Ir para o Conteúdo da página Ir para o Menu da página
Carregando Dados...

O Tigre respira na briga por semifinal

Com o 1 a 0 sobre o Metro, gol de Andrew, Criciúma faz duas decisões nesta semana
Denis Luciano
Por Denis Luciano 31/03/2019 - 18:14Atualizado em 31/03/2019 - 18:15

Entre altos e baixos, o Criciúma consegue chegar na reta final da primeira fase vivo na briga pela classificação à semifinal do Campeonato Catarinense. Fez 1 a 0 neste domingo sobre o Metropolitano no estádio do Sesi, em Blumenau, e ainda disputa o quarto lugar.

Com o resultado, o Criciúma chegou a 21 pontos, contra 23 do Marcílio Dias, que no sábado venceu o Joinville por 1 a 0. O Brusque, que ainda joga na rodada - está pegando a Chapecoense agora, 18h, na Arena Condá - e o Joinville, ambos com 20 pontos, ainda estão na disputa.

Futebol Interior / Reprodução

E o Joinville é o adversário direto da quarta-feira, 21h30min, no Heriberto Hülse. Quem ganhar, vai brigar na última rodada. Quem perder deve sair da disputa.

O atacante Andrew fez o gol da vitória tricolor em Blumenau, aos 7 minutos do segundo tempo.

Andrew, autor do gol da vitória do Tigre contra o Metro hoje / Foto: Sidnei Batista / CA Metropolitano

Na outra partida da tarde, um resultado que, indiretamente, influencia nessa reta final do Criciúma. O Hercílio Luz empatou em 1 a 1 com o Figueirense no estádio Anibal Costa. Alemão, aos 2 do primeiro tempo, abriu o placar para o Figueira. Vinícius Pacheco igualou aos 9 da etapa final.

Ocorre que o Hercílio está com 12 pontos, ainda na zona de rebaixamento, e briga diretamente com Metropolitano, 13, e Tubarão, 11 pontos, para não cair. E o Hercílio é o adversário do Marcílio Dias, rival do Criciúma na luta do G-4. A partida será quarta-feira, 21h30min, no estádio Dr. Hercílio Luz, em Itajaí. 

Futebol interior / Reprodução

Vitórias de Hercílio e Criciúma na quarta, combinando a algum tropeço do Brusque contra Chapecoense e Avaí, e o Criciúma pode entrar na última rodada no grupo de classificados. E na última, o Tigre visita justamente o Hercílio em Tubarão.

Outro trunfo para o Criciúma. Se ele conseguir chegar na última rodada em condição de ultrapassar o Marcílio - se o Brusque não chegar embolado na briga -, o Tigre pega o Hercílio enquanto o Marcílio encara o Figueirense, ambos fora de casa. A briga vai ser boa, e o Criciúma agora depende apenas dele para chegar disputando na rodada fatal.

Jogos que restam:

Marcílio Dias - Hercílio Luz (em casa), Figueirense (fora)

Criciúma - Joinville (em casa), Hercílio Luz (fora)

Brusque - Chapecoense (fora), Avaí (em casa)

Joinville - Criciúma (fora), Tubarão (em casa)

A quarta-feira poderá definir o rebaixamento. Se o Hercílio não ganhar em Itajaí e o Metropolitano vencer no Domingos Gonzales, Hercílio e Tubarão caem na quarta-feira. Os dois precisam pontuar na rodada para manter vida até a última rodada.

Futebol Interior / Reprodução

 

4oito

Deixe seu comentário