Ir para o Conteúdo da página Ir para o Menu da página
Carregando Dados...

Jogou como nunca, perdeu como sempre. Tigre repete mau começo de 2017

Marco Búrigo
Por Marco Búrigo 27/04/2018 - 23:22Atualizado em 27/04/2018 - 23:33

Foi um grande jogo. Um dos melhores dos últimos tempos da Série B. Sem exagero algum, o Criciúma poderia ter ganhado facilmente, mas acabou tomando dois gols e marcou apenas um. Foi no detalhe. O Tigre perdeu muitos gols. Criou. Lutou até o fim. Teve volume para vencer, mas sofreu a terceira derrota seguida na competição, repetindo o início do ano passado. O revés faz o Tigre repetir a campanha do ano passado.

Tigre crioiu diversas oportunidades, mas não soube aproveitá-las (Foto: Reprodução Sportv)

A diferença é que esse ano o Tigre mostra uma condição de melhora, mas ainda tem dificuldades em várias posições. Argel Fucks armou a equipe carvoeira no 4-1-4-1, foi pra cima do adversário, abriu o placar num belo gol de João Paulo, porém sofreu a segunda virada na competição. É questionável o posicionamento do goleiro Luiz nos dois gols do Coxa, de Kady e Yan Sasse. Nicolas perdeu várias oportunidades.

O autor do gol tricolor foi eleito o melhor em campo pela equipe do Futebol Som Maior. Como sabíamos, o Criciúma tem um time que no máximo lutará para não cair. E terá que ser assim, com muita raça e disposição. Agora é ter calma e pensar no jogo de terça-feira, contra o CSA-AL, que goleou o Oeste-SP por 5 a 1, em Alagoas.

Com a vitória, o Coritiba sobe para a sétima posição na tabela, agora com seis pontos. O Criciúma continua o jejum na Série B e zerado na pontuação, na 17º posição, abrindo a zona de rebaixamento, podendo perder posição em caso de empate ou vitória do Goiás no complemento da rodada.

4oito

Deixe seu comentário