Ir para o Conteúdo da página Ir para o Menu da página
Carregando Dados...
4
* as opiniões expressas neste espaço não representam, necessariamente, a opinião do 4oito

Prefeito Gustavo deve voltar ao cargo em Urussanga

Fato novo sustenta novo recurso protocolado agora a tarde no Tribunal Regional Federal
Adelor Lessa
Por Adelor Lessa 27/09/2021 - 16:23Atualizado em 27/09/2021 - 16:48

Os advogados Marcos Probst e Luis Irapuan Bessa Neto acabam de protocolar novo recurso no Tribunal Regional Federal para pedir o retorno ao cargo do prefeito afastado de Urussanga, Gustavo Cancelier,  PP.

A petição foi encaminhada depois que os advogados tiveram acesso à integra do acordão do Tribunal Regional Federal que julgou pedido anterior.

No acordão, o desembargador relator estendeu o afastamento do Prefeito por mais 60 dias, mas acrescentando que não pode ultrapassar o período das investigações.

Só que as investigações já foram concluídas faz mais de 30 dias.

Inicialmente, os advogados receberam apenas o extrato do acordão, que não entrava em detalhes. Informava apenas sobre a extensão do afastamento por mais 60 dias.

A partir de hoje, com o conhecimento da íntegra da decisão, os advogados pediram a revogação das medidas cautelares impostas ao Prefeito e o seu imediato retorno ao cargo.

O blog teve acesso ao acordão do Tribunal Regional Federal, detalhado em 30 paginas.

Na última página, depois que o desembargador relator atende ao pedido do Ministério Público para extensão do afastamento do Prefeito, consta o seguinte adendo:

"Ressalto, por fim, que eventual pedido de prorrogação da medida cautelar de afastamento pelo Ministério Público não poderá se estender alem da conclusão do IPL (inquérito policial)".

4oito

Deixe seu comentário