Ir para o Conteúdo da página Ir para o Menu da página
Carregando Dados...
* as opiniões expressas neste espaço não representam, necessariamente, a opinião do 4oito

As apostas de Merisio, Toninho troca Ada por Vampiro, e outras da coluna

Adelor Lessa
Por Adelor Lessa 14/05/2018 - 06:00Atualizado em 14/05/2018 - 09:19

O deputado Gelson Merisio, presidente estadual do PSD, considera irreversível a sua candidatura ao governo. Diz que a “fase de risco” já foi superada.

No dia 26, ele pretende fazer um ato politico com 15 mil pessoas em Chapecó para lançamento da candidatura.

A sua chapa está “escalada" - o empresário Ninfo König, de Joinville, PSB, vereador de primeiro mandato, será o vice, Esperidião Amin, PP, e Raimundo Colombo, PSD, os candidatos ao senado.

No sábado, Merisio esteve em Criciúma para a festa de aniversário do empresário Guto Fretta, presidente do grupo Angeloni, seu amigo pessoal (foto). 

Na oportunidade, discutiu circunstâncias da economia e da política com alguns dos principais empresários de Criciúma e o estado que estavam na festa (abaixo com o empresário Antenor Angeloni, sogro de Guto).

A todos, passou a impressão que sua candidatura é fato consumado, assim como a aliança com o PP e PSB, e que não faz muita questão do apoio do PSDB. Mesmo assim, vai fazer conversações com os tucanos do estado.

Na semana passada, ele teve reunião em Brasilia com o ex-governador Geraldo Alckmin, candidato do PSDB a presidência.

Merisio não acredita na possibilidade de Esperidião Amin se lançar candidato ao governo - "o PP está fechado comigo, prefere estar numa aliança forte do que se aventurar num projeto isolado; o Esperidião vai para o senado”.

Ele também "escalou" os adversários para a eleição - governador Eduardo Moreira, MDB, e Décio Lima, PT. 

Tem dúvida sobre o que vai fazer o PSDB.

Hoje, Merisio terá reunião em Florianópolis, à tarde, com o ex-deputado Julio Garcia, PSD. Conversa importante para o ambiente interno no PSD. 

Julio abriu uma dissidência no PSD, no final de 2017, contra a candidatura de Merisio ao governo.

Toninho com Vampiro

O vereador Toninho da Imbralit, MDB, sacramentou no fim de semana seu apoio à reeleição do deputado Luiz Fernando Vampiro, MDB. Com isso, Vampiro passa a ter apoio de toda a bancada do MDB na câmara de Criciúma e a deputada Ada de Luca, MDB, perde um dos principais aliados na cidade.


Cara nova

O dentista Jesse de Faria Lopes anunciou no fim de semana, por video postado nas redes sociais, que será candidato a deputado estadual pelo PSL, o partido de Bolsonaro.

Ele era coordenador do grupo de apoio a Bolsonaro, foi empossado presidente da executiva municipal do PSL faz 10 dias e agora assume a sua primeira experiência eleitoral.


Missão cumprida

Um dos mais longevos sindicalistas de Criciúma está “pendurando as chuteiras”. Edegar Generoso, que foi dirigente do sindicato dos bancários por 20 anos, é o atual presidente, decidiu não fazer parte da nova diretoria. Vai voltar ao banco onde tem vinculo profissional e pretende ficar até a aposentadoria. Edegar foi um dos mais combativos sindicalistas, com atuação também na CUT e no MUTUC-movimento dos usuários no transporte coletivo.

O novo presidente do sindicato dos bancários de Criciúma será Valdir Machado da Silva. Eleição da nova diretoria será amanha, dia 15, com chapa única.


O conselheiro

O deputado estadual Rodrigo Minotto, PDT, foi eleito para representar Santa Catarina no Conselho Deliberativo da União Nacional dos Legisladores e Legislativos Estaduais (Unale). 

A eleição aconteceu durante a 22ª edição da Conferência Nacional dos Legisladores e Legislativos Estaduais, concluída no final de semana no Rio Grande do Sul.

4oito

Deixe seu comentário