Ir para o Conteúdo da página Ir para o Menu da página
Carregando Dados...

Cuidado com o clima de "final de feira"

Marco Búrigo
Por Marco Búrigo 30/10/2017 - 10:04Atualizado em 30/10/2017 - 10:49

Cuidado com o “final de feira”

O Criciúma precisa tomar cuidado com o clima de “final de feira” na reta final da Série B. Se houver uma desmobilização além do natural, o Tigre poderá se complicar inclusive na busca pelos pontos que faltam para uma permanência na Segundona. Amanhã, contra o Goiás, em Goiânia, o Tigre terá que mostrar mais vontade dentro de campo. A apatia diante do Paysandu-PA irritou os torcedores e a própria comissão técnica. O pior foi ver o técnico Beto Campos tentando culpar a arbitragem de alguma maneira pela quarta derrota seguida na competição. O sinal de alerta está ligado no Majestoso.

 

Tigre perdeu a quarta partida seguida em  Belém do Pará (Foto: Jornal do Pará)

Torcedor Colorado irritado

É óbvio que o Internacional almeja alcançar o acesso o quanto antes, mas também é nítido que o time de Guto Ferreira perdeu a concentração nessa reta final da Série B. Desde o jogo contra o Boa Esporte-MG, quando ficou num sonolento 0 a 0, o Colorado teve uma queda de rendimento. Contra o Criciúma, oscilou bastante dentro de uma mesma partida, mas acabou vencendo. No sábado, fez um péssimo jogo e perdeu para o Ceará, em casa. Torcedor ficou na bronca!

Já no lado azul...

O Grêmio pode perder até por dois gols de diferença para avançar a grande final da Copa Libertadores. Se tomar 3 a 0 do Barcelona-EQU, terá mais uma disputa por pênaltis pela frente. Derrota por 4 a 1, 5 a 2 a vaga ficará com o time equatoriano. Todo cuidado é pouco. Semana decisiva para o lado azul de Porto Alegre. Quarta-feira tem o jogo de volta.

Semana decisiva na base

O Criciúma terá duas decisões importantes nos próximos dias nas categorias de base. No sábado, no Heriberto Hulse, o Tigre encara a Chapecoense, em jogo de volta da final do Campeonato Catarinense Juvenil. Já na quinta-feira, na Ressacada, o time Sub-15 vai encarar o Avaí, obrigado a vencer para ficar com o título. Essas duas categorias tentam amenizar o vexame dado pelo Sub-20, que ficou em quinto lugar, fora da semifinal.

Chape melhor a cada jogo

Vi atentamente o jogo da Chapecoense diante do Atlético-PR, no sábado à noite, na Arena Curitiba, e pude perceber uma melhora no desemprenho da equipe. O Verdão conseguiu um empate em 0 a 0, sem levar grandes sustos, e deu mais um passo importante a permanência na elite. A chegada de Gilson Kleina é uma segurança a mais na reta final do Brasileirão.

2ª Meia-Maratona da Caixa

O tempo colaborou e tudo ocorreu dentro do esperado. Esse foi o saldo da Meia-Maratona da Caixa, que chegou a segunda edição em Criciúma. O evento foi disputado no domingo, e mostrou que temos vários adeptos a prática esportiva, principalmente a corrida, nova febre da região. A presença dos medalhistas olímpicos Vanderlei Cordeiro de Lima e Edson Luciano deu o brilho especial ao evento.

Destaque A Tribuna

A Confederação Brasileira de Triathlon (CBTri), em parceria com a Sociedade Recreativa Mampituba, promoveu o Campeonato Brasileiro Interclubes de Paratriathlon. A competição foi disputada nesse domingo na Lagoa do Faxinal, em Balneário Rincão. Foi a primeira vez que o Sul de Santa Catarina sediou um brasileiro de paratriathlon. Parabéns ao diretor do Mampituba, Jorge Fernandes, que trabalhou muito na organização do evento. É um dos grandes entusiastas da prática esportiva em Criciúma.

Nota Zero

O Joinville deve acabar o ano conquistando vaga na Copa do Brasil do ano que vem, já que é o grande favorito ao título da Copa Santa Catarina, competição que disputa ao lado de Atlético Tubarão, Brusque e Internacional de Lages. Mas nada vai apagar a sensação de mais uma temporada perdida, afinal disputar uma Série C e ainda ter que conviver com ameaça de greve dos jogadores, por falta de pagamento dos salários, não condiz com a realidade do JEC. Que fase!!

4oito

Deixe seu comentário