Ir para o Conteúdo da página Ir para o Menu da página
Carregando Dados...

Gaeco cumpre mandado de busca e apreensão na DTT

Servidor do órgão é acusado de elaborar e vender defesas de multas
Denis Luciano
Por Denis Luciano 26/09/2019 - 15:16Atualizado em 26/09/2019 - 15:23

Uma equipe do Grupo de Atuação Especial de Combate ao Crime Organizado (Gaeco) esteve no fim da manhã desta quinta-feira, 26, na sede da Diretoria de Trânsito e Transportes (DTT) de Criciúma para efetuar busca e apreensão de documentos relacionados à investigação sobre a conduta de um servidor comissionado do órgão. Os policiais levaram um notebook, um outro computador, um pen drive e documentos. Segundo a apuração, esse servidor estaria elaborando defesas de multas de trânsito e cobrando dos beneficiados, conduta vedada dentro da DTT.

Como extensão da investigação, o Gaeco foi agora à tarde até o escritório da filha desse servidor, localizado no Bairro Santa Luzia, para apanhar mais provas.

O diretor da DTT, Gustavo Medeiros, confirmou que o Gaeco esteve na repartição hoje. "Foi um pedido de busca e apreensão lavrado pelo juiz, é um processo em segredo de Justiça, não contra a diretoria da DTT, mas contra um servidor comissionado. Não tem nada a ver com a diretoria. Levaram documentos dele", informou. Sobre a denúncia, referente às defesas ilegais das multas, Medeiros tangenciou. "É um processo em segredo de Justiça". 

A DTT ainda não tomou providências em relação ao servidor. "Estamos aguardando apurar os fatos", disse, colocando que não pode informar de quem se trata o servidor.

4oito

Deixe seu comentário