Ir para o Conteúdo da página Ir para o Menu da página
Carregando Dados...
* as opiniões expressas neste espaço não representam, necessariamente, a opinião do 4oito

Naturalizados em Copas do Mundo

Almanaque da Bola #383
João Nassif
Por João Nassif 10/08/2019 - 23:51Atualizado em 11/08/2019 - 07:26

Enquanto a FIFA permitiu quatro jogadores disputaram Copas do Mundo por diferentes seleções. Esta prerrogativa valeu desde o primeiro Mundial em 1930 até 1962 disputado no Chile.

Luís Monti

O primeiro jogador a atuar por dois países foi o argentino Luís Monti que participou pelo seu país da final da primeira Copa do Mundo e se sagrou vice-campeão. Em 1934 conseguiu o título jogando pela seleção da Itália que disputou o Mundial no próprio país.

O húngaro Ferenc Puskas foi vice-campeão pelo seu país no Mundial de 1954 e depois se naturalizou espanhol e defendeu a seleção da Espanha na Copa do Mundo de 1962 no Chile.

José Santamaria jogou pelo seu país Uruguai em 1954 na Suíça e à exemplo de Puskas disputou o Mundial do Chile defendendo a Espanha.

E José Altafini, o brasileiro Mazzola disputou a Copa de 1958 Brasil e depois de naturalizado a de 1962 jogando pela Itália.

Somente um outro jogador atuou em Copas do Mundo por duas seleções. Robert Prosinecki defendeu a Iugoslávia no Mundial de 1990 na Itália. Prosinecki jogou também a Copa de 1998 na França pela Croácia que surgiu como Nação depois do desmembramento da Iugoslávia. 
 

4oito

Deixe seu comentário