Ir para o Conteúdo da página Ir para o Menu da página
Carregando Dados...
CORONAVÍRUS - Saiba mais aqui
* as opiniões expressas neste espaço não representam, necessariamente, a opinião do 4oito

Os seis primeiros rivais do Tigre em campo

Série C começou neste sábado com três partidas no grupo do Criciúma. Brusque ganhou
Denis Luciano
Por Denis Luciano 08/08/2020 - 21:10Atualizado em 08/08/2020 - 21:13

Não poderia ter sido melhor - para os donos da casa - a abertura da Série C do Campeonato Brasileiro neste sábado. Ao menos no Grupo B, a chave do Criciúma. São José de Porto Alegre, Ituano e Brusque, os mandantes, ganharam na arrancada da Terceira Divisão, nos confrontos que envolveram seis dos nove rivais do Tigre na primeira fase.

A bola ainda rola na segunda-feira com Boa Esporte x Volta Redonda às 18h, em Varginha, e Londrina x Criciúma às 20h, em Londrina, com cobertura do Timaço da Som Maior.

Zeca ganhou do Bento

Em Eldorado do Sul, no CT do Grêmio, o São José recebeu o São Bento, o mesmo São Bento que veio da Série B na temporada passada junto com o Criciúma. O São José ganhou, 1 a 0, gol de Rafael Tavares aos 32 minutos do primeiro tempo. 

Foto: Neto Bonvino / Bento TV

A nota curiosa dessa partida foi o esperneio do São José, que usou as redes sociais na sexta-feira para reclamar da prefeitura de Porto Alegre. É que o clube não foi autorizado pela capital gaúcha - nem resposta recebeu -, para mandar sua partida em seu estádio, em Porto Alegre, enquanto o Grêmio foi autorizado a enfrentar o Fluminense no domingo, na mesma cidade. Que feio, Porto Alegre! Fazendo pouco caso do seu time na Série C.

Ituano goleador

Em Osasco, na Grande São Paulo, o Ituano bateu o Tombense por 3 a 0. Como as demais partidas do interior de São Paulo, essa foi levada para o mais próximo possível da Capital. O Ituano parece não ter sentido falta do seu estádio Novelli Júnior e atropelou com gols de Léo Rigo, aos 8 do primeiro; Eduardo Lopes aos 12 e Luiz Paulo, aos 43 minutos da etapa final.

Foto: Miguel Schincariol / Ituano FC

Brusque com emoção

O destaque ficou por conta do Brusque. Nem tanto por placar dilatado, como o Ituano, ou por brigar com a prefeitura, como o São José, mas pela emoção mesmo. O campeão da Série D do ano passado chegou, chegando na Terceirona. Bateu o Ypiranga de Erechim - aquele que quase subiu para a Série B no ano passado - por 2 a 1, com o gol da vitória saindo nos acréscimos. Foi com emoção mesmo no estádio Augusto Bauer.

Uma boa estreia do Brusque na Série C / Foto: Lucas Gabriel Cardoso / Brusque FC

Aos 29 minutos, Zé Mateus cobrou falta da direita, os zagueiros cortaram mas Everton Alemão apanhou o rebote com precisão, mandando para a rede: 1 a 0. O primeiro gol catarinense na Série C de 2020. O Ypiranga buscou o empate ainda na etapa inicial, aos 42, com Cristiano.

Primeiro tempo foi de empate em um gol no Augusto Bauer / Foto: Lucas Gabriel Cardoso / Brusque FC

No segundo tempo, pressão do Brusque, mas a alegria estava reservada para os acréscimos. Aos 50 minutos, Zé Mateus cruzou, Thiago Alagoano dominou a bola que veio rasteira e chutou ainda de fora da área. Deu certo: 2 a 1.

Thiago Alagoano comemorando nos acréscimos / Foto: Lucas Gabriel Cardoso / Brusque FC

Agora, o Brusque terá dois compromissos fora de casa: pega o São Bento na quinta que vem, em Barueri, e na outra quinta, dia 20, visita o São José.

E tem o Grupo A também, no qual, neste sábado, tivemos Paysandu 0 x 0 Santa Cruz e Manaus 1 x 1 Vila Nova. Neste domingo jogam Treze x Imperatriz, Jacuipense x Remo e Ferroviário x Botafogo (PB).

A arrancada provou que o Criciúma vai ter que suar bastante para chegar entre os quatro e avançar ao mata-mata da segunda fase. A Série C veio acelerada.

4oito

Deixe seu comentário