Ir para o Conteúdo da página Ir para o Menu da página
Carregando Dados...
4
* as opiniões expressas neste espaço não representam, necessariamente, a opinião do 4oito

Moisés só teve 2 votos contra o segundo impeachment

Votação mostra que Moisés perdeu condição política de governar
Adelor Lessa
Por Adelor Lessa 20/10/2020 - 19:27Atualizado em 20/10/2020 - 19:46

A aprovação do segundo processo de impeachment do governador Carlos Moisés foi arrebatadora. Apenas dois votos contra.

No sul do estado, o Governador não teve um voto a seu favor.

O deputado José Milton Schaffer, PP, que votou contra o primeiro processo de impeachmenet, desta vez votou sim. Provavelmente, para evitar desgaste nas suas bases.

O resultado da votação deixa evidente que o Governador perdeu a condição política de governar.

No PSL, seu partido, só teve um voto a seu favor. Deputado Mocelin.

Além dele, só a deputada Paulinha, PDT, lider do governo, votou contra o impeachement.
Moisés vai para a história de Santa Catarina como primeiro governador a ter dois processos impeachment aprovados e encaminhados ao memso tempo.

Agora, vai se feita a montagem do novo tribunal especial, na próxima semana, com cinco deputados eleitos pela Assembléia e cinco desembargadores sorteados pelo Tribunal de Justiça.

Antes disso, a expectativa se volta para a reunião de sexta-feira do tribunal especial, composto por deputados e desembargadores.

Votação no tribunal, que tem maioria de desembargadores, vai definir efetivamente se Moisés e a vice, Daniela Reinert, serão afastados por 180 dias para julgamento de processo de impeachment.

4oito

Deixe seu comentário