Ir para o Conteúdo da página Ir para o Menu da página
Carregando Dados...
* as opiniões expressas neste espaço não representam, necessariamente, a opinião do 4oito

Metropol mandando no futebol da cidade

Almanaque da Bola #558
João Nassif
Por João Nassif 01/02/2020 - 09:27

Entre jogos do campeonato catarinense de 1961 quando buscava o bicampeonato, o Metropol disputava em paralelo o regional da LARM.

No dia 22 de junho de 1961 o Metropol enfrentou o Atlético Operário e nos livros históricos do clube, além da ficha técnica da partida tem o comentário do jogo feito por alguém próximo do clube.

Está escrito o seguinte: “Mais um compromisso foi cumprido pelo Metropol, desta feita pelo campeonato regional da LARM frente ao Atlético Operário, saindo-se vencedora a equipe dos Mineiros da Metropolitana pelo alto escore de cinco tentos a um.

Um marcador que não deixa dúvidas, visto a supremacia do futebol empregado pelo onze dirigido pelo técnico Ivo Andrade. Entretanto, o Metropol, apesar de sobrepujar amplamente o seu adversário, não apresentou aquele bonito futebol que aplicou na equipe da Manchester Catarinense no domingo último.

O Metropol jogou o suficiente para vencer de forma categórica o Atlético Operário que não vem se apresentando muito bem na atual temporada. No final do cotejo Veloso, defensor atleticano foi expulso e Canela saiu do gramado contundido não podendo mais retornar a campo”.

O jogo foi estádio Euvaldo Lodi com uma renda de Cr$ 13.800,00.

O árbitro foi Virgílio Jorge auxiliado por Arnoldo Amboni e Afonso Câmara Ávila.

Metropol: Dorni, Zezinho, Jorge e Tenente (Flázio); Sabiá e Walter; Márcio, Chagas, Waldir, Pedrinho e Canela.

Atlético: Pavei, Veloso, Uca, Monge e Foguinho; Dino e Santinho; Agenor, Aldo, Gelson e Jorginho.

Márcio duas vezes, Pedrinho, Sabiá e Waldir marcaram para o Metropol e Jorginho fez o gol do Atlético Operário.
 

4oito

Deixe seu comentário