Ir para o Conteúdo da página Ir para o Menu da página
Carregando Dados...
4
* as opiniões expressas neste espaço não representam, necessariamente, a opinião do 4oito

Festa clandestina de acadêmicos de Medicina em Criciúma é dispersada pela PM

Confira ainda: A difícil situação do Criciúma
Ney Lopes
Por Ney Lopes 19/04/2021 - 07:28Atualizado em 19/04/2021 - 07:30

A reitoria da Unesc se manifestou ontem sobre uma festa clandestina de acadêmicos do curso de Medicina que rolou sábado num galpão no Bairro Morro Estevão, com a presença de aproximadamente 70 pessoas, desrespeitando as medidas de prevenção contra o Covid. Com a chegada da PM, parte do público se dispersou evitando uma prisão em massa dos festeiros. Confira a nota da Unesc:

NOTA DE ESCLARECIMENTO

A Unesc, desde o início da pandemia da Covid-19 adota os melhores e mais rigorosos protocolos de biossegurança dentro do campus, devidamente aprovados em seu Plancon (Plano de Contingência). Além disso, acompanha os excelentes protocolos adotados em todos os espaços por onde os estudantes circulam em estágios fora da Instituição. 

A Unesc, implantou uma Sala de Situação, setor que é modelo nacional e reúne uma equipe que diariamente sensibiliza, orienta e conscientiza para a postura adequada de cuidado com a vida a ser adotada pela sua comunidade acadêmica dentro e fora do campus, além de monitorar a situação de pandemia e acompanhar os protocolos de biossegurança.

Apesar de todas essas medidas adotadas, no entanto, a Universidade não tem governabilidade sobre as ações de sua comunidade acadêmica em espaços não acadêmicos e em horários não institucionais e lamenta profundamente qualquer ocorrência. 
A Unesc reitera que não compactua com práticas que apresentam falta de responsabilidade com a vida, absoluto descaso com a situação vivida em decorrência de uma pandemia, e contradição com os valores e princípios defendidos. Reitera ainda que  fortalecerá as estratégias de orientação e sensibilização intensificando-as, conscientizando ainda mais sobre  as posturas a serem adotadas fora da universidade.

Informa ainda, que está averiguando a situação ocorrida para encaminhar soluções cabíveis. 

Nosso compromisso é com a vida e a segurança de toda a nossa comunidade acadêmica e o encaminhamento de soluções que contribuam com a sociedade no combate à pandemia.

A Reitoria.

PRESIDENTE do Criciúma, Anselmo Freitas, junto com mais três diretores do Tigre e a bordo de um jatinho foram até Concórdia assistir outro empate sem inspiração do time que, apesar de uma chance na próxima quarta contra o Avaí, pode estar decretando sua queda a segunda divisão do catarinense.

Eterna musa do Tigre, depois que voltou a vestir o novo uniforme do time, a boleirada não ganhou de mais ninguém

 

4oito

Deixe seu comentário