Ir para o Conteúdo da página Ir para o Menu da página
Carregando Dados...
* as opiniões expressas neste espaço não representam, necessariamente, a opinião do 4oito

Ficou para quinta a eleição na Câmara

Regimento interno exige 48 horas de prazo entre inscrição de chapas e votação. Tita será candidato único
Denis Luciano
Por Denis Luciano 07/01/2020 - 16:36Atualizado em 07/01/2020 - 16:42

Não será mais nesta terça-feira, 7, a eleição para a presidência da Câmara. Ficou para quinta-feira, 9. Acontece que o regimento interno do Legislativo exige 48 horas entre a inscrição de chapas e a realização do pleito. O vereador Tita Beloli (MDB), que será candidato único, inscreve ainda hoje a sua chapa, que não está 100% definida. Estão definidos o vice-presidente Aldinei Potelecki (Republicanos) e o primeiro secretário, Paulo Ferrarezi (MDB). Falta definir o segundo secretário. Os dois vereadores do PP, Miri Dagostim e Edson Paiol, estão entre os pretendentes à vaga.

Nesta terça, o vereador Miri Dagostim abre os trabalhos como presidente e apresenta a sua renúncia da função. De pronto, assume o vereador mais votado da última eleição, Arleu da Silveira (PSDB). Ele preside a sessão desta terça, que contará com a votação de quatro projetos, e a ele caberá encaminhar a eleição da nova mesa diretora.

Tita conta, além do grupo dos nove, com o apoio de parte da bancada do PSDB, por orientação do prefeito Clésio Salvaro (PSDB). Isso acabou minimizando a possibilidade de uma chapa alternativa, que era articulada pelo vereador Salésio Lima (PSD).

Logo, a sessão desta terça, a partir das 17h, vai se limitar a votar os quatro projetos que estão na pauta. Dois deles tratam do Criciumaprev, um é sobre uma permuta de área entre a prefeitura e uma empresa e outro trata sobre o novo abrigo de menores do município.

4oito

Deixe seu comentário