Ir para o Conteúdo da página Ir para o Menu da página
Carregando Dados...

Mariani conversa com Bauer, Eduardo mobiliza prefeitos do sul do estado

Adelor Lessa
Por Adelor Lessa 27/06/2018 - 06:02Atualizado em 27/06/2018 - 09:47

O deputado federal Mauro Mariani, candidato a governador do MDB, se reuniu ontem em Brasilia com o senador Paulo Bauer, PSDB. Discutiram a possibilidade de aliança.

Mariani repetiu que o MDB abre duas vagas na chapa majoritária ao PSDB. Em principio, Vice-governador e uma vaga ao senado.

Bauer reafirmou que é candidato a governador e que uma eventual aliança deve partir da premissa de o MDB apoiá-lo.

A reunião foi iniciativa do deputado Mariani e não foi conclusiva.

Mas, Mariani a considerou “boa”, principalmente porque ficou aberta a possibilidade de novas reuniões. Ele diz que nos próximos 15 a 20 dias todo mundo vai conversar com todo mundo. 

Um ponto que aproxima os dois é a regionalidade. Eles são de Joinville e a confirmação das duas candidaturas vai fazer com que um atrapalhe o outro. Ele podem se anular.

Se sair um entendimento, podem fazer uma candidatura muito forte.

Hoje, 10h30, Mariani vai se reunir com o governador Eduardo Moreira, em Florianópolis, para tratar das discussões sobre alianças e montagem de chapa.

Vai detalhar a conversa com Bauer e definir estratégias para tentar atrair os tucanos.

Por sua vez, Eduardo vai definir com Mariani a data em que os dois vão se reunir com os prefeitos do sul e quando será feito o encontro regional do MDB em Criciúma.

Os dois eventos foram definidos ontem, durante reunião de Eduardo Moreira com 10 prefeitos do MDB do sul.

Os prefeitos se mostraram preocupados com a situação da campanha no sul, depois que ele desistiu.

Eduardo revelou que a pior situação do MDB para a campanha é o sul. Por isso, a agenda dele e de Mariani será direcionada para a região nos próximos 30 dias.


Ada na chapa

Na reunião dos prefeitos do MDB com Eduardo Moreira foi levantada a possibilidade de o sul ter um nome na chapa majoritária, como forma de “esquentar" a campanha na região.

Seria uma candidatura “patrocinada" pelo governador.

Ada de Luca, deputada estadual de terceiro mandato, foi o primeiro o nome citado. Mas, ela está com reeleição bem encaminhada e provavelmente não aceitará mudar os planos.


Pode ser Edinho

Depois de Ada, o nome citado pelos prefeitos foi do suplente de deputado federal Edinho Bez.

Ele deve assumir nos próximos dias, na vaga de Mauro Mariani que vai pedir licença para se dedicar à campanha de governador.


Geovania na chapa

O deputado Marcos Vieira, presidente estadual do PSDB, repetiu ontem na radio Som Maior FM que não existe a possibilidade de o PSDB não ter candidato a governador.

Voltou a falar em chapa pura do partido para disputar governo e senado, em caso de fracassadas as negociações com PP, PSD e MDB.

Disse que nesse caso, a deputada federal criciumense Geovania de Sa pode integrar a chapa, como candidata a vice ou ao senado.

Apesar da ênfase na declaração, a possibilidade de se confirmar é remota. O PSDB deve firmar aliança. Com um lado, ou o outro.


Nova dupla

Nova possibilidade de chapa circulava ontem nos bastidores da Assembléia. Esperidião Amin, PP, para o governo e João Paulo Kleinubing, DEM, para vice.

Seria a opção no caso de Gelson Merisio, PSD, firmar o pé e não abrir mão da candidatura ao governo.

A duvida é se caso o PP rompe com Merisio e vai com Amin.


No plenário

Enquanto rolava a sessão da Assembléia Legislativa, ontem à tarde, deputados Gelson Merisio, PSD, Marcos Vieira , PSDB, e Valmir Comin, PP, atualizaram as informações sobre negociações para alianças. Merisio e Comin estão fechadíssimos no mesmo projeto politico.  


Clesio: “Tem que conversar”

Três perguntas para Clesio Salvaro, prefeito da maior cidade do estado administrada pelo PSDB?

1- Vai até quando o prazo do PSDB para fechar aliança?

Clesio - As conversas estão acontecendo. Procuramos alguns partidos e outros nos procuram. Paulo Bauer tem autoridade para tratar disso. Mas, acredita que nada será definido até a convenção.

2- Aprova chapa pura do PSDB?

Clesio - Nós temos no estado um histórico de eleições muito disputadas. Por isso, acredito e defendo que o partido busque aliados, pois ainda que seja possível vencer eleição com chapa pura, não governará sozinho. Defendo coligação.

3- Em caso de aliança, PSDB deve fechar com MDB, PP ou PSD?

Clesio - Para fechar aliança, depende muito das conversas. Paulo Bauer é experiente e a ele foi repassada essa missão. Deve dialogar muito com os três partidos.

   
Pesquisa do senado

A pesquisa do Instituto IPC mostra que a eleição para o senado tem hoje dois nomes fortes. Esperidião Amin e Raimundo Colombo.

Se Amin disputar o governo, Colombo fica com eleição encaminhada.

Depois deles, quem mais se aproxima é Paulo Bauer. Mas, com metade deles.

Diante disso, Colombo é o maior interessado na chapa Amin governador e Merisio vice. Mesmo que não venha a fazer nada para que isso aconteça.


Café requentado

A preocupação anunciada pelo senador Paulo Bauer com corte de recursos do governo federal com Santa Catarina, incluindo a verba programada para a serra da rocinha, parece ter sido noticia da semana retrasada.

O deputado Ronaldo Benedet esteve ontem à tarde no palácio do planalto e ouviu que os r$ 23 milhões anunciados na semana passada para as oras na serra da rocinha estão garantidos.

O corte foi feito no valor total projetado inicialmente, que será r$ 47 milhões.


Em nome do Dr Antônio

O prefeito Clésio Salvaro recebeu ontem em gabinete familiares e amigos do médico reumatologista Antonio Althoff.

Na sexta-feira, o dr Antônio será homenageado com seu nome dando nome UPA da Próspera.

4oito

Deixe seu comentário