Ir para o Conteúdo da página Ir para o Menu da página
Carregando Dados...
4
* as opiniões expressas neste espaço não representam, necessariamente, a opinião do 4oito

Crime que abalou Cocal do Sul é elucidado

Confira ainda: Mais uma Mercedes em Criciúma e dinheiro nas sinaleiras
Ney Lopes
Por Ney Lopes 29/04/2021 - 08:07Atualizado em 29/04/2021 - 08:09

O assassinato de forma cruel, com nove facadas, do Professor e ex-candidato a vereador de Cocal do Sul, Hélio Antônio Pizzolo, 66 anos, pessoa das mais conhecidas do pequeno município, encontrado sem vida no interior de sua residência no dia 14 de abril, foi elucidado, ontem, com uma coletiva comandada pelos delegados Ulisses Gabriel e Márcio Campos Neves, titulares da Delegacia da Comarca de Urussanga, que abrange Morro da Fumaça e Cocal do Sul, e as policiais Andrea Barbieri Lopes e Franciellen Cândido, com a prisão do autor do homicídio.

Agente Andrea Barbieri Lopes, responsavél pela Delegacia de Cocal, delegados Ulisses Gabriel e Marcio Campos Neves, titulares da comarca de Urussanga, e policial Franciellen Cândido, equipe que desvendou e prendeu o autor do homocidio que abalou Cocal

ATERRISSOU, ontem, em Criciúma, mais um brinquedinho de luxo dos irmãos Pereira: um super Mercedes de R$ 2 milhões.

Novo brinquedinho de luxo dos irmáos Pereira que chegou ontem a Criciúma

MESMO com uma campanha na imprensa e a instalação de placas próximas as sinaleiras inibindo a prática de pedir dinheiro, a equipe de assistência social da prefeitura está com imensas dificuldades para convencer os pedintes a sair das sinaleiras e aceitar uma vaga de emprego. Segundo informações repassadas pelos próprios pedintes, "trabalhar" pedindo dinheiro no sinal rende em média até 300 reais por dia.

4oito

Deixe seu comentário