Ir para o Conteúdo da página Ir para o Menu da página
Carregando Dados...

Comentarista da palavra fácil

Almanaque da Bola #334
João Nassif
Por João Nassif 22/06/2019 - 07:32

O saudoso comentarista Luiz Mendes, o mais antigo cronista em atividade no Brasil à época de seu falecimento era dono de um prestígio que ultrapassava a audiência dos cariocas e que se tornou unanimidade nacional. Pelas ondas potentes da Rádio Globo do Rio sua voz foi ouvida em todo país e certamente deixou saudades pela competência como exercia sua profissão, além de ser um ótimo caráter. 

O comentarista da palavra fácil como era chamado teve uma curta passagem pela Rádio Tupi, também do Rio e foi um dos fundadores dos debates esportivos conhecidos como Mesas Redondas na extinta TV Rio.

Luiz Mendes

Apesar de ter feito toda sua carreira no Rio de Janeiro, Luiz Mendes nasceu no Rio Grande do Sul, em Palmeiras das Missões em junho de 1924 e morreu em 2011 com 87 anos.   

Pelo fato de ser gaúcho, Luiz Mendes teve sempre grande carinho pelos profissionais que trabalhavam no rádio do Rio Grande do Sul. Quando eu fazia parte da equipe da Rádio Gaúcha pude conviver com ele em algumas situações e pude desfrutar de seus ensinamentos, adquirindo mais experiência no tratamento do jornalismo esportivo.

Durante a excursão da seleção brasileira pela América do Sul para disputar as eliminatórias para a Copa de 1982, os quase 30 dias que durou a viagem estivemos juntos em várias oportunidades. Como já frisei seu carinho sempre foi claro conosco profissionais do Rio Grande do Sul e como tinha a palavra fácil, nos orientava sobre a maneira correta de enfocar a seleção brasileira, pelo seu peso e penetração no sentimento popular.

Perdemos um grande mestre e um ótimo comentarista, mas tudo vem na sua hora certa. Hoje, mesmo longe durante tantos anos sempre reverenciei seu trabalho e sua postura e a grande contribuição que deu à profissão.

A fila anda.
 

4oito

Deixe seu comentário