Ir para o Conteúdo da página Ir para o Menu da página
Carregando Dados...

10 times entre o céu e o inferno

Cálculos e projeções
João Nassif
Por João Nassif 19/11/2018 - 10:25

A rodada final da série B que será jogada no próximo sábado reservou emoções nas brigas pelo acesso e descenso com o envolvimento de 10 times, metade dos participantes, nas ponto de cima e de baixo na classificação.

Na briga pelo acesso, Avaí, Ponte Preta, CSA e Atlético-GO ainda tem chances sendo que a missão mais fácil é do CSA que mesmo fora de casa irá enfrentar o já rebaixado vice lanterna Juventude. Mesmo fora do G-4 o time alagoano conta com o confronto direto entre Avaí e Ponte Preta que com qualquer resultado confirmará o acesso de apenas um. O Avaí joga pelo empate. 

Ainda que remotamente o Atlético-GO poderá subir desde que haja empate na Ressacada e o CSA seja derrotado em Caxias do Sul.

A tendência é que Avaí e CSA façam companhia ao Fortaleza em Goiás na elite em 2019.

Na ponta de baixo a pior situação é do Paysandu que é obrigado a vencer em casa o Atlético-GO e torcer para que o Criciúma ou Oeste não vençam seus jogos. Se empatar só não cairá se o Criciúma perder no Heriberto Hülse para o Sampaio Correa por três gols de diferença. Perdendo na Curuzu para o time goiano vai para a série C no ano que vem.

Ainda sob riscos Criciúma, Oeste e CRB, todos jogando em casa, têm a missão teoricamente mais fácil. Sampaio Correa, Boa, adversários de Criciúma e Oeste, respectivamente já estão rebaixados. O Figueirense adversário do CRB não deve assustar, pois faz uma campanha horrorosa nesta reta final.

Figueirense e São Bento ainda poderão ser rebaixados, mas o saldo de gols de ambos é melhor que dos demais, portanto os riscos são pequenos.

Deve sobrar para o Paysandu preencher o quadro final do descenso.
 

4oito

Deixe seu comentário