Ir para o Conteúdo da página Ir para o Menu da página
Carregando Dados...

Prefeito demite secretário por bilhete

O caso agita o ambiente político em Forquilhinha
Adelor Lessa
Por Adelor Lessa 26/02/2019 - 13:46Atualizado em 26/02/2019 - 14:02

Os bastidores políticos estão em polvorosa nesta terça-feira em Forquilhinha. Tudo graças a um bilhete que o prefeito Dimas Kammer (PP) escreveu ontem à noite e fez chegar ao setor de Recursos Humanos da prefeitura. No bilhete, entregue ontem à noite ao procurador do município e reproduzido nesta postagem, o prefeito orienta pela exoneração do secretário de Governo José Ricardo Junckes. A lembrar que Junckes foi vice-prefeito em recente gestão do então prefeito Lei Alexandre. 

O desligamento, pelo orientado no bilhete, é imediato, já valendo a partir de hoje. O prefeito Dimas viajou para Brasília, onde cumpre agendas pelo município. "Fui exonerado por um memorando interno. O prefeito está em viagem a Brasília e o prefeito fez esse encaminhamento", comentou o agora ex-secretário.

Junckes é o presidente do PP em Forquilhinha, fato que torna ainda mais emblemática a demissão de Junckes. "Sou o presidente do partido. Foi uma surpresa essa tomada de atitude, sem ter uma conversa olho no olho. Mas são situações diferentes. Uma é a minha enquanto presidente, outra é enquanto secretário, se o prefeito acha que eu não estava atendendo às expectativas, é um direito dele, mas a forma como ele tomou a atitude é difícil de entender", complementa.

O ex-secretário garante que em nenhum momento recebeu indicativo de que seria exonerado. "Vamos lá, vida que segue. Não sou o primeiro e não serei o último. Político tem muito disso, é um jogo, muitas coisas envolvidas, vamos conversando internamente dentro do partido para ver a nossa tomada de decisão, ver qual a caminho tomar".

Voltaremos ao assunto em breve.

(Colaboração: Denis Luciano)

4oito

Deixe seu comentário