Ir para o Conteúdo da página Ir para o Menu da página
Carregando Dados...
* as opiniões expressas neste espaço não representam, necessariamente, a opinião do 4oito

Grazie Vettel

Saída de um tetra campeão
João Nassif
Por João Nassif 16/05/2020 - 21:20Atualizado em 16/05/2020 - 22:10

Thiago Ávila *

No dia 11 de setembro de 2018 (curiosa data) publiquei isso em meu twitter:
 

Charles Leclerc e Carlos Sainz

Tudo não passava de um mero exercício de imaginação sobre quando Vettel iria sair da Ferrari. Na época, os rumores da aposentadoria do alemão haviam começado. Seb vinha de uma queda de rendimento no segundo semestre, principalmente depois de sua batida na Alemanha, quando tinha tudo para vencer a corrida em casa.

Eu, como um simpatizante do estilo de pilotagem do alemão, imaginava que daria a volta por cima no ano seguinte, principalmente porque nos testes de pré-temporada, ele liderava com uma boa margem. Liderando a Ferrari, ao lado do jovem Charles Leclerc, Vettel conquistaria o inédito título com a Ferrari... mero devaneio.

Seb fez sua pior temporada na carreira, com apenas uma vitória, e completamente destruído pelo companheiro. Vettel parecia um mero coadjuvante no pelotão da frente, à sombra de um jovem de 21 anos.

Nessa terça-feira, um baque: VETTEL ANUNCIA SAÍDA DA FERRARI NO FINAL DE 2020.

A escuderia já parecia não demonstrar mais interesse no tetracampeão depois de oferecer um contrato de apenas um ano, com uma redução drástica no salário de 33 milhões de euros para 12 milhões por ano.

Seb deve ter ficado abalado com seu posto de número um ter sido ameaçado. Mesmo motivo que o fez sair da Red Bull em 2014. A diferença é que agora ele é apenas um piloto experiente de 32 anos – tudo bem, com um currículo invejável – e nenhuma equipe de ponta o deseja. Verstappen e Leclerc são os nomes da vez, Vettel é ultrapassado. Carlos Sainz, de 25 anos, vem para substituí-lo. Ele é o presente, Vettel é o passado.

Voltando a minha postagem profética, eu errei o ano, achei que a relação Seb-Ferrari duraria por mais tempo. 2020 serão os últimos momentos do “Grazie Ragazzi, Forza Ferrari”, vamos aproveitar ao máximo!

https://www.youtube.com/watch?v=C9ytrn1b_0U

Grazie mille, Seb.

* Jornalista


 

4oito

Deixe seu comentário