Ir para o Conteúdo da página Ir para o Menu da página
Carregando Dados...
4
* as opiniões expressas neste espaço não representam, necessariamente, a opinião do 4oito

Hamilton campeão, mas com emoção até o fim

João Nassif
Por João Nassif 30/10/2017 - 09:10Atualizado em 30/10/2017 - 10:41

Desde 2010, quando Vitaly Petrov segurou Alonso do início ao fim da prova e assim deu o primeiro título a Sebastian Vettel, não víamos um candidato a título se dar tão mal na corrida decisiva. E não foi só um, como os dois candidatos.

Em um início de final de semana muito boa para as Red Bulls e Ferraris, Sebastian Vettel conquistou a pole e pôs o britânico da Mercedes largar apenas em terceiro, com Verstappen em segundo. Precisando de apenas um quinto lugar para conquistar o título, Hamilton parecia ter vida fácil... Mais ou menos.

Logo na largada Vettel e Hamilton se tocam, sendo que o primeiro danifica a asa dianteira e o segundo fura o pneu, e caem para as últimas posições. O alemão tem recuperação espetacular e rapidamente pula para sétimo, enquanto o britânico se mantinha em último sem sequer uma reação, chegando a levar volta de Verstappen e Bottas, era verdadeiramente um péssimo final de campeonato.

Hamilton tetra campeão mundial  (Foto: IG Esporte)

Nesse momento Lewis se sagrava campeão – já que Sebastian precisava de pelo menos um segundo lugar se ainda quisesse brigar pelo título. O Virtual Safety Car aparece na pista, os pilotos vão aos boxes e Hamilton começa sua recuperação. Depois de uma longa disputa de Vettel com as Force India e o britânico com Fernando Alonso, o ferrarista conquistou o quarto lugar e o piloto da Mercedes foi o nono.

Lewis já pode comemorar seu merecido tetracampeonato com duas corridas de antecedência e entrar na lista dos maiores pilotos da história da F1. Uma lista que tem Michael Schumacher, Juan Manuel Fangio, Alain Prost e Sebastian Vettel. Um gênio inquestionável, um dos maiores de todos os tempos, um ídolo com milhões de fãs por todo o mundo, o maior nome de sua geração.

Parabéns Lewis Hamilton, o rei das quatro rodas.

Por Thiago Ávila, estudante de jornalismo da PUCRS
 

4oito

Deixe seu comentário