Ir para o Conteúdo da página Ir para o Menu da página
Carregando Dados...

Chape não procura Kleina e aposta em auxiliar

Emerson Cris assume no lugar de Ney Franco e não será surpresa se for efetivado
Denis Luciano
Por Denis Luciano 25/07/2019 - 20:09

Teve queda de técnico hoje no futebol catarinense. Ney Franco não resistiu ao rendimento de apenas 35% em 18 jogos e foi demitido pela Chapecoense nesta quinta-feira. Em carta postada na rede social, o treinador agradeceu a oportunidade  no clube. Confira:

"Foi um privilégio vivenciar intensamente a Chapecoense, mesmo que por pouco tempo. Ficarei na torcida para que o clube permaneça na elite do futebol brasileiro, encantando fãs do futebol e unindo pessoas de todos os cantos do Brasil"

Ney Franco venceu cinco jogos, empatou quatro e perdeu nove no comando da Chape.

Kleina não foi procurado

Havia a expectativa de que a Chapecoense pudesse procurar Gilson Kleina. Mas essa expectativa não avançou. Fontes em Chapecó asseguram que a Chapecoense vai apostar no auxiliar técnico do clube, Emerson Cris, que já comandará o time na próxima rodada, fora de casa, contra o Bahia. Há uma forte tendência para que ele seja efetivado. O próprio presidente Plínio Arlindo De Nês Filho ressaltou, nesta quinta, a confiança em Emerson.

Por aqui, o diretor João Carlos Maringá confirmou, em contato com o Timaço da Som Maior, que a Chapecoense não procurou Kleina. 

Logo, vida que segue para o técnico do Criciúma por aqui. Ele que completou nesta terça, na derrota para o CRB, 60 jogos no comando do Tigre, somando esta e a passagem anterior. Os números não são muito animadores, com 23 vitórias, 13 empates e 24 derrotas na soma das temporadas de 2003, 2004 e a atual, com aproveitamento de 45,5%.

4oito

Deixe seu comentário