Ir para o Conteúdo da página Ir para o Menu da página
Carregando Dados...
* as opiniões expressas neste espaço não representam, necessariamente, a opinião do 4oito

O hexa do Real Madrid

Almanaque da Bola #474
João Nassif
Por João Nassif 09/11/2019 - 16:37Atualizado em 11/11/2019 - 06:43

A Taça dos Campeões Europeus da temporada 1965/1966 foi a 11ª edição do torneio que teve novamente a participação de 31 clubes. Depois de ter conquistado o título nas cinco primeiras edições o Real Madrid voltou a vencer e se tornou hexacampeão.

Real Madrid campeão europeu 1965/1966

Antes da primeira fase correspondente às oitavas de final foi disputada a fase preliminar que teve como destaque o Benfica de Portugal que impôs duas goleadas ao Dudelange de Luxemburgo. No primeiro jogo em Dudelange o placar foi 8x0 e no jogo de volta em Lisboa o Benfica venceu por 10x0.

Nas oitavas de final o destaque ficou por conta do Anderlecht da Bélgica que derrotou por 9x0 o Derry City da Irlanda do Norte que desistiu de jogar a partida de volta.

Nas semifinais o Real Madrid eliminou a Internazionale de Milão com vitória por 1x0 na Espanha e empate em 1x1 no Giuseppe Meazza.

Na outra semifinal o Partizan da Iugoslávia venceu o Manchester United da Inglaterra por 2x0 em Belgrado e mesmo sendo derrotado por 1x0 no segundo jogo em Manchester adquiriu o direito de disputar a partida final.

A decisão aconteceu no Estádio de Heysel em Bruxelas capital da Bélgica no dia 11 de junho de 1966 e o Real Madrid num jogo duramente disputado perante um público de 55 mil espectadores derrotou de virada o Partizan por 2x1. 

Pela segunda vez o local abrigou uma decisão da Taça dos Campeões. A primeira havia sido na final da temporada 1957/1958 quando o Real Madrid conquistou o tricampeonato derrotando o Milan por 3x2.

Novamente o Real Madrid adquiriu o direito de disputar a Copa Intercontinental contra o campeão da Taça Libertadores.
 

4oito

Deixe seu comentário