Ir para o Conteúdo da página Ir para o Menu da página
Carregando Dados...
4
* as opiniões expressas neste espaço não representam, necessariamente, a opinião do 4oito

Das duas figuras conhecidas da cidade que lutavam pela vida, uma não resistiu

Confira ainda: pés de maconha no sul de SC e aumento na conta de luz
Ney Lopes
Por Ney Lopes 17/06/2021 - 07:27Atualizado em 17/06/2021 - 07:32

Nicola Gava, uma das celebridades de Nova Veneza, autodidata, historiador da cultura raiz italiana na região, autor da revista e programa de rádio "Bauco ma non tanto", entre outros projetos ligados a cultura ítalo-brasileira como o carnevale Di Venezia, não resistiu ao Covid e veio a falecer ontem a tarde, enlutado toda a região, era um amigo de todos. Outra figura pública da cidade com quadro de melhoras e pioras continua sua luta pela vida ainda internado na UTI.

A POLÍCIA catarinense está se deparando com um fenômeno. A escassez de maconha no mercado, com o consumo em alta durante a pandemia, e o fechamento das fronteiras, está levando muita gente a se arriscar no cultivo em casa para abastecimento próprio. Esta semana em Içara foram apreendidos uma boa quantidade de pés de maconha caseira.

Rafaela Locks, descolada já pronta para a estacão do inverno que está chegando com força

ALÉM do gás de Cozinha e a ciranda do aumento da gasolina, as contas de luz podem sofrer alta de 5% a partir do ano que vem por uso de termelétricas. Este ano, o reajuste fica entre 7% e 7,5%. No mês que vem entra a bandeira vermelha patamar 2 que vai aumentar mais quase oito reais na sua conta a cada 100 quilowatts.

Moacir Dagostin, atual presidente da Acic, e os ex-presidentes César Smielevski e Olvacir Fontana, terça feira na concorrida cerimônia dos 77 anos da entidade, com direito a discursos, bolos e palestra on-line

MORRE aos 76 anos, o indiano Ziona Chana, marido de 38 mulheres e pai de 89 filhos, conhecido como o ‘pai da maior família do mundo’. Chana, cujo o nome ja diz tudo, se é que me entendes, é líder de um grupo espiritual que permitia a poligamia.

4oito

Deixe seu comentário