Ir para o Conteúdo da página Ir para o Menu da página
Carregando Dados...
4
* as opiniões expressas neste espaço não representam, necessariamente, a opinião do 4oito

Urussanga: Ministério Público denuncia 11 na denúncia de desvio na Prefeitura

Prefeito Gustavo Cancelier continua afastado
Adelor Lessa
Por Adelor Lessa 24/11/2021 - 16:49Atualizado em 24/11/2021 - 17:04

No momento em que o afastamento do cargo do prefeito de Urussanga, Gustavo Cancelier, PP, passa dos 170 dias, o Ministério Público Federal formalizou denúncia contra 11 investigados no processo que apura desvio de recursos na prefeitura.

A operação iniciou com investigação da Polícia Federal "batizada" de Operação Benedetta.

No dia 20 de maio, atendendo pedido da Polícia Federal e do Ministério  Público, o Tribunal Regional Federal determinou o afastamento do prefeito do cargo por seu suposto envolvimento direto com os desvios.

Das investigações da Polícia Federal,  14 pessoas investigadas foram indiciadas, entre servidores públicos municipais, engenheiros e empresários, enquadrados nos crimes de organização criminosa, desvio de recursos, extravio, sonegação ou inutilização de livro ou documento, falsidade ideológica e peculato.

Agora, os 11 denunciados pelo Ministério Público terão 15 dias para apresentar a defesa.

O Ministério Púbico também pediu para que seja mantido o afastamento do prefeito Cancelier. O Tribunal Regional Federal postergou decisão a respeito até o julgamento dos embargos protocolados por seus advogados, agendado para o dia 9 de dezembro.

Pelo menos até lá, o prefeito continuará afastado.

A defesa do prefeito Gustavo Cancelier ainda não teve acesso ao detalhamento da denúncia e só vai se manifestar depois que conhecer o seu conteúdo. 

 

4oito

Deixe seu comentário