até a chegada ao poder.

Envolve dois políticos do sul do estado. Daniel Freitas, de Criciúma, deputado federal eleito com mais de 140 mil votos, e Lucas Esmeraldino, de Tubarão, presidente estadual do partido, que não se elegeu senador por apenas 18 mil votos (fez mais de 1 milhão de votos).

Daniel foi o mais votado do partido e o segundo mais votado do estado para deputado federal.

Lucas ainda acredita na possibilidade de cassação da candidatura se Jorginho Mello, em recurso do Ministério Público Federal, e que ele possa assumir o senado.  

Daniel já se colocou na articulação nacional do partido, tem se reunido com autoridades do futuro governo, faz conversas frequentes com os Bolsonaro (Jair e os filhos) e mantêm sintonia fina com o governador eleito Comandante Moisés.

Na sexta-feira, antes da reunião do partido, em Aguas Mornas, Daniel e Moisés se reuniram.

Daniel marcou reunião de Moisés com o futuro ministro da economia, Paulo Guedes.

Daniel não será secretário de estado, mas terá condições políticas de indicar quem será. 

Lucas mantêm boa relação com Moisés, mas foi afastado de todas as reuniões que vem sendo encaminhadas para montagem do futuro governo. Não foi convidado para nenhuma delas.

Na reunião estadual do partido, sexta-feira à noite, Daniel e Lucas chegaram a se contrapor em algumas questões, no primeiro sinal externo da disputa pelo protagonismo do processo.

Logo depois da eleição, Lucas Esmeraldino chegou a ser tratado como “primeiro ministro” ou “homem forte” do futuro governo. Nos bastidores, era dito que as decisões passariam por ele, até porque Moisés era seu assessor, foi ele que o levou para o partido e bancou sua candidatura ao governo.

Hoje é dito que se Lucas fizer parte do futuro governo, será nomeado secretário de articulação nacional em Brasilia (pasta que foi ocupada por Acelio Casagrande até início de 2018).

A mostrar que o Comandante não vai correr risco de um "poder paralelo" dentro do seu governo.


De passagem

Como previsto, o governador eleito Comandate Moisés participou da reunião estadual do PSL, sexta-feira à noite em Aguas Mornas. Mas, por apenas 25 min.

Moisés fez apresentação da equipe de transição, reafirmou que não está tratando ainda do secretariado e que sua prioridade hoje é a definições de ações de governo.

Está confiante em conseguir aprovar ainda neste ano uma reforma administrativa para redução da maquina, com destaque para extinção de todas as secretarias regionais e fusão ou incorporação de secretarias.


OAB questiona delegado

As ameaças feitas pelo delegado Leandro Loreto ao advogado Jeferson Monteiro, na sexta-feira, durante entrevista ao repórter Jota Del Fabro, da radio Som Maior, provocaram reação da OAB.

O presidente da OAB de Criciúma, advogado Fabio Jeremias de Souza, classificou como “graves” as afirmações feitas pelo delegado.

Hoje, a direção da OAB vai se reunir com o advogado Jeferson Monteiro para decidir os encaminhamentos aplicáveis ao caso.

Na sexta-feira, o advogado disse na Som Maior que o delegado o ameaça e persegue. Ao ser convidado para um debate, o delegado afirmou: “eu não vou ao debate porque se eu for eu prendo o Jeferson na hora; eu já estive perto de prendê-lo na semana passada”.

O presidente da OAB disse que repudia a manifestação do delegado.


Salesio candidato

Se o PSD tiver candidato a presidência da câmara de Criciúma será o vereador Salesio Lima.

Ele teve declaração de apoio da vereadora Camila do Nascimento na reunião do partido no sábado.

Como são três vereadores na bancada, Salesio passa a ter maioria.

O terceiro vereador da bancada, Zairo Casagrande, também apresentou sua candidatura.


Mais dez

A câmara de Criciúma ainda terá 10 sessões ordinárias até encerrar o ano. 

A última será no dia 11 de dezembro e deve ser marcada pela eleição da nova Mesa Diretora. Até lá ainda terão que ser avaliados projetos importantes como as isenções dos tributos municipais e o orçamento do município para 2019. São projetos que devem ser colocados em pauta nas próximas sessões. 

No dia 12 de dezembro, ainda terá uma sessão solene com entrega de títulos a pessoas que contribuem de alguma forma com o desenvolvimento da cidade.


Lucro da Criciuma

O advogado Marcos Rinaldi Fernandes, que representa grupo de credores da Criciúma Construções, garante que só em dois empreendimentos da empresa que serão concluídos, o empresário Rogerio Cizeski terá “uma sobra” de mais de r$ 6 milhões.

Pelo processo da recuperação judicial que está e curso, os empreendimentos são tratados individualmente e o "lucro" de um não pode ser usado para conclusão ou construção de outro.


Juiz vai se manifestar

O juiz Rafael Milanese, que está responsada pelo processo de recuperação judicial da Criciúma Construções, vai conceder entrevista coletiva amanhã, 15h, na Acic.

Vai esclarecer principalmente sobre a possibilidade de conclusão do processo até os primeiros meses de 2019 e devolução da empresa para Rogerio Cizeski.

Também participarão, o administrador judicial Agenor Dalfemback Junior, o gestor judicial Zanoni Elias e os advogados Lucas e Alexandre Farias, que representam Cizeski.


Custodinho

Faleceu no sábado o criciumense Custodio de Souza, 63 anos, evangélico, liderança política, atuante por mais de 20 anos. Chegou a assumir como vereador de Criciúma.

Ele era o chefe de gabinete do deputado Kennedy Nunes (PSD).

Foi internado na quinta-feira após sentir-se mal e faleceu por infecção generalizada.


Projeto

Câmara de vereadores vai votar projeto do vereador Ademir Honorato (MDB) que pretende isentar do pagamento do IPTU o imóvel de pessoas portadoras de doenças graves. São listadas como passíveis de isenção: câncer, paralisia irreversível e incapacitante, Parkinson e Alzheimer, esclerose múltipla e esclerose lateral amiotrófica, conhecida como ELA. Porém para passar a valer a partir do ano que vem, o projeto precisa ser aprovado no Legislativo e sancionado em seguida pelo prefeito Clésio Salvaro. 

Aliás, já tramita na Câmara de Vereadores o projeto encaminhado pelo Executivo garantindo isenções do IPTU já exercidas pelo Município e que precisam ser atualizadas após o novo Código Tributário.


Serviço Aeromédico

O vereador Tita Belloli (MDB) faz requerimento na sessão de hoje para oficializar o que vem cobrando nas últimas sessões. Solicita que uma comissão seja criada para tratar da implantação do serviço aeromédico no Sul do estado.


Extinção cartórios

Um projeto de lei foi encaminhado pelo Tribunal de Justiça para a Assembleia Legislativa para a extinção 75 cartórios espalhados em distritos. O motivo foi a falta de interessados em administrar esses cartórios. Do Sul estão na lista, Aiurê e Invernada (Grão-Pará), Azambuja (Pedras Grandes), Barro Branco e Guatá (Lauro Müller), Hercílio Luz (Araranguá), Pindotiba (Orleans), Rio D'uma (Imaruí), Vargem dos Cedros (São Martinho) e Vila Conceição (São João do Sul).


Empresário piloto

O empresário criciumense André Gaidzisnki, ex-presidente e atual vice-presidente da Facisc (Federação de Associações Empresários do estado) foi segundo colocado na última etapa da Porsche GT3 Cup 3.8, realizada no autódromo de Interlagos, em São Paulo.

Prova foi disputada antes da Formula 1.

Com o segundo lugar, André subiu ao podium e ficou em sexto na classificação geral.

4oito

Deixe seu comentário