Ir para o Conteúdo da página Ir para o Menu da página
Carregando Dados...
* as opiniões expressas neste espaço não representam, necessariamente, a opinião do 4oito

Muitas desistências nas eliminatórias para a Copa no Brasil

Almanaque da Bola #713
João Nassif
Por João Nassif 05/07/2020 - 15:59Atualizado em 05/07/2020 - 15:59

Continuando aqui no Almanaque da Bola a série sobre as eliminatórias para Copas do Mundo, em 1950 a confusão no futebol mundial ainda continuava e a FIFA teve trabalho para poder organizar o Mundial no Brasil.

Seleção da Índia em 1950

Apenas 34 países se inscreveram para disputar as eliminatórias muitos acabaram desistindo antes de começarem os confrontos. Apenas 19 seleções participaram das eliminatórias.
Com a desistência de Birmânia, Indonésia e Filipinas a Índia ficou automaticamente classificada, mas a FIFA não permitiu que seus jogadores atuassem descalços, fazendo com que a Índia também desistisse.

Pela América do Sul, Uruguai e Paraguai se classificaram com as desistências de Peru e Equador.

No Grupo 1 da Europa a Turquia eliminou a Síria e deveria enfrentar a Áustria numa repescagem. A Áustria também desistiu e mesmo classificada a Turquia também não quis vir ao Brasil e a vaga foi oferecida a Portugal que não aceitou. Os portugueses haviam sido derrotados pela Espanha no Grupo 5 das eliminatórias europeias.

Ainda na Europa no Grupo 2 a Iugoslávia eliminou a França que depois foi convidada a participar da Cope e não aceitou. Outra que recusou vir ao Brasil foi a Escócia que juntamente com a Inglaterra havia se classificado num Grupo somente com seleções do Reino Unido.

Em resumo a o Mundial de 1950 que teria 16 países presentes foi disputado com apenas 13.  Em toda eliminatória foram disputados 26 jogos e marcados 121 gols.
 

4oito

Deixe seu comentário