Ir para o Conteúdo da página Ir para o Menu da página
Carregando Dados...

Minha coluna hoje em A TRIBUNA

João Nassif
Por João Nassif 05/12/2018 - 07:20

DE NOVO, CAVALO!!!
O blog do Denis Luciano no portal 4oito deu a informação do acerto do Criciúma novamente com o técnico Roberto Cavalo. Esperava que depois da polemica Dal Farra/Mazola Júnior o clube anunciasse um nome de maior impacto que mobilizasse a torcida com mais força. Mesmo a contratação de Ricardo Rocha não causa euforia. Afinal será assessor ou contratador? E o Nei Pandolfo que renovou contrato recentemente, será novamente figura decorativa?

DÚVIDA CRUEL E PERIGOSA
Entre vários adjetivos ao presidente Jaime Dal Farra o técnico Mazola Júnior largou no meio de seu desabafo uma frase que colocou dá margem a interpretações. Disse o Mazola: “não se esqueça do que aconteceu na última rodada” logo depois de afirmar que: “eu te ajudei, você salvou o Criciúma por causa de mim, rapaz”. E agora, o que pensar? 

RECUO NA POLÊMICA
Conversei segunda-feira com o técnico e perguntei sobre seu amigo, o tal João Feijó. Mazola garantiu que o assunto com o presidente era apenas sobre questões de energia elétrica para indústria e que o amigo não tinha nada a ver com o futebol. Mas, tem, João Feijó tem ligações com o CSA, eterno rival do CRB em Alagoas. Sobre a salvação do Criciúma e os acontecimentos da última rodada Mazola resolveu deixar pra lá. Talvez arrependido.

DEU GATO
O lateral esquerdo Ernandes que jogou em 2018 uma partida pelo Ceará e 31 pelo Goiás está inscrito na CBF com uma certidão de nascimento que lhe dá dois anos a menos de idade. Mesmo assim os clubes não sofrerão nenhuma punição, pois no artigo 35 do Regulamento Geral de Competições da entidade consta que em casos como este uma eventual irregularidade no ato do registro e/ou transferência não se confunde com irregularidade da condição de jogo.

CLUBE MODELO
Fui segunda-feira visitar o Atlético Tubarão e acompanhar a apresentação do técnico Silas. Na coletiva percebi a empolgação do profissional que veio por acreditar no projeto do clube que aos poucos vai se tornando referencia em Santa Catarina. Conversei com o presidente Luiz Henrique Martins Ribeiro que entre outros assuntos enfatizou a parceria com a Unisul que faz do Tubarão a primeira equipe de startup do Brasil. 

ORÇAMENTO
O orçamento do Tubarão para 2019 é de 7 milhões de reais. A previsão de receitas gira pela metade, quer dizer, a empresa que administra o futebol do clube da qual Luiz Henrique é o presidente banca o déficit que pode ser diminuído caso algum atleta seja vendido. 

POUCOS “INCAÍVEIS”
A Chapecoense faz parte do grupo da elite do futebol brasileiro que ainda não foram rebaixados. Desde que subiu em 2014 o Verdão do Oeste irá disputar a série A do campeonato brasileiro pelo sexto ano consecutivo. Flamengo, Cruzeiro, Santos e São Paulo são os outros clubes que jamais disputaram a série B.

MEMÓRIA - 05/12/2009
A falta de recursos para o Criciúma fechar o mês de dezembro em dia com seus compromissos, não tem permitido, por exemplo, pagar as rescisões dos atletas que estão deixando o clube. Alguns têm ido embora com cheques pré-datados e a insegurança de receber o que lhes é devido. Em meio a toda esta dificuldade ainda tenho ouvido que o Criciúma irá contratar de seis a oito jogadores para começar a temporada. De que forma? Com qual dinheiro? Alguns antigos dirigentes que estavam recentemente no clube, por serem do mercado financeiro desembolsavam alguma quantia para viabilizar as negociações. Quando perceberam que os investimentos eram em jogadores de baixa qualidade caíram fora e deixaram o presidente na mais absoluta solidão

4oito

Deixe seu comentário