Ir para o Conteúdo da página Ir para o Menu da página
Carregando Dados...
* as opiniões expressas neste espaço não representam, necessariamente, a opinião do 4oito

Almanaque da Bola #051

Surgiu o apelido de "Glorioso"
João Nassif
Por João Nassif 11/09/2018 - 19:42

“Botafogo, Botafogo, campeão desde 1910″. A frase composta por Lamartine Babo abre o hino do Botafogo de Futebol e Regatas. 

Este realmente o primeiro título oficial do alvinegro, até que em 1996, foi reconhecido o título de 1907, dividido com o Fluminense.

O título de 1910, que neste mês completa 108 anos, foi conquistado de forma magistral, com nove vitórias em dez jogos. Foram 66 gols marcados contra apenas nove sofridos. 
Entre as goleadas aplicadas, 15 a 1 no Riachuelo e 11 a 0 no Haddock Lobo. O poderio ofensivo se mostrou também na decisão, quando o Fogão atropelou o Fluminense por 6 a 1. O grande destaque do time foi Abelardo de Lamare, artilheiro do campeonato com 22 gols.

Nas manchetes do dia seguinte, estampava o Botafogo como “Glorioso campeão de 1910″. Daí surgiu o apelido que o clube carrega até hoje.

Alceu Mendes de Oliveira Castro, primeiro historiador do Botafogo descreveu assim a vitória do dia 25 de setembro sobre o Fluminense:
“O primeiro tempo teve um sensacional transcurso e Abelardo Delamare, o formidável meia alvinegro, sob o delírio do público, enviou três bolas às redes tricolores. Iniciado o segundo tempo, em uma investida de Cox, Lulu, querendo passar a bola a Coggin, vasa nossas próprias redes. 
O Fluminense se alegra, mas em pura perda, pois o Botafogo reage como um leão, reassume o controle do jogo e mais três bolas magistrais, duas de Décio e uma de Mimi, vão dormir nas redes de Waterman, definindo a estrondosa contagem de 6x1. Estava o Botafogo vencedor e campeão, sob o delírio de uma multidão verdadeiramente alucinada! Nascia, com esta notável façanha, o ‘Glorioso’!” 


 

4oito

Deixe seu comentário