Ir para o Conteúdo da página Ir para o Menu da página
Carregando Dados...

Dupla de confiança

Justiça à brasileira
João Nassif
Por João Nassif 06/04/2019 - 07:21

COMPROMETIMENTO
É o termo da moda no futebol que identifica um jogador ou um plantel que estão unidos na busca dos objetivos traçados pela diretoria e comissão técnica de um clube. Conversei há poucos dias com o diretor executivo João Carlos Maringá e com o técnico Gilson Kleina e ambos garantiram que todos os jogadores do Criciúma estão a fim de fazer história no clube, na busca do acesso no final do ano e até na conquista do título estadual que a seis anos o clube não consegue. O comprometimento de todos está garantido.

PEÇAS NOVAS
Quando da chegada da dupla foi feito um trabalho de conscientização dos atletas onde foi cobrado o comprometimento. Não que havia alguém descompromissado, mas não havia reação em conjunto dentro de campo. Maringá e Kleina pelo histórico vencedor de ambos fizeram com que todos entendessem o que representa vestir uma camisa histórica e de tradição. Em seguida as contratações do Wesley e Vinícius, jogadores de série A, reforçaram o espirito vencedor do comando e os remanescentes entenderam a mensagem e hoje o grupo é totalmente voltado para a busca dos resultados. Os dois atletas vieram por conhecer e acreditar no trabalho do técnico que os comandou em outros clubes.

A HORA DA VERDADE 
Tenho enfatizado nos comentários pós penúltima rodada do catarinense que o peso da camisa levou o Criciúma de desacreditado ao G-4 a uma partida da semifinal. O jogo de amanhã em Tubarão pode confirmar esta tendência. Vai enfrentar um time desesperado à beira do rebaixamento, um time que conquistou dois empates contra equipes muito acima na classificação e por erros de pênaltis nos dois jogos não conseguiu a pontuação que o livraria da degola. Hercílio Luz e Criciúma jogarão pela vida no Aníbal Costa.

TRIBUNAIS ESPORTIVOS, VERGONHA NACIONAL
O artigo 53 do CBJD (Código Brasileiro de Justiça Desportiva) proíbe que um membro de Comissões Disciplinares que tenha dado voto na punição em primeira instancia de participar do julgamento no Pleno. Num julgamento nesta semana o TJD paulista atendendo a Procuradoria do Tribunal aumentou a pena de um jogo no julgamento em primeira instancia para quatro jogos. O acórdão publicado pelo Tribunal foi publicado e nele consta o nome de um auditor que votou no primeiro julgamento. O presidente do TJD mentiu ao afirmar que o tal auditor não havia votado no julgamento do Pleno. A ESPN teve acesso ao acórdão e confirmou que aquele auditor havia votado, sim. Como confiar em Tribunais por este país!

PERDENDO O ENCANTO?
Depois de ser aclamado por todos que acompanham o futebol o Grêmio teve uma queda brutal neste início de Libertadores. Se no campeonato gaúcho ainda está conseguindo manter o padrão das últimas temporadas, na competição sul-americana ficou na lanterna e seu grupo após três rodadas conseguindo apenas um ponto. Matematicamente ainda tem chances de classificação, mas vai depender de uma combinação de resultados que pode no momento é impensável. 

06/04 – “NÃO AOS TESTES NUCLEARES”
Em 06 de abril de 1998, a França e o Reino Unido ratificam o Tratado de Proibição Total de Testes Nucleares, com o objetivo de impedir o desenvolvimento dessas armas. Para que entre em vigor, é necessário que os 44 países da Conferência de Desarmamento assinem o Tratado, o que ainda não aconteceu.
 

4oito

Deixe seu comentário