Ir para o Conteúdo da página Ir para o Menu da página
Carregando Dados...

Orçamento de 2020 não prevê recursos para a BR-285

Adelor Lessa
Por Adelor Lessa 03/09/2019 - 18:05Atualizado em 03/09/2019 - 18:48

O Orçamento da União para 2020 não prevê 1 centavo sequer para a sequência das obras na BR-285 na Serra da Rocinha, em Timbé do Sul. Os deputados foram checar e confirmaram que não há qualquer previsão, o que não viabiliza a conclusão das obras ao longo do ano que vem.

Cabe lembrar que, não faz muito, o ministro de Infraestrutura, Tarcísio Gomes de Freitas reafirmou o compromisso do governo de fazer a obra e concluir no ano que vem. O assunto será tratado em seguida em reunião do Fórum Parlamentar Catarinense em Brasília. O deputado Ricardo Guidi (PSD) foi ao Ministério da Infraestrutura buscar informações.

Não tem dotação. Mas não estava confirmado? Os deputados Geovania de Sá e Ricardo Guidi foram ao Ministério da Infraestrutura, em momentos separados, ouviram que de fato não há mais a verba, mas houve a promessa de que "o governo daria um jeito". Na reunião do Fórum, estão pedindo providências para quem sabe voltar a procurar o ministro.

Entre as prioridades apontadas naquela reunião de meados de agosto estava a BR-285. O ministro Tarcísio Gomes de Freitas e o presidente Jair Bolsonaro garantiram a obra. Na semana passada, os prefeitos de Turvo e Timbé do Sul foram ao Ministério de Infraestrutura e ouviram a mesma coisa, que tem R$ 20 milhões para encaminhar esse ano e terminar a obra em 2020. Mas como terminar a obra se não tem dotação orçamentária?

Ouvi de técnicos que serão necessários mais R$ 40 milhões em 2020 para terminar a obra. Também já ouvi dizer que só precisa R$ 20 milhões para o ano que vem. Falei a pouco com o prefeito Tiago Zilli que informou que não há projeto pronto para o que falta da obra. O xis da questão é que não está assegurado dinheiro para a rodovia para 2020. O que foi dito nas últimas semanas não foi confirmado na prática na proposta orçamentária para 2020.

Atualizando...

Geovania e Ricardo Guidi mais o deputado Daniel Freitas e outros seis deputados federais catarinenses foram ao Palácio do Planalto no fim da tarde. Levaram a preocupação e o General Ramos, em nome do governo, disse que é corte linear no orçamento. Teve ministério com corte de até 50%. São cortes nos investimentos previstos para 2020. Em resumo, efetivamente não está previso no orçamento para o ano que vem a obra na BR-285, não tem dinheiro previsto. "Não tem dinheiro", reforçou o general que atendeu os parlamentares catarinenses.

Para o resto de 2019 tem algo em torno de R$ 20 milhões para terminar o que está encaminhado nesse ano. É algo a ser administrado. O Fórum está reunido para isso, devem voltar ao Palácio do Planalto e ao ministério para resolver esse assunto. Todos falam, compromissos de todos mas quando chega o documento não consta a obra. Se cochilar, a obra não sai.

4oito

Deixe seu comentário