Ir para o Conteúdo da página Ir para o Menu da página
Carregando Dados...
* as opiniões expressas neste espaço não representam, necessariamente, a opinião do 4oito

Queda de braços

Parque Maravilha
João Nassif
Por João Nassif 27/02/2019 - 06:31

O próprio técnico Doriva criou uma situação de dificuldade quando afirmou que não mata jogador e que Pedro Bortoluzzo é de sua confiança e pode continuar como titular nos próximos jogos. O problema é que o atacante não tem correspondido, está sem marcar no campeonato e Copa do Brasil e a torcida definitivamente não quer mais o jogador no time. Hoje teremos a chance de saber quem é que manda no time, ou o técnico ou o torcedor? 

SEM OPÇÕES
Mais do que não matar jogador o maior problema do técnico é não ter ninguém no plantel com a características do Bortoluzzo. Jogador de área, alto para bom aproveitamento da bola aérea e com estrutura física para brigar em igualdade com os zagueiros adversários. Por isso tem continuado como titular. Julimar que seria uma alternativa é de outro perfil que não deve ser do gosto do treinador para assumir a titularidade. Podem não aceitar, mas se tivesse algum poder faria como o Doriva tem feito. Com mais confiança Pedro Bortoluzzo poderá marcar os gols para salvar o Criciúma no campeonato.  

A TV MOSTROU
O STJD em sua última sessão acolheu recurso da Ponte Preta que contestou a anulação de um gol contra o Aparecidense-GO pela Copa do Brasil. O gol foi marcado em claro impedimento, confirmado pela assistente e pelo próprio árbitro e depois de mais de 16 minutos de confusão o gol foi anulado e o time campineiro desclassificado. O recurso e o entendimento dos auditores é que houve interferência externa.
  
DOIS PESOS, DUAS MEDIDAS
Assim como nas várias instâncias da Justiça Comum a Desportiva vai cada vez mais mostrando sua face tendenciosa e com total falta de critérios. Este julgamento foi na contramão da decisão do próprio Tribunal quando da decisão do campeonato paulista de 2018, quando foi marcado um pênalti contra o Corinthians anulado depois de quase 10 minutos de confusão e o recurso impetrado pelo Palmeiras não foi aceito pelos auditores. 

FALÊNCIA DO TRIBUNAL 
Houve interferência externa contrariando a decisão da arbitragem o que é proibido pelas regras do jogo. O compendio normativo da FIFA na regra número 5 que trata da arbitragem é claro: "As decisões do árbitro sobre fatos relacionados ao jogo, incluído o fato de um gol ter sido marcado ou não e o resultado da partida, são definitivas". Os Tribunais brasileiros estão falidos em todos os níveis.

MARAVILHA À BEIRA DA LAGOA
O Parque Verde é um dos cartões postais mais bonitos da Região dos Lagos no Balneário Rincão. Com cabanas, piscinas, churrasqueiras, toboágua e muito mais para você curtir com sua família. Vale a pena visita-lo.  

MEMÓRIA
27/02/2008 – “JOGO RÁPIDO”

Por mais que eu queira falar do campeonato, da projeção para o segundo turno e do time do Criciúma, os acontecimentos de domingo no estádio e arredores ainda são o assunto que toma conta do noticiário e das discussões de torcedores, cronistas e todos os que de uma forma ou outra têm envolvimento com o episódio. A pronta captura dos responsáveis pela detonação da bomba no HH foi um ponto altamente positivo para a polícia civil que através de sua inteligência soube como identificar e principalmente chegar aos ditos torcedores que extravasam em um jogo de futebol todas suas personalidades doentias.

4oito

Deixe seu comentário