Ir para o Conteúdo da página Ir para o Menu da página
Carregando Dados...
* as opiniões expressas neste espaço não representam, necessariamente, a opinião do 4oito

Catarinenses no campeonato brasileiro

Almanaque da Bola #423
João Nassif
Por João Nassif 19/09/2019 - 13:22

Três clubes catarinenses disputaram o campeonato brasileiro da série A de 2014. Um o Criciúma que havia subido em 2012, os outros dois Figueirense e Chapecoense que conseguiram o acesso em 2013.

Criciúma em 2012

Depois de cumpridas 38 rodadas a trinca catarinense perdeu um componente, o Criciúma que terminou o campeonato na última colocação com apenas 32 pontos. O Figueirense ficou em 13º com 47 pontos e a Chapecoense em 15º com 43.

Se para a série A de 2015 Santa Catarina havia perdido um representante com o rebaixamento do Criciúma, o estado ganhou outros dois com os acessos de Avaí e Joinville. 
Joinville, aliás que foi o campeão da série B em 2014, deixando Santa Catarina com quatro equipes na elite do futebol brasileiro em 2015.

As temporadas foram sendo disputadas e o Criciúma que havia sido rebaixado em 2014 continua até hoje na série B sem nunca ter sequer se aproximado da zona de acesso.

O Joinville jogou 2015 na elite, foi rebaixado e com sucessivas quedas terminou o ano de 2019 eliminado na primeira fase da série D, sem perspectivas de retorno à uma divisão maior.

O Avaí que vive num processo de acesso e descenso disputa hoje a série A com grandes chances de mais um rebaixamento.

O Figueirense que é o catarinense com mais presença na série A, hoje na segunda divisão, passa uma grave crise administrativa e financeira e também está muito próximo de ser rebaixado para a série C.

Finalmente a Chapecoense que disputou a série A pela primeira vez em 2014 tem conseguido se manter e este ano participa da elite pela sexta vez consecutiva, quer dizer, nunca foi rebaixada, mas agora em 2019 também por problemas administrativos está correndo riscos reais de voltar para a segunda divisão.
 

4oito

Deixe seu comentário