Ir para o Conteúdo da página Ir para o Menu da página
Carregando Dados...
CORONAVÍRUS - Saiba mais aqui
* as opiniões expressas neste espaço não representam, necessariamente, a opinião do 4oito

Que Íbis, que nada... agora é Curitibanos!

Aquele mesmo que há três semanas tomou 14 a 0 do Próspera agora fez pior. Levou 19 a 0 do Itajaí
Denis Luciano
Por Denis Luciano 06/10/2018 - 17:35Atualizado em 06/10/2018 - 17:42

O Íbis lá de Pernambuco virou lenda e coisa do passado perto do que está havendo agora em Santa Catarina. Até o Maga de Indaial, outro que, aqui pelo nosso estado, também dava seus vexames, está devidamente destronado. O candidatíssimo da hora a pior do mundo é o Curitibanos Esporte Clube. E os placares dos jogos dele na campanha na Série C do Catarinense - a última divisão profissional dos nossos gramados - comprova.

Curitibanos já tinha levado 7 do Itajaí na estreia. Agora, mais 19

Na tarde deste sábado, o Curitibanos foi até Itajaí encarar o Clube Atlético Itajaí no estádio Hercílio Luz e voltou a fazer história. Se os 14 a 0 que havia tomado do Próspera no estádio Mário Balsini, em Criciúma, na tarde de 16 de setembro haviam sido a maior goleada da história do futebol profissional em Santa Catarina, o recorde foi superado. O Itajaí aplicou impiedosos 19 a 0 no Curitibanos que, embora leve o nome da cidade de Curitibanos, não joga lá, mas sim em Paulo Lopes.

Próspera no dia dos 14 a 0 no Curitibanos em casa / Foto: Guilherme Hahn / A Tribuna

Abaixo, a relação dos jogos do Curitibanos fora de casa nesta Terceirona. Em três partidas, três derrotas, nenhum gol marcado e... 39 sofridos.

Data Jogo
9/9 Orleans 6 x 0 Curitibanos, em Orleans
16/9 Próspera 14 x 0 Curitibanos, em Criciúma
6/10 Itajaí 19 x 0 Curitibanos, em Itajaí

 

Que time é esse, que encerra um Campeonato Catarinense da Terceira Divisão com seis derrotas em seis jogos, zero gol marcado e 54 sofridos? Era como se o Curitibanos tomasse 9 a 0 por rodada, em média, independente de jogar "em casa" ou fora.

Para mandar suas partidas, o Curitibanos fez uso do estádio Antônio Amadeu Moisés, em Paulo Lopes, cidade que nunca teve futebol profissional. E que pelo visto não se empolgou com o Curitibanos, basta apanhar os borderôs dos jogos que a equipe disputou "em seus domínios". Abaixo, para provar, os públicos e rendas dos jogos do Curitibanos em Paulo Lopes nesta Série C.

Data Jogo Público Renda
2/9 Curitibanos 0 x 7 Itajaí 41 R$ 400
23/9 Curitibanos 0 x 6 Próspera 10 R$ 75
30/9 Curitibanos 0 x 2 Orleans 17 R$ 70

 

No ano passado, o Curitibanos foi de Orleans. Fez uma parceria com o Orleans, que estreava no futebol profissional, e assim foi o CEC (Curitibanos Esporte Clube) / Orleans. Não deu os vexames desse ano. Longe disso. Foi campeão do returno e decidiu a Série C contra o Blumenau, perdendo o título e a vaga na Série B. Ainda na Terceirona, foi quarto entre seis em 2016, sexto entre oito equipes em 2015, sétimo e último em 2014 (mas não tomou goleadas estratosféricas) e sexto entre nove times em 2013, 

Ivanir Soliman, de camisa branca, é o presidente do Curitibanos. Na foto, em visita ao presidente Rubens Angelotti

O presidente é um cidadão chamado Ivanir Soliman. Frequenta a Federação Catarinense de Futebol e faz do Curitibanos um time nômade. No último dia 27, a FCF divulgou esta nota parabenizando o clube pelos seus 19 anos.

A Federação Catarinense de Futebol parabeniza neste dia 27 de setembro o Curitibanos Esporte Clube pela passagem dos 19 anos de fundação. Ao longo de quase duas décadas de atividade o Curitibanos EC acumula dois títulos nas categorias de base do futebol de Santa Catarina. É campeão do Catarinense Júnior Série C 2014, para atletas até 20 anos e do Catarinense Juvenil Série C 2017, competição para atletas até 17 anos.

Fundado em 1999, o clube se mantém impulsionado pela convicção do presidente Ivanir Soliman, ex-goleiro entre 1965 e 1983, com passagens por Caçadorense, Xanxerense e Palmitos em Santa Catarina, Juventude-RS, Sampaio Corrêa-MA e Anápolis-GO, de Goiás. Atualmente o Curitibanos EC disputa o Campeonato Catarinense SICOOB Série C 2018. Integrante do Grupo A, o Curitibanos EC manda seus jogos atualmente no Estádio Antônio Amadeu Moisés, no município de Paulo Lopes, na Grande Florianópolis.

Outra curiosidade sobre o Curitibanos e o seu presidente. Em uma entrevista que fiz com ele em 2017, o dirigente contou que "não é qualquer um que joga no meu clube. Tenho normas. Comigo, jogador tem que estudar e tem que ir na igreja. Não é preconceito, mas é uma ordem. Não é por ser evangélico". Ou seja, para jogar no time do presidente Ivanir, no caso o Curitibanos, tem que rezar. Ao menos era assim no ano passado.

Tem mais. Usou brinco, não joga. “Comigo, jogador que usa brinco nem viaja. Se eu tiver só 11 jogadores e um deles não seguir as normas, eu prefiro jogar com dez”.

Pra ter ideia que a dureza não vem de hoje, em nossas pesquisas encontramos uma postagem do blog Desprovidos de Fama, de 2015, mostrando os bastidores de um Curitibanos x Jaraguá pela Série C estadual em Paulo Lopes.

Abaixo, a classificação final do Grupo A da Série C Catarinense, encerrado neste sábado com os jogos Orleans 0 x 0 Próspera e Itajaí 19 x 0 Curitibanos. O Orleans perdeu três pontos por decisão do TJD.

Clube PG JG VT ET DT GM GS SG
1.Itajaí 15 6 5 0 1 40 7 +33
2.Próspera 13 6 4 1 1 28 4 +24
3.Orleans 4 6 2 1 3 12 15 -3
4.Curitibanos 0 6 0 0 6 0 54 -54

 

4oito

Deixe seu comentário