Ir para o Conteúdo da página Ir para o Menu da página
Carregando Dados...
CORONAVÍRUS - Saiba mais aqui
* as opiniões expressas neste espaço não representam, necessariamente, a opinião do 4oito

Clésio passou o rodo e não deixou um pau sequer em pé na praça da Chaminé da "Prospa"

Ney Lopes
Por Ney Lopes 03/02/2020 - 07:01Atualizado em 03/02/2020 - 07:01

Os milhares de criciumenses que chegaram ontem à tarde e hoje pela manhã de volta à cidade, depois de um fim de semana na orla, tomaram um verdadeiro susto ao passarem pela praça da Chaminé da Próspera e encontrar o local sem suas árvores centenárias. Alegando que os paus estavam podres, Clésio passou a motosserra e derrubou tudo. Ontem mesmo, no fim da tarde, em um vídeo pelas redes sociais, o alcaide explicou e tentou justificar o motivo.

A empresária do ramo de estética, modelo e musa urussaquense Andreia Menegon, voltando a esta págína do Blog do Ney para aumentar ainda mais a temperatura desta segunda-feira de verão.

Complicou a vida de centenas de criciumenses que moram e trabalham no Reino Unido.

A saída do Reino Unido da Comunidade Europeia deve atingir em cheio centenas de criciumenses e sulistas da região da grande Criciúma que moram e trabalham na capital inglesa e nos arredores de Londres, documentados com passaportes italianos com menos de cinco anos de permanência no país, que na maioria dos casos, devem entrar na ilegalidade e terão complicações futuras.

De acordo com a psicóloga criciumense radicada há 10 anos em Londres, Taís Lopes de Queiroz, filha da saudosa Maria Laura, o governo britânico já vinha preparando medidas para os imigrantes desde que o referendo foi anunciado. A situação para os imigrantes ficou da seguinte forma. Os imigrantes europeus, no caso brasileiros com dupla cidadania, podem aplicar para um “settlement agreement” que dá permissão para trabalhar e viver no Reino Unido. Para aqueles que já moram em UK há mais de 5 anos estes, assim que aplicam pro “settlement agreement”, recebem a chamada residência permanente. Para aqueles que estão aqui há menos de 5 anos, o processo é o mesmo, a diferença é que o governo pode exigir mais informações ou documentações.

Fornada dos padeiros foi mais um festão que rolou sábado na Orla do Rincão, produzindo mais um festival de perninhas e barriguinhas de fora na temporada de bronze total.

De novo

O time do Criciúma voltou ontem à tarde a patinar novamente no campeonato catarinense, ao passar trabalho para empatar em casa com o Marcílio Dias, reclamando mais uma vez de um pênalti claríssimo não assinalado pelo Juiz que, a cada jogo, estão fazendo uma lambança com o time do Dal Farra.

O lindo amanhecer desta segunda-feira na Zona norte do Rincão, numa imagem dos fundos da mansão de verão do casal Jorge Eriberto e Gabi Coral.

Curiosidade

Ontem convenhamos foi um daqueles dias que tanto fez ir da esquerda pra direita ou da direita pra esquerda.

De trás pra frente ou de frente pra trás...

02022020
 

4oito

Deixe seu comentário