Ir para o Conteúdo da página Ir para o Menu da página
Carregando Dados...

E teve protesto da galera de novo

Vaias no fim do jogo e troca de farpas com o presidente Dal Farra depois de mais um tropeço
Denis Luciano
Por Denis Luciano 15/10/2019 - 21:38Atualizado em 15/10/2019 - 21:44

A cada rodada a chance de rebaixamento do Criciúma só aumenta na Série B. Nos últimos 12 pontos disputados, apenas três conquistados, frutos de empates contra Vila Nova, Brasil e Vitória.

Consolidado no Z-4, o Criciúma não sai dele na próxima rodada, mesmo que vença o CRB. Chance de deixar o grupo de descenso somente no jogo contra o Figueirense, fora de casa, na trigésima primeira rodada. E dependendo de combinação de resultados.

Torcedores protestando e a PM acompanhando de perto / Foto: Jota Éder / Timaço / Rádio Som Maior

Teve protesto no fim da partida. Assim que o árbitro encerrou o jogo, a vaia ecoou no Majestoso. Minutos depois, um bate boca foi ouvido a partir das arquibancadas. Eles berravam na direção do presidente Jaime Dal Farra, que observava o movimento de um dos corredores de acesso ao vestiário. Com ele, estavam o filho Mikael e o massagista Margarida. O presidente não reagiu aos xingamentos, que foram muitos.

Foto: Jota Éder / Timaço / Rádio Som Maior

O público deu a resposta, com um público de pouco mais de 5,1 mil torcedores. Agora, são nove partidas para evitar o descenso. Sexta tem de novo em casa, contra o CRB. Depois, faltarão oito partidas, e serão apenas três no Majestoso e cinco longe de casa.

Foto: Jota Éder / Timaço / Rádio Som Maior 

 

4oito

Deixe seu comentário