Ir para o Conteúdo da página Ir para o Menu da página
Carregando Dados...

Primeiro e único título

Almanaque da Bola #338
João Nassif
Por João Nassif 26/06/2019 - 11:46

Em 1970 o campeonato catarinense de futebol foi disputado por 15 equipes por pontos corridos em turno e returno, formato que acabou ficando apenas na lembrança pelo formulismo que foi implantado e que dura até os dias de hoje. 

Com o fechamento ou licenciamento de vários clubes da região, o sul catarinense ficou representado apenas pelo Ferroviário e Hercílio Luz de Tubarão e pelo Próspera de Criciúma.

O curioso é que mesmo com 15 clubes no campeonato foram poucas as cidades envolvidas na competição, quase todas representadas por dois times. Além de Tubarão, Joinville teve dois representantes o América e o Caxias. 

Por Florianópolis jogaram os tradicionais Avaí e Figueirense. De Brusque Carlos Renaux e Paysandu, de Blumenau Olímpico e Palmeiras e de Lages o Internacional e o Guarani. Ainda participaram do campeonato o Almirante Barroso de Itajaí e o Juventus de Rio do Sul.

O campeonato começou no dia 26 de abril e o Ferroviário que se sagraria campeão derrotou o Caxias de Joinville por 1x0 jogando no Domingos Silveira Gonzáles. 

Cada time disputou 28 jogos e ao final o Ferroviário atingiu a marca de 16 vitórias, 07 empates e somente 05 derrotas, perfazendo o total de 39 pontos ganhos, naquela época a vitória valia apenas 02 pontos. 

O vice-campeão foi o Olímpico de Blumenau com a mesma pontuação, mas com uma derrota a mais que o Ferroviário. 

O Hercílio Luz ficou na nona colocação com 27 pontos, depois de ter alcançado 08 vitórias, 11 empates e 09 derrotas.

O título de campeão estadual conquistado pelo Ferroviário foi o último de um clube de Tubarão, cidade que foi três vezes campeã catarinense em toda a história.
 

4oito

Deixe seu comentário