Ir para o Conteúdo da página Ir para o Menu da página
Carregando Dados...
CORONAVÍRUS - Saiba mais aqui
* as opiniões expressas neste espaço não representam, necessariamente, a opinião do 4oito

Dorival Caymmi e os números da economia da região

Adelor Lessa
Por Adelor Lessa 30/07/2020 - 08:01Atualizado em 31/07/2020 - 06:08

Dorival Caymmi escreveu em 1939 a canção O Que É que a Baiana Tem?

Foi gravada por Carmen Miranda e usada como trilha do filme Banana da Terra.

Foi a principal marca de Carmen Miranda. 

Por décadas, foi reproduzida para o mundo a imagem de Carmem Miranda rebolante, com bananas na cabeça, com sua voz inconfundível.

Basicamente, a letra da canção fala sobre o "poder" das baianas, apaixonantes:

O que é que a baiana tem?
Tem torso de seda, tem
Tem brincos de ouro, tem
Corrente de ouro, tem
Tem pano-da-costa, tem
Tem bata rendada, tem
Pulseira de ouro, tem
Tem saia engomada, tem
Sandália enfeitada, tem
Tem graça como ninguém

E assim segue a canção de Dorival Caymmi, consagrada por Carmem Miranda, que ficou conhecida como "a pequena notável".

Pois, caberia agora uma adaptação da canção ao nosso ambiente de hoje para perguntar:

O que é que a Içara tem?

Porque no auge da crise, Içara tem, proporcionalmente, o melhor desempenho da região e do estado da na geração de empregos.
Índices oficiais, que saíram nesta semana, confiram isso.

Enquanto Criciúma, metrópole e motor do sul, teve saldo negativo de 229 empregos em junho (resultado da soma entre contratações feitas por todas as empresas e as demissões). Içara teve saldo positivo com 203 empregos.

Criciúma tem mais que o dobro da população de Içara.
As duas cidades já estão conurbadas, não se sabe onde uma começa e onde termina a outra.
Em tese, tem as mesmas condições, podem oferecer o mesmo, tem o mesmo potencial

Mas, Içara chama empregos. Criciúma perde.
Por que?

O que é que a Içara tem?

Ou,
O que é que a Içara faz?

Ouço que é porque Içara está às margens da Br 101.
Mas, Criciúma também está.
E os negócios, e as indústrias, via de regra, estão dentro da cidade. Não estão na Br 101.

E os números positivos de Içara não podem ser classificados como situação isolada, fato inédito, ou mês de exceção.
Içara pegou o elevador e vem subindo faz meses, anos.

De outro lado, os números de Criciúma não refletem a situação das grandes cidades do estado.

Blumenau, por exemplo, anunciou ontem que teve saldo positivo de empregos em junho. Só para ciar uma delas, do time das grandes.

Então,
lembrando Caymmi, vale perguntar:

O que é que a Içara tem?

4oito

Deixe seu comentário