Ir para o Conteúdo da página Ir para o Menu da página
Carregando Dados...

Mártires da incompetência

Euforia e resignação
João Nassif
Por João Nassif 03/11/2019 - 12:53Atualizado em 03/11/2019 - 12:53

É muito pesada a carga que a torcida do Criciúma tem que carregar para tirar o time do rebaixamento. Tenho acompanhado as entrevistas do técnico e de jogadores conclamando a presença de todos para ajudar o time que tem se mostrado incapaz de dar uma resposta positiva aos torcedores que estão fazendo um trabalho espetacular nas arquibancadas esperando algumas migalhas de dentro do campo.

Cada um que vai ao estádio, seja sócio ou não, mas responde ao chamamento e fazendo sua parte, pressionando árbitros, adversários e quem quer que se intrometa em sua missão. Mesmo assim não vê correspondência para atingir o clímax com uma mísera vitória.

A resposta de sábado foi emblemática. Depois de fazer o que teria que fazer durante os 90 minutos, somente poucos manifestaram contrariedade com vaias e palavras de ordem contra todos do clube ao passo que muitos, muitos mesmos, saíram do estádio resignados pensando que não adianta fazer a parte que lhes cabe e não ser recompensado.

É triste ver o semblante da impotência daqueles que realmente tem verdadeira paixão pela camisa tricolor. E o dono? Não dá para saber de seu sentimento, pois ele que se diz torcedor fica enclausurado no silêncio e não vem dar satisfações a quem realmente ama o Criciúma. 
 

4oito

Deixe seu comentário