Ir para o Conteúdo da página Ir para o Menu da página
Carregando Dados...

Faltam 36 dias para o início da Copa do Mundo na Rússia

João Nassif
Por João Nassif 09/05/2018 - 16:27

A Itália que não teve sucesso para sediar a primeira Copa do Mundo foi indicada pela FIFA paras sediar a segunda, depois da desistência da Suécia que havia sido indicada para ser a sede do Mundial de 1934. Nunca ficou bem explicada a misteriosa desistência dos suecos.

Mas, enfim, o regime fascista oprimia a Itália e o ditador Benito Mussolini via a oportunidade de utilizar a Copa do Mundo numa espécie de propaganda do regime. A influência do ditador na decisão da FIFA foi indiscutível e se impôs em diversos aspectos, como por exemplo, a indicação de árbitros suspeitos para as partidas da Itália. O árbitro sueco Ivan Eklind que apitou a semifinal e final teria se encontrado com Mussolini antes dos jogos.

O Uruguai não foi à Itália defender seu título boicotando os europeus que se negaram a participar do primeiro Mundial em terras uruguaias. A Itália, país sede teve que disputar jogos eliminatórios, fato único em toda histórias dos Mundiais.

A Copa de 1934 foi um torneio eminentemente europeu com a presença de 12 seleções da Europa, duas da América do Sul, uma da América Central e do Norte e uma da África.

Na Itália na Copa de 1934 foram disputados 17 jogos e marcados 70 gols, com média de 4,12 gols/jogo.

O artilheiro foi o tcheco Oldrich Nejedly com cinco gols.

Na decisão a Itália derrotou a Tchecoslováquia por 2x1. A Alemanha ficou em terceiro e Áustria na quarta colocação.
 

4oito

Deixe seu comentário